Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Esporotricose em humanos: o que é, sintomas e como tratar

A esporotricose é uma doença infecciosa causada pelo fungo Sporothrix schenckii, que pode ser encontrado naturalmente no solo e em plantas. A infecção pelo fungo acontece quando esse microrganismo consegue entrar no corpo por meio de uma ferida presente na pele, levando a formação de pequenas feridas ou caroços avermelhados semelhantes à picada de mosquito, por exemplo.

Essa doença pode acontecer tanto em humanos quanto em animais, sendo os gatos mais afetados. Dessa forma, a esporotricose em humanos também pode ser transmitida por meio de arranhões ou mordida de gatos, principalmente os que vivem na rua.

Existem 3 tipos principais de esporotricose:

  • Esporotricose cutânea, que é o tipo mais comum de esporotricose humana em que há o acometimento da pele, principalmente mãos e braços;
  • Esporotricose pulmonar, que é bastante raro mas pode acontecer quando se respira poeira com o fungo;
  • Esporotricose disseminada, que acontece quando não se faz o tratamento adequado e a doença se espalha para outros locais, como ossos e articulações, sendo mais comum em pessoas que possuem o sistema imunológico comprometido.

Na maior parte dos casos, o tratamento da esporotricose é fácil, sendo apenas necessário tomar um antifúngico por 3 a 6 meses. Por isso, se existir suspeita de ter pego alguma doença após estar em contato com um gato, por exemplo, é muito importante ir ao clínico geral ou infectologista para fazer o diagnóstico e iniciar o tratamento.

Esporotricose em humanos: o que é, sintomas e como tratar

Como é feito o tratamento

O tratamento para Esporotricose humana deve ser feito de acordo com a orientação do médico, sendo normalmente indicado o uso de medicamentos antifúngicos, como o Itraconazol por 3 a 6 meses.

No caso da esporotricose disseminada, que é quando outros órgãos são acometidos pelo fungo, pode ser necessário o uso de outro antifúngico, como a Anfotericina B, por exemplo, que deve ser usada por cerca de 1 ano ou de acordo com a recomendação do médico.

É importante que o tratamento não seja interrompido sem indicação médica, mesmo com o desaparecimento dos sintomas, pois isso pode favorecer o desenvolvimento dos mecanismos de resistência dos fungos e, assim, tornar o tratamento da doença mais complicado.

Sintomas de Esporotricose em humanos

Os sintomas da Esporotricose em humanos podem acontecer entre 7 a 30 dias após o contato com o fungo, sendo o primeiro sinal indicativo de infecção o aparecimento de um pequeno caroço na pele, avermelhado e dolorido semelhante à picada de mosquito. Outros sintomas indicativos de esporotricose são:

  • Surgimento de lesões ulceradas com pus;
  • Ferida ou caroço que cresce ao longo de algumas semanas;
  • Feridas que não cicatrizam;
  • Tosse, falta de ar, dor ao respirar e febre, quando o fungo atinge os pulmões.

É importante que o tratamento seja iniciado rapidamente para evitar complicações tanto respiratórias quanto articulares, como inchaço, dor nos membros e dificuldade de realizar os movimentos, por exemplo.

Como confirmar o diagnóstico

A infecção por esporotricose na pele geralmente é identificada através da biópsia de uma pequena amostra do tecido do caroço que surge na pele. No entanto, caso a infecção esteja em outro local do corpo, é necessário fazer um exame de sangue para identificar a presença do fungo no corpo.


Bibliografia

  • BARER, Michael R et al. Medical Microbiology: A guide to microbial infections - pathogenesis, immunity, laboratory investigation and control. 19 ed. Elsevier, 2018. 589-590.
  • SOCIEDADE BRASILEIRA DE DERMATOLOGIA. Esporotricose. Link: <www.sbd.org.br>. Acesso em 08 Mar 2019
Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem