Endocrinologista: o que faz e quando ir a uma consulta

O endocrinologista é o médico responsável por avaliar todo o sistema endócrino, que é o sistema do corpo relacionado com a produção de hormônios que são importantes para diversas funções no organismo.

Assim, pode ser interessante consultar o endocrinologista quando surgem sinais que podem indicar alteração na produção de hormônios, como dificuldade para perder peso, ganho de peso fácil, excesso de pelos nas mulheres e crescimento das mamas nos meninos, por exemplo, já que pode estar relacionados com alterações na tireoide, diabetes ou obesidade, por exemplo.

Endocrinologista: o que faz e quando ir a uma consulta

Quando ir ao endocrinologista

É recomendado consultar o endocrinologista quando forem percebidos sinais ou sintomas que possam ser indicativos de alteração na produção de hormônios. Assim, algumas das situações em que é indicado consultar o endocrinologista são:

  • Dificuldade para perder peso;
  • Ganho de peso muito rápido;
  • Cansaço excessivo;
  • Alterações no ciclo menstrual;
  • Atraso na puberdade ou puberdade precoce;
  • Aumento da tireoide;
  • Excesso de pelos nas mulheres;
  • Crescimento das mamas nos meninos;
  • Sinais e sintomas de andropausa e menopausa;
  • Presença de sintomas relacionados com a diabetes como sede excessiva e aumento da vontade para urinar, por exemplo.

Assim, na presença desses ou outros sinais e sintomas, o endocrinologista pode ser consultado, pois assim é possível que seja feita uma avaliação do estado geral de saúde da pessoa e ser indicada a realização de exames de sangue com o objetivo de verificar os níveis de determinados hormônios no sangue.

Endocrinologista: o que faz e quando ir a uma consulta

Quais as doenças tratadas pelo endocrinologista

Como são vários os hormônios produzidos pelo organismo, a área de atuação do endocrinologista é muito ampla e, por isso, pode ser consultado para o tratamento de diversas doenças, sendo as principais:

  • Distúrbios da tireoide, como hipo e hipertireoidismo, bócio e tireoidite de Hashimoto, por exemplo, sendo nesses casos indicada a dosagem dos hormônios TSH, T3 e T4, que são hormônios cuja produção pode estar aumentada ou diminuída de acordo com a alteração da glândula tireoide;
  • Diabetes, em que é feita a dosagem da glicemia em jejum e outros exames para que possa ser confirmado o diagnóstico, identificado o tipo de diabetes e indicado o tratamento mais adequado;
  • Hirsutismo, que é uma alteração hormonal que pode acontecer nas mulheres devido ao aumento da concentração no sangue de testosterona ou diminuição da produção de estrogênio e que pode resultar no aparecimento de pelo em locais em que normalmente não há, como peito, rosto e barriga, por exemplo;
  • Obesidade, isso porque é comum que na obesidade exista alteração nos hormônios tireoidianos, além de também ser comum que a pessoa tenha diabetes;
  • Síndrome dos Ovários Policísticos (SOP), que é caracterizada pela alteração nos níveis de hormônios femininos circulantes no sangue que pode favorecer a formação de cistos nos ovários, o que pode resultar em alteração no ciclo menstrual e dificuldade para engravidar;
  • Síndrome de Cushing, que é uma doença hormonal caracterizada pelo aumento da quantidade de cortisol circulante no sangue, resultando no ganho de peso rápido e acúmulo de gordura na região abdominal. Saiba mais sobre a síndrome de Cushing;
  • Alterações no crescimento, como nanismo ou gigantismo, uma vez que essas situações têm relação com os níveis do hormônio GH no organismo.

Além disso, o endocrinologista pode ajudar a aliviar os sintomas da menopausa, isso porque ao avaliar os níveis dos hormônios estrogênio, progesterona e testosterona no sangue da mulher, pode indicar a terapia de reposição hormonal mais indicada para aliviar os sintomas. Veja como aliviar os sintomas da menopausa.

Endocrinologista: o que faz e quando ir a uma consulta

Quando procurar o endocrinologista para emagrecer

Algumas vezes a dificuldade para emagrecer pode ter relação com alterações hormonais. Assim, é interessante procurar o endocrinologista quando a pessoa não consegue emagrecer mesmo tendo uma alimentação saudável e equilibrada e praticando atividade física regularmente, pois assim podem ser indicados exames que permitem verificar os níveis dos hormônios.

Além disso, pode ser também recomendado procurar o endocrinologista para ajudar no processo de emagrecimento. Insira seus dados a seguir e saiba se você está acima do peso ou é obeso:

Erro
help
anos
Erro
help
cm
Erro
help
kg
Erro
help
Imagem que indica que o site está carregando

Na primeira consulta com o endocrinologista o médico deverá avaliar alguns dados importantes como peso, altura, circunferência da cintura e do quadril, idade para saber qual o risco que tem de sofrer com problemas cardiovasculares e irá indicar o tratamento necessário para chegar ao peso ideal.

Depois de aproximadamente 1 mês do início do tratamento, geralmente é feita uma nova consulta para reavaliar o peso e verificar se o tratamento está tendo o efeito esperado. Quando a pessoa não consegue perder o peso que precisa ou quando precisa perder mais de 30kg este médico pode indicar a necessidade de uma cirurgia para redução do estômago, por exemplo. Saiba tudo sobre a cirurgia bariátrica

No entanto, além dos remédios ou da recomendação da cirurgia, o endocrinologista também irá indicar a prática de exercícios, de acordo com a possibilidade da pessoa, e também irá indicar consultas de nutrição para poder adequar a alimentação para conseguir perder peso.

Esta informação foi útil?
Mais sobre este assunto: