Somos REDE D'OR
icon de informação icon de telefone 3003-3230
Número disponível apenas em território brasileiro, com custo de chamada local.

Labirintite emocional: o que é, sintomas, causas e tratamento

Revisão médica: Dr.ª Clarisse Bezerra
Médica de Saúde Familiar
novembro 2022

A labirintite emocional é uma situação causada por alterações emocionais como excesso de estresse, ansiedade ou depressão que pode levar à inflamação dos nervos do ouvido ou do labirinto, que é uma estrutura presente no ouvido que é responsável pelo equilíbrio.

Assim, como consequência da inflamação do labirinto, é comum que surjam sintoma como sensação de pressão e zumbido no ouvido, diminuição do equilíbrio, tontura e dor de cabeça frequente, que pioram em situações de estresse agudo ou durante movimentos repentinos da cabeça.

Durante a crise, é aconselhado repousar para aliviar os sintomas, mas é também muito importante que, fora da crise, se faça algum tempo de acompanhamento psicológico, para evitar que volte a surgir, especialmente quando é muito recorrente.

Imagem ilustrativa número 1

Principais sintomas

Os principais sintomas de labirintite emocional são:

  • Náuseas;
  • Tonturas;
  • Zumbido constante no ouvido;
  • Dificuldade para ouvir ou perda momentânea da audição;
  • Sensação de ouvido entupido;
  • Desequilíbrio.

Na presença de sinais e sintomas de labirintite é importante que o otorrinolaringologista seja consultado para que seja confirmado o diagnóstico e iniciado o tratamento. Confira outros sintomas de labirintite.

Teste online de sintomas

Para saber o risco de estar com labirintite, selecione os sintomas apresentados no teste a seguir:

  1. 1.Dificuldade para manter o equilíbrio
  2. 2.Dificuldade para focar a visão
  3. 3.Sensação de que tudo em volta está se movendo ou rodando
  4. 4.Dificuldade para ouvir com clareza
  5. 5.Zumbido constante no ouvido
  6. 6.Dor de cabeça constante
  7. 7.Tonturas ou sensação de vertigem

O teste de sintomas é uma ferramenta que serve apenas como orientação, não servindo como diagnóstico e nem substituindo a consulta com o otorrinolaringologista.

Possíveis causas

A labirinte emocional acontece como consequência de fatores psicológicos e/ ou emocionais, podendo ser desencadeada por:

  • Depressão;
  • Ansiedade;
  • Excesso de estresse;
  • Perda de um ente querido;
  • Síndrome do pânico;
  • Perda do emprego;
  • Pressão e cobranças no trabalho ou nos estudos.

É importante que a causa responsável pelo aparecimento dos sintomas de labirintite seja identificada, pois assim é possível que o melhor tratamento seja iniciado.

Como é feito o tratamento

O tratamento da labirintite emocional deve ser feito com acompanhamento de psicoterapia com o objetivo de identificar a principal causa da alteração. Em geral, o tratamento pode ser feito sem incluir o uso de medicamentos, trabalhando apenas para fortalecer lado emocional, aumentar a autoestima e ensinar técnicas para lidar com a ansiedade e o estresse. No entanto, em casos de depressão ou de ansiedade generalizada, pode ser necessário o uso de medicamentos para ajudar a combater crises dessas doenças.

Além disso, para evitar novas crises de labirintite, deve-se beber pelo menos 2 litros de água por dia, evitar o consumo de bebidas alcoólicas e gaseificadas, evitar alimentos ricos em doces e gorduras, praticar atividades físicas e parar de fumar. Veja mais detalhes sobre a alimentação para labirintite.

Opções caseiras para aliviar a labirintite

Algumas dicas para combater as crises e aliviar o estresse e a ansiedade que causam a labirintite são:

  • Evitar locais barulhentos e com muita gente, como shows e estádios de futebol;
  • Fazer as refeições em local calmo e tranquilo;
  • Praticar atividade física regularmente, pois ela aumenta a produção de hormônios que dão a sensação de prazer e bem estar;
  • Aumentar o consumo de ômega 3, que está presente em alimentos como peixes, castanhas e linhaça;
  • Tomar diariamente sucos e chás calmantes, como os que são feitos a partir de camomila, maracujá e maçã.

Além disso, também pode-se investir em massagens relaxantes de 1 a 2 vezes por semana e no tratamento com acupuntura, que a ajuda a restabelecer o equilíbrio do corpo e a controlar as emoções. Veja algumas opções de remédios caseiros para combater a ansiedade.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Marcela Lemos - Biomédica, em novembro de 2022. Revisão médica por Dr.ª Clarisse Bezerra - Médica de Saúde Familiar, em dezembro de 2019.

Bibliografia

  • DOMMARAJU, S.; PERERA, Eshini. An approach to vertigo in general practice. Australian Family Physician. 45. 4; 190-4, 2016
  • BARKWILL, D.; ARORA, R. IN: STATPEARLS [INTERNET]. TREASURE ISLAND (FL): STATPEARLS PUBLISHING. Labyrinthitis. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK560506/>. Acesso em 05 nov 2021
Mostrar bibliografia completa
  • WIPPERMAN, J. Dizziness and vertigo. Prim Care. 41. 1; 115-31, 2014
  • EDLOW, J. A.; et al. A New Diagnostic Approach to the Adult Patient with Acute Dizziness. J Emerg Med. 54. 4; 469-483, 2018
Revisão médica:
Dr.ª Clarisse Bezerra
Médica de Saúde Familiar
Formada em Medicina pelo Centro Universitário Christus e especialista em Saúde da Família pela Universidade Estácio de Sá. Registro CRM-CE nº 16976.