Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Citoneurin - Remédio para Aliviar a Dor e Inflamação

O Citoneurin é um remédio indicado para o tratamento da dor e inflamação nos nervos, em casos de doenças como neurite, neuralgia, síndrome do túnel do carpo, fibromialgia, lombalgias, cervicalgias, radiculite, neurite ou neuropatia diabética, por exemplo. 

Este remédio tem na sua composição tiamina (vitamina B1), cianocobalamina (vitamina B12) e piridoxina (vitamina B6), que em doses elevadas exercem um efeito analgésico e favorecem a regeneração das fibras nervosas lesadas.

O Citoneurin pode ser comprado em farmácias por um preço de cerca de 34 e 44 reais, dependendo da fórmula e dosagem do medicamento, já que está disponível em comprimidos e ampolas injetáveis.

Citoneurin - Remédio para Aliviar a Dor e Inflamação

Como usar

A posologia depende da forma farmacêutica a ser usada:

1. Citoneurin Comprimidos

Geralmente, para adultos é recomendada a ingestão de 1 comprimido, 3 vezes por dia, podendo esta dose ser aumentada pelo médico em casos mais graves. 

Os comprimidos devem ser ingeridos inteiros, sem partir ou mastigar, após as refeições junto com um copo de água. 

2. Citoneurin Ampolas

As ampolas devem ser preparadas e administradas por um médico, farmacêutico, enfermeiro ou profissional de saúde treinado, sendo para isso necessário misturar o conteúdo das duas ampolas fornecidas na embalagem do remédio e a injeção deve ser administrada no músculo. 

A posologia recomendada é de 1 injeção a cada 3 dias.

Possíveis efeitos colaterais

Alguns dos efeitos colaterais que podem ocorrer durante o tratamento com Citoneurin são dor e irritação no local da injeção, enjoo, vômitos, diarreia, dor abdominal, transpiração excessiva, batimentos cardíacos acelerados, coceira, urticária e acne.

Quem não deve usar

O Citoneurin não deve ser utilizado por pessoas com hipersensibilidade a qualquer um dos componentes presentes na fórmula e por pessoas que tenham Parkinson e estejam sob tratamento com levodopa.

Além disso, também não deve ser usado por crianças, grávidas e mulheres que estejam a amamentar, a não ser que seja recomendado pelo médico.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem