Desenvolvimento do bebê com 8 meses: peso, sono e alimentação

​O bebê com 8 meses já tem mais força e energia, além de ficar mais atento e curioso, porque está se tornando mais consciente do ambiente que o cerca e começa a perceber o que acontece à sua volta, a sentir falta da mãe e a estranhar pessoas que não são familiares.

Nesta fase, o bebê gosta de brincar e por isso deve-se estimular com atividades que ajudem no seu desenvolvimento, como brincadeiras de esconde-esconde ou brinquedos de encaixar, por exemplo. Além disso, como o bebê já consegue perceber sons, deve-se estimular a audição e a fala lendo, cantando e conversando com o bebê, que já consegue entender seu nome e a palavra “não”.

Aos 8 meses, além do aleitamento materno e/ou uso de fórmulas, a alimentação do bebê deve ser a mais natural possível, pois até os 2 anos é a fase de desenvolvimento do paladar, que vai se refletir nas suas preferências na vida adulta, devendo-se introduzir os alimentos separadamente para experimentar sabores e texturas diferentes.

É importante lembrar que cada bebê é único e tem seu próprio ritmo de crescimento, sono, fala e brincadeiras. Por isso, em casos de dúvidas sobre o desenvolvimento do bebê, é recomendado realizar uma consulta com o pediatra.

Desenvolvimento do bebê com 8 meses: peso, sono e alimentação

Peso do bebê

A tabela abaixo indica o intervalo de peso ideal do bebê para esta idade, assim como outros parâmetro importantes como altura, perímetro cefálico e ganho de peso mensal esperado, de acordo com a Organização Mundial de Saúde:

 

Menino

Menina

Peso

7,7 a 9,6 kg

7,0 a 9,0 kg

Altura

68,4 a 72,8 cm

66,4 a 71,1 cm

Perímetro cefálico

43,3 a 45,8 cm

42 a 44,7 cm

Ganho de peso mensal

100 g

100 g

Caso o bebê apresente valores acima ou abaixo desses intervalos, é importante consultar o pediatra para avaliar seu desenvolvimento.

Desenvolvimento do bebê

O bebê com 8 meses já tem mais força e energia que permitem sentar sozinho e segurar em uma cadeira ou sofá para tentar se levantar sozinho. Nesta fase, é importante manter longe objetos que possam machucar ou causar danos ao bebê, como cabos de energia, lâmpadas, vasos de vidro, remédios ou inseticidas, por exemplo. Desta forma, permite-se que a casa esteja preparada e segura para o bebê se deslocar quando começar a engatinhar, o que pode acontecer a partir dos 8 meses. No entanto, alguns bebês levam mais tempo para engatinhar ou tentar se levantar sozinho, e alguns vão direto do rolar para o andar, isto varia muito de bebê para bebê.

Nesta fase, as habilidades de linguagem e comunicação continuam a se desenvolver e o bebê pode começar a emitir sons como "dá-dá" e "pá-pá". Além disso, o bebê também começa a entender melhor as palavras que os pais falam e, por isso, é importante conversar e ler para o bebê, colocar músicas ou cantar para estimular a audição, e assim introduzir novos sons, sílabas e palavras simples, incentivando o bebê a repetir o que ouve. Nesse período o bebê também começa a entender a palavra “não” e a responder ao seu nome.

Aos 8 meses, o bebê não gosta de ficar quieto e já é capaz de manipular brinquedos com relativa facilidade, transferindo objetos de mão para mão, batendo blocos uns nos outros, arremessando uma bola ou encaixando uma série de copos de tamanhos diferentes uns nos outros. Além disso, é importante nessa fase, olhar nos olhos do bebê enquanto brinca e fala com ele, pois estimula seu desenvolvimento mental e social.

O bebê com 8 meses não gosta de ficar sozinho e pode ficar ansioso ou triste quando percebe que a mãe vai sair ou que ele não irá junto. Para ajudar a reduzir a ansiedade da separação, pode-se oferecer um objeto ao bebê para que se sinta mais seguro, tranquilo e confortável, como um cobertor ou um brinquedo que o bebê goste.

Além disso, nessa fase o bebê já reconhece rostos que são familiares e pode se sentir com medo, inquieto, ansioso, inseguro ou choroso na presença de pessoas estranhas.

Assista o vídeo com algumas dicas para ajudar o bebê a se desenvolver:

Sono do bebê

O sono do bebê com 8 meses é mais calmo e ele já consegue dormir de 12 horas a 14 horas por dia, direto ou divididas em dois períodos, e também pode tirar uns cochilos de 20 a 30 minutos durante o dia.

Brincadeiras e atividades

O bebê com 8 meses precisa de brincadeiras e atividades que estimulem o desenvolvimento intelectual, sensorial e a coordenação motora como oferecer brinquedos e objetos de cores, formas, tamanhos e texturas diferentes, estimular o bebê a encaixar objetos como cubos ou bolas, ou até mesmo a tampa em uma panela, brincar de esconde-esconde, colocar o brinquedo longe para estimular o bebê a alcançá-lo ou colocar o brinquedo que flutuam na banheira na hora do banho, por exemplo.

