Kaloba: para que serve, posologia, como tomar e efeitos colaterais

junho 2022

O Kaloba é um remédio natural, que contém o extrato das raízes da planta Pelargonium sidoides, rico em substâncias como flavonóides, polifenóis, esterinas e cumarinas hidroxiladas, que ajudam a combater infecções respiratórias agudas virais ou bacterianas, como resfriado comum ou amigdalite, por exemplo.

Esse remédio pode ser usado por crianças com mais de 1 ano, adolescentes ou adultos, devendo ser recomendado por um médico ou nutricionista, que podem indicar a dose mais adequada. O Kaloba pode ser encontrado em farmácias na forma de comprimidos ou solução em gotas e pode ser comprado sem receita médica.

O Kaloba em gotas não deve ser usado por crianças com menos de 1 ano de idade e os comprimidos não devem ser usados por crianças com menos de 12 anos. Além disso, esse remédio não é recomendado para pessoas com problemas graves no fígado ou que tenham alergia a algum componente da fórmula.

Para que serve

O Kaloba está indicado para o tratamento de infecções respiratórias como:

  • Resfriado comum: catarro, nariz escorrendo ou tosse;
  • Sinusite aguda: dor de cabeça, inflamação ou infecção nos seios nasais;
  • Faringoamigdalites agudas: dor e inflamação na garganta;
  • Bronquite aguda: tosse, catarro ou dor no peito, principalmente causado por vírus.

Esse remédio também pode ser indicado para infecções bacterianas, como as causadas por estreptococos beta-hemolíticos. Além disso, o Kaloba estimula a função do sistema imunológico por ativar a ação das células de defesa, como os linfócitos, e também apresenta propriedades antioxidantes, protegendo os tecidos.

Saiba como identificar uma infecção respiratória.

Como tomar e posologia

A dose e posologia do Kaloba depende da sua forma de apresentação:

1. Kaloba gotas

As gotas de Kaloba devem ser ingeridas com algum líquido, meia hora antes das refeições, que devem ser pingadas num recipiente, devendo-se evitar dar diretamente na boca da crianças.

A dose recomendada é a seguinte:

  • Adultos e crianças maiores de 12 anos: 30 gotas, 3 vezes ao dia;
  • Crianças com idade entre 6 e 12 anos: 20 gotas, 3 vezes ao dia;
  • Crianças com idade entre 1 e 5 anos: 10 gotas, 3 vezes ao dia.

O tratamento deve ser realizado por 5 a 7 dias, ou conforme indicado pelo médico, não devendo ser interrompido, mesmo após o desaparecimento dos sintomas, ou de acordo com a orientação médica.

2. Kaloba comprimidos

Para adultos e crianças com idade superior a 12 anos, a dose recomendada é de 1 comprimido, 3 vezes ao dia, com o auxílio de um copo de água. Os comprimidos não devem ser partidos, abertos ou mastigados.

Quem não deve usar

O Kaloba não deve ser usado por pessoas com hipersensibilidade aos componentes presentes na fórmula e em pessoas com doença de fígado. As gotas não devem ser dadas para crianças com idade inferior a 1 ano e os comprimidos não são indicados para crianças menores de 12 anos.

Além disso, este medicamento também não deve ser usado em grávidas e mulheres que estejam a amamentar, sem recomendação médica.

Possíveis efeitos colaterais

Embora seja raro, os efeitos colaterais que podem surgir durante o tratamento com Kaloba são dor de estômago, náuseas ou diarreia. Além disso, também podem surgir sangramento leve nas gengivas ou nariz, urticária ou coceira na pele.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Manuel Reis - Enfermeiro, em junho de 2022. Revisão clínica por Flávia Costa - Farmacêutica, em junho de 2022.

Bibliografia

  • TAKEDA. KALOBA. 2017. Disponível em: <https://drogariasp.vteximg.com.br/arquivos/142492---kaloba-gotas-takeda-50ml.pdf>. Acesso em 09 fev 2022
  • AGENCIA ESPAÑOLA DEL MEDICAMENTO Y PRODUCTOS SANITARIOS (AEMPS). KALOBA® gotas orales. 2018. Disponível em: <https://cima.aemps.es/cima/pdfs/es/ft/71733/71733_ft.pdf>. Acesso em 09 fev 2022
Revisão clínica:
Flávia Costa
Farmacêutica
Formada em Farmácia pelo Centro Universitário Newton Paiva em 2003. Mestre em Ciências Biomédicas pela UBI, Portugal.