Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Dor nas articulações dos dedos: O que pode ser e Como tratar

A dor nas articulações dos dedos é um tipo de dor relativamente comum que muitas vezes surge apenas ao se movimentar o dedo, podendo afetar as articulações do meio do dedo, a articulação mais próxima da mão ou todas ao mesmo tempo.

Este tipo de dor embora seja mais comum em idosos, devido ao envelhecimento e desgaste natural das articulações, também pode aparecer em jovens, principalmente devido a pancadas nas mãos ou pés que podem acontecer ao se praticar esportes de impacto, como basquete ou futebol, por exemplo.

No caso de a dor surgir devido a uma pancada, geralmente pode ser aliviada com a aplicação de gelo sobre a região. Porém, se a dor demorar mais de 2 ou 3 dias para melhorar, deve-se ir ao hospital para identificar o tipo de lesão e iniciar o tratamento mais adequado. Já no caso de idosos, a dor deve ser sempre avaliada por um clínico geral ou reumatologista para entender se existe alguma doença articular que precise de tratamento específico.

Dor nas articulações dos dedos: O que pode ser e Como tratar

1. Pancadas

Este é a principal causa de dor nas articulações dos dedos em pessoas jovens e pode ser facilmente identificada, já que surge após acidentes em esportes ou de trânsito. Por exemplo, no futebol é muito comum surgirem lesões no pé que causam dor ao movimentar os dedos. Já no basquete, esse tipo de lesões é mais frequente nos dedos da mão.

Normalmente, este tipo de lesão e´acompanhada de dor súbita na articulação e inchaço, que vai diminuindo ao longo do tempo, mas que pode ser agravada com o movimento dos dedos.

O que fazer: quando a lesão não é muito grave, a dor pode ser aliviada com o repouso da articulação e a aplicação de gelo por 10 a 15 minutos, 3 a 4 vezes por dia. Porém, se a dor não melhorar ou se piorar durante 2 dias, deve-se ir ao hospital para avaliar a lesão e identificar se existe outra forma de tratamento mais adequada. Veja mais sobre como usar o frio para tratar este tipo de lesões.

2. Artrite

Já a artrite é a causa mais frequente de dor nas articulações dos dedos em pessoas idosas, pois esta doença surge com o desgaste progressivo das cartilagens que recobrem as articulações.

Geralmente, as primeiras articulações afetadas são as dos dedos da mão, já que são muito utilizadas em várias atividades do dia-a-dia, mas a doença também pode surgir nos pés, especialmente em pessoas que precisaram utilizar recorrentemente os pés, como acontece em atletas de corrida ou jogadores de futebol, por exemplo.

O que fazer: embora a aplicação de gelo ajude a aliviar a dor nas articulações, é importante que se houver suspeita de artrite se consulte um reumatologista para identificar se existe outra forma de tratamento que também possa ajudar, como fisioterapia ou uso de alguns remédios anti-inflamatórios. Confira alguns exercícios que ajudam a aliviar o desconforto da artrite.

3. Síndrome do túnel do carpo

A síndrome do túnel do carpo pode ser uma suspeita quando surge dor nas articulações dos dedos da mão, principalmente quando aparece em pessoas relativamente jovens que não apresentam histórico de lesões na mão e que não fazem uso muito repetitivo das articulações.

Esta síndrome causa uma dor em forma de formigamento nos dedos, que também pode ser acompanhada de dificuldade para segurar objetos, falta de sensibilidade ou ligeiro inchaço dos dedos.

O que fazer: muitos casos precisam ser tratados com uma pequena cirurgia para descomprimir o nervo que está sendo comprimido na região do pulso. No entanto, outras estratégias, como usar uma munhequeira e fazer exercícios de alongamento com as mãos, também podem ajudar a aliviar o desconforto, atrasando a necessidade da cirurgia. Veja quais os melhores exercícios para esta síndrome.

Dor nas articulações dos dedos: O que pode ser e Como tratar

4. Tenossinovite

A tenossinovite é caracterizada pela presença de uma inflamação em um tendão, gerando sintomas como dor e sensação de fraqueza na região afetada. Assim, se a tenossinovite aparecer perto da articulação pode provocar dor que irradia para esse local, dificultando a movimentação dos dedos.

Este tipo de lesão é mais comum em pessoas que fazem movimentos repetitivos com as mãos ou pés e, dependendo da causa, pode ter cura ou apenas ser possível aliviar os sintomas, melhorando a qualidade de vida da pessoa.

O que fazer: geralmente o diagnóstico é feito pelo reumatologista ou ortopedista e, por isso, o tratamento já é indicado pelo médico de acordo com a causa. No entanto, algumas orientações gerais que ajudam a aliviar os sintomas incluem fazer repouso do local afetado e aplicar gelo. Além disso, fazer massagens ou tomar remédios indicados pelo médico também pode ajudar. Saiba mais sobre o que é a tenossinovite e as opções de tratamento.

5. Gota

O surgimento de gota nas articulações acontece quando existe uma quantidade exagerada de ácido úrico a circular no corpo, que acaba cristalizando e se depositando nos locais entre as articulações, provocando inchaço e dor, especialmente ao se tentar movimentar a articulação afetada.

Por serem menores, as articulações dos dedos, tanto dos pés como das mãos, são geralmente as primeiras afetadas, mas pessoas com gota também podem apresentar problemas em outras articulações, especialmente se não fizerem uma dieta adequada para reduzir a quantidade de ácido úrico no organismo.

O que fazer: é aconselhado fazer uma dieta para diminuir a quantidade de ácido úrico no organismo, ou seja, diminuindo a ingestão de carnes vermelhas, frutos do mar e alimentos ricos em proteínas, como o queijo ou as lentilhas, por exemplo. No entanto, em momentos de crise, o médico também pode indicar o uso de anti-inflamatórios para aliviar a dor e o inchaço da articulação. Veja mais sobre a gota, como deve ser a alimentação e outras formas de tratamento.

6. Lúpus

Esta é uma doença autoimune que leva as células de defesa do próprio corpo a destruirem o tecido saudável, podendo, por isso, afetar o tecido das articulações, levando a inflamação, dor e dificuldade para movimentar as articulações.

Geralmente, a dor nas articulações dos dedos é um primeiro sinal do lúpus, que depois pode apresentar outros sintomas mais característicos, como o surgimento de uma mancha avermelhada, em forma de borboleta, no rosto. Veja outros possíveis sintomas do lúpus.

O que fazer: dependendo dos sintomas apresentados, o tratamento pode passar pelo uso de remédios imunossupressores para diminuir a ação do sistema imune sobre as células e corticoides. No entanto, é sempre importante fazer consultas regulares com um imunoalergologista ou um endocrinologista para avaliar os sintomas que vão surgindo e adequar o tratamento.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem