Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Para que serve o remédio Etna

O Etna é um medicamento que serve para o tratamento de distúrbios neurais periféricos, como fraturas ósseas, problemas de coluna, entorses, nervo periférico cortado pelo osso, lesão por objeto perfurocortante, lesões por vibração e procedimentos cirúrgicos no nervo periférico ou em estruturas próximas.

Este medicamento fornece ao organismo nucleotídeos e vitamina B12, substâncias que ajudam no processo de regeneração do nervo periférico lesado, ajudando o nervo a recompor.

O Etna pode ser adquirido em farmácias por um preço de cerca de 50 a 60 reais, na forma de cápsulas ou ampolas injetáveis.

Para que serve o remédio Etna

Como tomar

As doses recomendadas e a duração do tratamento com Etna devem ser indicadas pelo médico, pois dependem da gravidade do problema a tratar. No entanto, a dose recomendada é de 2 cápsulas, 3 vezes por dia, durante 30 a 60 dias, sendo que não se deve ultrapassar o limite máximo de 6 cápsulas por dia.

As ampolas injetáveis só devem ser administradas por um profissional de saúde no hospital e a dose recomendada é de 1 ampola injetável, por via intramuscular, uma vez ao dia, durante 3 dias.

Possíveis efeitos colaterais

Os efeitos colaterais mais comuns que podem ocorrer com o uso de Etna são náuseas, prisão de ventre, vômitos e dor de cabeça.

No caso do injetável pode também ocorrer dor e vermelhidão no local da injeção, insônia, perda de apetite, azia e dor de estômago.

Quem não deve tomar

O Etna não deve ser usado em pessoas com história de alergia a um ou mais componentes da fórmula, em investigação diagnóstica de doença proliferativa, que tiveram um AVC recentemente e em certos tipos de doenças genéticas como, por exemplo, deficiência de diidropirimidino desidrogenase, deficiência de ornitina carbamoiltransferase e deficiência de diidropirimidinase. Também não deve ser usado em mulheres grávidas, a não ser que seja indicado pelo médico.

Além disso, o Etna injetável também não deve ser usado em pessoas com doença cardíaca ou doença convulsiva.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...