Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Veja como a Dieta pode ajudar a combater os Gases

A dieta para gases deve ser feita com legumes ricos em água e de fácil digestão, como alface, maçã e tomate, que ajudam no correto funcionamento do intestino e fazem com que a flora intestinal produza menos gás, diminuindo assim o desconforto e a dor abdominal.

Além disso, devem ser evitados alimentos que aumentam a produção de gases, como é o caso do feijão, milho, ervilha, brócolis, couve, produtos lácteos, ovos, refrigerantes, entre outros.

Recomenda-se também a ingestão de 1,5 a 2 litros de água ou chás, como chá de funcho ou erva-doce, por exemplo, que são plantas que ajudam a eliminar os gases.

Alimentos que causam gases

Veja como a Dieta pode ajudar a combater os Gases

Os alimentos que provocam o aumento na produção de gases no intestino são:

  • Feijão, milho, ervilha, lentilha, grão-de-bico;
  • Brócolis, repolho, cebolas, couve-flor, pepino, couve-de-bruxelas, nabo;
  • Leite e queijo, especialmente integrais e com muita gordura;
  • Carnes, mariscos e ovos;
  • Refrigerantes e outras bebidas com gás.

Além disso, os alimentos que causam a produção excessiva de gases também podem variar de acordo com o intestino de cada pessoa e, por isso, quando a pessoa se sente inchada e com gases, deve tentar relembrar o que comeu, para perceber quais os alimentos que deve evitar.

Para fazer isso, deve-se eliminar um alimento ou grupo de alimentos por vez e analisar os resultados. Pode-se começar pelo leite e derivados, depois eliminar o feijão e a seguir retirar os vegetais um a um.

Veja como preparar remédios caseiros para eliminar os gases intestinais.

Alimentos que reduzem os gases

Veja como a Dieta pode ajudar a combater os Gases

Além de retirar os alimentos que estimulam a formação de gases, também é importante incluir na dieta produtos que melhoram a digestão e a saúde da flora intestinal, como:

  • Tomate e chicória;
  • Iogurte kefir ou iogurte natural com bífidos ou lactobacilos, que são bactérias boas para o intestino;
  • Consumir abacaxi ou mamão no final das refeições, pois são frutas que ajudam na digestão;
  • Consumir chás de erva-cidreira, gengibre, erva-doce ou carqueja.

Além disso, outras dicas são evitar beber líquidos durantes as refeições, comer devagar, mastigar bem e fazer atividade física regularmente, pois são dicas que aceleram a digestão e melhoram o trânsito intestinal, reduzindo a produção de gases pelas bactérias. Conheça outras estratégias para eliminar os gases intestinais.

Confira estas e outras dicas no vídeo seguinte:

Como eliminar os gases intestinais

3.2 milhões visualizações


Bibliografia

  • MAHAN, L. Kathleen et al. Krause: Alimentos, Nutrição e Dietoterapia. 13.ed. São Paulo: Elsevier Editora, 2013. 610-612.
  • MENDES, André G.. Intervenção Farmacêutica em Patologias Digestivas com Indicação Terapêutica de Medicamentos Não Sujeitos a Receita Médica. Tese de Mestrado, 2013. Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias.
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem