Genciana: para que serve, como usar e efeitos colaterais

Atualizado em janeiro 2024
Evidência científica

Genciana é uma planta medicinal, da espécie Gentiana lutea, indicada para auxiliar no tratamento de problemas gastrointestinais, como má digestão, azia, gastrite, náuseas ou vômitos, por exemplo, devido suas propriedades antieméticas, anti-inflamatória e digestivas.

As partes normalmente usadas dessa planta medicinal são as raízes, de onde são extraídas as substâncias ativas, como gentisina, alcaloides, taninos e óleos essenciais, para o preparo do chá ou tintura.

A genciana pode ser encontrada em lojas de produtos naturais ou farmácias de manipulação, e deve ser usada com indicação médica ou de um profissional especialista em plantas medicinais.

Imagem ilustrativa número 1

Para que serve

A genciana é indicada para:

  • Excesso de gases intestinais;
  • Cólica abdominal;
  • Má digestão;
  • Náuseas e vômitos;
  • Diarreia ou disenteria;
  • Azia ou gastrite;
  • Vermes intestinais;
  • Anemia.

Além disso, a substância que confere o sabor amargo da planta, a amarogentina e a gentisina, estimula as papilas gustativas e, assim, aumenta o apetite, podendo ser indicada para ajudar a aumentar o apetite.

Os benefícios da genciana se devem às substâncias na sua composição, como gencianina, gencialutina, genciopicrina, genciamarina, pectina, taninos, glicosídeos, óleos essenciais e ácido genciânico, que lhe conferem propriedades antiemética, anti-inflamatória, digestiva, laxante, tônica, antitérmica e antiácida, por exemplo.

Embora tenha muitos benefícios para a saúde, o consumo da genciana não deve substituir o tratamento indicado pelo médico, e deve ser usada com orientação do médico ou fitoterapeuta.

Receba um tratamento mais completo!

Obtenha orientação especializada sobre o que tomar para se recuperar mais rápido.

Marcar consulta

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Sergipe e Ceará.

Como usar

As partes utilizadas da genciana são as raízes para o preparo do chá ou tintura.

1. Chá de genciana

O chá de genciana deve ser tomado antes das refeições.

Ingredientes

  • 1 colher (de chá) de raiz seca e picada de genciana;
  • 1 xícara de água.

Modo de preparo

Colocar a água para ferver e depois deligar o fogo e acrescentar a raiz seca e picada de genciana. Tapar e deixar repousar por cerca de 5 a 10 minutos. Coar, esperar amornar e beber 1 xícara do chá, de 2 a 3 vezes por dia.

2. Tintura de genciana

A tintura de genciana pode ser comprada em farmácias de manipulação ou lojas de produtos naturais, sendo normalmente recomendada para adultos a dose de 1 a 4 mL da tintura diluída em água, até 3 vezes por dia.

O uso da tintura de genciana deve ser orientado pelo médico ou fitoterapeuta.

Possíveis efeitos colaterais

Os efeitos colaterais da genciana surgem quando essa planta é consumida em grandes quantidades, podendo ocorrer dor de cabeça, vômitos e desconforto gastrointestinal.

Quem não deve usar

A genciana não deve ser usada por crianças, mulheres grávidas ou em amamentação, ou por pessoas com pressão alta, predisposição para dor de cabeça ou que tenham úlceras no estômago ou intestino.

Além disso, por conter álcool, o uso da tintura de genciana é contraindicado para pessoas em tratamento de alcoolismo que fazem uso do remédio dissulfiram.