Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Para que serve o laser na fisioterapia, como usar e contraindicações

Os aparelhos de laser de baixa potência são usados na eletroterapia para o tratamento de doenças, a fim de cicatrizar os tecidos mais rápido, combater a dor e a inflamação.

Normalmente é usado o laser com uma ponteira em forma de caneta que é aplicada sobre de forma pontual sobre a área que deseja tratar, mas existe também um outro cabeçote que permite o uso do laser em forma de varredura sobre a área a ser tratada. Um outro tipo de laser que também pode ser usado para fins estéticos, são o laser de alexandrite, e o laser de CO2 fracionado, por exemplo.

Para complementar o tratamento com o laser de baixa potência geralmente é indicado o uso de outros recursos eletroterapêuticos, exercícios de alongamento, fortalecimento e técnicas manuais, de acordo com a necessidade. 

Para que serve o laser na fisioterapia, como usar e contraindicações

Para que serve 

O tratamento com laser de baixa potência está recomendado nas seguintes situações: 

  • Dor crônica;
  • Úlcera de decúbito;
  • Regeneração e cicatrização de feridas crônicas;
  • Artrite reumatoide;
  • Osteoartrite;
  • Dor nas articulações;
  • Dor miofascial;
  • Epicondilite lateral;
  • Alterações envolvendo os nervos periféricos. 

O laser é capaz de promover a regeneração dos tecidos, inclusive dos neurônios motores e por isso pode ser usado no tratamento da compressão do nervo ciático, alcançando bons resultados. 

Como usar o laser na fisioterapia 

A dosagem habitual do laser de AsGa, He-Ne ou diodo é de 4 à 8 J/cm2, sendo necessário encostar o laser na pele com uma pressão firme sobre a área a ser tratada, também pode-se colocar a ponta da caneta do laser em pontos-chave, como trigger point ou pontos de acupuntura para realizar a terapia com laser e acupressão, sendo esta uma alternativa possível às agulhas tradicionais da acupuntura. 

Quando não é possível tocar a caneta do laser sobre a região a ser tratada, como acontece na região do meio da úlcera de decúbito, deve-se colocar um adaptador e manter uma distância de 0,5 cm da região a ser tratada, e usar a caneta nas bordas do tecido. A distância entre os locais de disparos deve ser de 1-2 cm, e cada disparo do laser deve ter 1 J por ponto, ou cerca de 10J/cm2.

No caso de lesões nos músculos, tal como ocorre na prática de exercício físico, pode-se usar doses mais altas, com máximo de 30 J/cm2 e nos primeiros 4 dias da lesão, pode-se utilizar o laser de 2-3 vezes ao dia, sem ser excessivo. Após esse período pode-se diminuir o uso do laser e a sua intensidade para o habitual 4-8 J/cm2. 

É necessário uso de óculos de proteção tanto no fisioterapeuta, como no paciente durante todo uso do equipamento. 

Quando é contraindicado

O uso do laser de baixa potência está contraindicada para aplicação direta sobre os olhos (abertos ou fechados) e também em caso de:

  • câncer ou suspeita de câncer;
  • sobre o útero em gestação;
  • ferida aberta ou com hemorragia porque pode promover a vasodilatação agravando o sangramento;
  • quando o paciente não é confiável ou tem deficiência mental;
  • em cima da região cardíaca em pessoas com alterações cardíacas,
  • em pessoas que apresentam hipersensibilidade cutânea ou que tomam medicamentos fotossensibilizantes;
  • em caso de epilepsia, porque pode desencadear uma crise epilética. 

Apesar de não ser uma contraindicação absoluta também não se recomenda usar o laser em regiões com a sensibilidade alterada. 


Bibliografia

  • Sheila Kitchen. Eletroterapia: Prática Baseada em Evidências. 11.ed. São Paulo: Manole, 2003. 171-190.
  • CAMARGO, Vanessa Marques; COSTA, Janaína; ANDRÉ, Edison Sanfelice. Estudo comparativo entre dois tipos de raio laser de baixa potência e seus respectivo efeitos sobre a regeneração nervosa periférica. Fisioterapia em Movimento. Vol.19. 2.ed; 127-134, 2006
Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem