Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Espinha bífida oculta: o que é, sintomas e tratamento

A espinha bífida oculta é uma malformação congênita que se desenvolve no bebê no primeiro mês de gravidez que se caracteriza pelo fechamento incompleto da coluna vertebral e não leva ao aparecimento de sinais ou sintomas na maioria dos casos, sendo feito o diagnóstico através de exame de imagens, como a ressonância magnética, por exemplo, ou ainda durante a gravidez durante a realização do ultrassom.

Apesar de na maioria dos casos não levar ao aparecimento de sintomas, em alguns casos pode ser observada a presença de pêlos ou uma mancha mais escura nas costas, principalmente nas vértebras L5 e S1, sendo sugestivo de espinha bífida oculta.

A espinha bífida oculta não tem cura, no entanto o tratamento pode ser indicado de acordo com os sintomas apresentados pela criança. No entanto, quando é verificado comprometimento da medula espinhal, o que é pouco frequente, pode ser necessária a realização de cirurgia. 

Espinha bífida oculta: o que é, sintomas e tratamento

Sinais de espinha bífida oculta

A espinha bífida oculta na maioria dos casos não leva ao aparecimento de sinais ou sintomas, passando despercebida ao longo da vida, até porque não envolve a medula espinhal ou as meninges, que são as estruturas que protegem o cérebro. No entanto, algumas pessoas podem apresentar sinais que são sugestivos de espinha bífida oculta, sendo eles:

  • Formação de uma mancha na pele das costas;
  • Formação de um tufo de cabelo nas costas;
  • Ligeira depressão nas costas, como uma cova;
  • Ligeiro volume devido ao acúmulo de gordura.

Além disso, quando é verificado comprometimento da medula óssea, o que é pouco frequente, podem surgir outros sinais e sintomas como escoliose, fraqueza e dor nas pernas e nos braços e perda do controle da bexiga e do intestino.

As causas de espinha bífida oculta ainda não são muito bem esclarecidos, no entanto acredita-se que aconteça devido ao consumo de álcool durante a gravidez ou ingestão insuficiente de ácido fólico.

Como é feito o diagnóstico

O diagnóstico da espinha bífida oculta pode ser feito ainda durante a gestação por meio de ultrassonografias e através da amniocentese, que é um exame que tem como objetivo verificar a quantidade de alfafetoproteína no líquido amniótico, que é uma proteína encontrada em alta quantidades em caso de espinha bífida.

É possível também fazer o diagnóstico de espinha bífida após o nascimento através da observação de sinais e sintomas que possam ter sido apresentados pela pessoa, além de resultados de imagem, como raio-x e ressonância magnética, que além de identificar a espinha bífida oculta permite que o médico verifique se há sinais de comprometimento da medula espinhal.

Como é feito o tratamento

Como a espinha bífida oculta na maioria dos casos não há envolvimento da medula ou das meninges, não é necessário qualquer tipo de tratamento. No entanto, no caso de surgirem sintomas, o tratamento é feito de acordo com a orientação do médico e tem como objetivo aliviar os sinais e sintomas apresentados.

No entanto, quando é verificado comprometimento da medula, pode ser solicitada realização de cirurgia para corrigir a alteração na medula, diminuindo os sintomas associados.

Bibliografia >

  • SPINA BIFIDA ASSOCIATION. Spina Bifida Occulta. Disponível em: <https://www.spinabifidaassociation.org/resource/occulta/>. Acesso em 08 Jun 2020
  • AMERICAN SOCIETY OF NEUROLOGICAL SURGEONS. Spina Bifida. Disponível em: <https://www.aans.org/Patients/Neurosurgical-Conditions-and-Treatments/Spina-Bifida>. Acesso em 08 Jun 2020
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem