Remédios para dor no nervo ciático

agosto 2022

O tratamento para a dor no nervo ciático, ou ciatalgia, pode ser realizado com diferentes remédios, que devem ser sempre prescritos pelo médico, como analgésicos, anti-inflamatórios, relaxantes musculares, antidepressivos tricíclicos ou corticoides, por exemplo.

Além disso, quando a dor ciática é muito grave e a pessoa não consegue nem mesmo ficar de pé, sentada ou caminhar, por estar com a coluna 'travada', como se houvesse um pinçamento do nervo ciático, pode ser necessário usar injeções de corticoides, que devem ser administradas por um profissional de saúde.

No entanto, para ajudar a curar a dor no nervo ciático a longo prazo e prevenir futuras lesões, o médico pode indicar a realização de um programa de reabilitação, incluindo exercícios para corrigir a postura, fortalecer os músculos que sustentam as costas e melhorar a flexibilidade.

Alguns dos remédios que podem ser receitados pelo médico para o tratamento da dor ciática são:

Anti-inflamatórios não esteroidesCetoprofeno (Profenid), ibuprofeno (Alivium), naproxeno (Flanax)
AnalgésicosParacetamol (Tylenol)
Analgésicos opioidesCodeína (Codein), tramadol (Tramal)
CorticoidesDexametasona e betametasona
Relaxantes muscularesCiclobenzaprina (Miosan), orfenadrina (Miorrelax)
AnticonvulsivantesGabapentina (Gabaneurin), pregabalina (Lyrica)
Antidepressivos tricíclicosImipramina (Tofranil), nortriptilina (Pamelor) e amitriptilina (Amytril)

Geralmente, os medicamentos que são prescritos inicialmente para o alívio da dor ciática são o paracetamol e os anti-inflamatórios não esteroides. Caso estes remédios não sejam suficientes, o médico pode receitar outros mais fortes, mas só se se justificar o seu uso, já que possuem mais efeitos colaterais.

A dor ciática é caracterizada por uma espécie de queimação, que pode ir desde o fundo das costas, afetando o bumbum, a parte de trás ou da frente da coxa até o pé. Ela é geralmente causada pela compressão do nervo ciático, devido a alterações na coluna lombar, como hérnia de disco ou desvio da coluna, mas também pode acontecer pelo fato do nervo passar por dentro do músculo piriforme, e sempre que este fica muito tenso, a crise ciática pode aparecer, causando dor, formigamento ou queimação no fundo das costas, glúteos e pernas. Conheça mais sobre a dor ciática.

Como curar a dor ciática mais rápido

Para aliviar a dor ciática mais rápido, principalmente nos casos mais graves quando a dor é muito forte, pode ser indicada uma injeção epidural de corticosteroides para reduzir a inflamação, já que ao injetar os corticosteroides diretamente na área dolorida ao redor do nervo ciático, é possível reduzir a inflamação.

No entanto, mesmo que o efeito das injeções seja temporário, possuem como vantagem reduzir a dor o suficiente para permitir que a pessoa melhore com sessões de fisioterapia, osteopatia, acupuntura, hidroginástica e pilates, que podem curar a dor a longo prazo, prevenindo futuras lesões.

Nos casos mais graves, pode ser necessário realizar uma cirurgia para descomprimir o nervo ciático inflamado ou reduzir a hérnia de disco, caso seja esta a raiz do problema, mas cerca de 90% das pessoas não precisam de cirurgia e alcançam a cura através da fisioterapia.

Saiba como fazer os exercícios mais indicados para curar o nervo ciático inflamado, no vídeo seguinte:

Sinais de melhora

Os sinais de melhora surgem logo após o início da toma dos remédios indicados pelo médico, com o alívio da dor e da sensação de perna presa, o que facilita a realização dos movimentos e as tarefas diárias.

Possíveis complicações

Se o nervo continuar com baixo suprimento de sangue, podem ocorrer complicações, como danos permanentes no nervo, o que pode fazer com que se sinta muita dor em todo o trajeto do nervo ciático, ou até mesmo perda da sensibilidade nestes locais.

Quando o nervo sofre uma grave lesão, devido a um acidente automobilístico, por exemplo, o melhor tratamento é a cirurgia e quando o cirurgião não consegue reparar completamente a lesão, pode ser preciso fazer fisioterapia por longos períodos.

Esta informação foi útil?

Atualizado e revisto clinicamente por Flávia Costa - Farmacêutica, em agosto de 2022.

Bibliografia

  • HARVARD HEALTH PUBLISHING. Sciatica: Of all the nerve. 2016. Disponível em: <https://www.health.harvard.edu/pain/sciatica-of-all-the-nerve>. Acesso em 14 nov 2019
  • LAROCHE, Françoise; PERROT, Serge. Managing Sciatica and Radicular Pain in Primary Care Practice. 1.ed. London, UK: Springer Healthcare, 2013.
Mostrar bibliografia completa
  • STUMP, Patrick R. N. A. G. et al. Lombociatalgia. Rev. dor. Vol.17(1). S63-6, 2016
  • MERCK MANUAL. Sciatica. 2019. Disponível em: <https://www.merckmanuals.com/professional/musculoskeletal-and-connective-tissue-disorders/neck-and-back-pain/sciatica>. Acesso em 14 nov 2019
  • SANOFI. BI-PROFENID® (cetoprofeno) . 2016. Disponível em: <http://www.anvisa.gov.br/datavisa/fila_bula/frmVisualizarBula.asp?pNuTransacao=14930452016&pIdAnexo=3264906>. Acesso em 29 mai 2019
Revisão clínica:
Flávia Costa
Farmacêutica
Formada em Farmácia pelo Centro Universitário Newton Paiva em 2003. Mestre em Ciências Biomédicas pela UBI, Portugal.

Tuasaude no Youtube

  • EXERCÍCIOS PARA CURAR NERVO CIÁTICO INFLAMADO

    06:24 | 5306700 visualizações