Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como montar um kit de primeiros socorros

Ter um kit de primeiros socorros é uma ótima forma de garantir que se está preparado para socorrer, rapidamente, vários tipos de acidentes, como picadas, pancadas, quedas, queimaduras e até sangramentos.

Embora o kit possa ser comprado pronto em farmácias, por cerca de 50 reais, também pode ser preparado em casa e adaptado às necessidades de cada pessoa. Por exemplo, o kit pode ser preparado para socorrer apenas acidentes domésticos, acidentes de trânsito ou pequenas situações ando se vai de férias.

Veja neste vídeo tudo o que precisa para ter um kit bem completo:

Lista de materiais necessários

O conteúdo da caixa de primeiros socorros pode ser muito variado, porém, os produtos e materiais básicos incluem:

  • 1 embalagem de soro fisiológico a 0,9%: para limpar o machucado;
  • 1 solução antisséptica para feridas, como álcool iodado ou clorexidine: para desinfectar feridas;
  • Gazes esterilizadas de vários tamanhos: para cobrir feridas;
  • 3 ataduras e 1 rolo de esparadrapo: ajudam a imobilizar membros ou para segurar compressas no local de uma ferida;
  • Luvas descartáveis, idealmente sem látex: para proteger do contato direto com sangue e outros fluídos corporais;
  • 1 embalagem de algodão: facilita a aplicação de produtos nas bordas da ferida;
  • 1 tesoura sem ponta: para cortar esparadrapo, gazes ou ataduras, por exemplo;
  • 1 embalagem de curativo tipo band-aid: para cobrir cortes e feridas pequenas;
  • 1 termômetro: para medir a temperatura corporal;
  • 1 frasco de colírio lubrificante: permite lavar os olhos em caso de contato com substâncias irritantes, por exemplo;
  • Pomada para queimadura, como Nebacetin ou Bepantol: hidratam a pele enquanto aliviam a queimação da queimadura;
  • Paracetamol, ibuprofeno ou cetirizina: são medicamentos genéricos que podem servir para vários tipos de sintomas e problema comuns.

O kit com estes materiais pode ser utilizado em quase todas as casas, escolas e locais de trabalho, pois contém os materiais necessários para tratar as situações de emergência mais comuns nesses tipos de ambiente. Aprenda o que fazer nos 8 tipos de acidentes domésticos mais comuns.

Porém, o kit pode ainda ser adaptado de acordo com as necessidades de cada situação. Por exemplo, no caso de esportes, como futebol ou corrida, pode-se também adicionar um spray de anti-inflamatório ou de frio para reduzir a inflamação provocada por lesões musculares ou articulares. Veja o que fazer em caso de acidentes no esporte.

Já quando se vai viajar de férias, também é importante incluir uma cartela extra de todos os medicamentos utilizados. Além disso, remédios para diarreia, enjoo ou problemas de estômago, e até uma pomada para picadas de insetos, podem ser úteis.

Como escolher o recipiente

O primeiro passo para preparar o kit de primeiros socorros consiste em escolher corretamente o recipiente que irá conter todo o material. Idealmente, deve ser grande o suficiente, mas fácil de transportar, transparente e feito de plástico duro, para permitir observar rapidamente o que está em seu interior e também proteger os materiais de danos.

No entanto, pode ser utilizada qualquer bolsa ou caixa, desde que corretamente assinalada no exterior com letras, indicando "Kit de Primeiros Socorros", ou uma cruz vermelha, para que qualquer pessoa possa identificar o recipiente correto durante situações de urgência.

Como manter o kit atualizado

Enquanto se coloca todos os materiais no interior do recipiente é aconselhado fazer uma lista com a quantidade e a data de validade de cada componente. Dessa forma, é mais fácil garantir que todo o material é reposto assim que for utilizado, além de permitir avaliar se existe algum produto que precisa ser substituído por estar fora do prazo.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...