É importante que as atividades sejam feitas em um local seguro para o bebê, de preferência no chão e longe de objetos que possam machucar a criança.

Alimentação do bebê

A partir dos 6 meses, a Sociedade Brasileira de Pediatria recomenda que sejam introduzidos outros alimentos nas refeições do bebê, mantendo o aleitamento materno e/ou fórmulas até os 2 anos de idade e, de acordo com as recomendações da OMS e do Ministério da Saúde deve-se oferecer três refeições ao dia para os bebês em amamentação e cinco refeições ao dia para bebês que não recebem leite materno.

A alimentação do bebê com 8 meses deve ser a mais natural possível, incluindo papas salgadas ou de frutas, sopas, proteínas como carne ou frango, desde que não sejam pedaços grandes que possam causar engasgo no bebê, além de alimentos de fácil digestão como arroz, batata ou macarrão. Saiba mais sobre a alimentação do bebê com 8 meses.

Para estimular o desenvolvimento do paladar do bebê, pode-se dar cada alimento separadamente preparados com texturas e de formas diferentes. Além disso, caso o bebê tenha alguma alergia, é possível identificar o tipo de alimento que causou.

Nesta fase, já se pode oferecer ao bebê alimentos como amendoim em farinha, devido ao risco de aspiração, ovo, peixe ou frutos do mar, sendo até recomendados pela Sociedade Brasileira de Pediatria como forma de evitar o desenvolvimento de alergias no futuro.

No entanto, alguns alimentos devem ser evitados como gelatina com sabor, doces ou biscoitos recheados, pois não possuem valor nutricional, podem prejudicar a saúde, aumentar o risco de obesidade ou diabetes, além de prejudicar os dentes do bebê. Veja a lista completa de alimentos que devem ser evitados por bebês até os 2 anos.

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • SOCIEDADE BRASILEIRA DE PEDIATRIA. Gráficos de Crescimento. Disponível em: <https://www.sbp.com.br/departamentos-cientificos/endocrinologia/graficos-de-crescimento/>. Acesso em 14 Abr 2021
  • MINISTÉRIO DA SAÚDE. SECRETARIA DE POLÍTICAS DE SAÚDE. DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA.. Saúde da criança: acompanhamento do crescimento e desenvolvimento infantil. 2002. Disponível em: <https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/crescimento_desenvolvimento.pdf>. Acesso em 14 Abr 2021
  • MINISTÉRIO DA SAÚDE. Guia Alimentar Para Crianças Brasileiras Menores De 2 Anos. 2019. Disponível em: <http://189.28.128.100/dab/docs/portaldab/publicacoes/guia_da_crianca_2019.pdf>. Acesso em 14 Abr 2021
  • MINISTÉRIO DA SAÚDE, DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA, COORDENAÇÃO-GERAL DE ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO. Guia alimentar para crianças menores de 2 anos. 2018. Disponível em: <https://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2018/julho/12/Guia-Alimentar-Crianca-Versao-Consulta-Publica.pdf>. Acesso em 12 Abr 2021
  • SOCIEDADE BRASILEIRA DE PEDIATRIA. DEPARTAMENTO CIENTÍFICO DE NUTROLOGIA. Manual de Alimentação: orientações para alimentação do lactente ao adolescente, na escola, na gestante, na prevenção de doenças e segurança alimentar. 2018. . Acesso em 14 Abr 2021
  • SOCIEDADE BRASILEIRA DE PEDIATRIA. Manual de orientação do departamento de nutrologia: alimentação do lactente ao adolescente, alimentação na escola, alimentação saudável e vínculo mãe-fi lho, alimentação saudável e prevenção de doenças, segurança alimentar. 2012. Disponível em: <https://www.sbp.com.br/fileadmin/user_upload/publicacoes/14617a-pdmanualnutrologia-alimentacao.pdf>. Acesso em 14 Abr 2021
  • FUNDAÇÃO MARIA CECÍLIA SOUTO VIDIGAL. Fundamentos do desenvolvimento infantil: da gestação aos 3 anos. 2011. Disponível em: <http://agendaprimeirainfancia.org.br/arquivos/Fundamentos_do_desenvolvimento%20infantil.pdf>. Acesso em 14 Abr 2021
  • REDE NACIONAL PRIMEIRA INFÂNCIA (RNPI). Plano Nacional Primeira Infância: 2010 - 2022 | 2020 - 2030. 2020. Disponível em: <http://primeirainfancia.org.br/wp-content/uploads/2020/10/PNPI.pdf>. Acesso em 14 Abr 2021
  • UNICEF. Feeding your baby: 6–12 months. Disponível em: <https://www.unicef.org/parenting/food-nutrition/feeding-your-baby-6-12-months>. Acesso em 14 Abr 2021
  • WHO - WORLD HEALTH ORGANIZATION. Child growth standards : head circumference-for-age, arm circumference-forage, triceps skinfold-for-age and subscapular skinfold-for-age : methods and development. 2007. Disponível em: <https://www.who.int/publications/i/item/9789241547185>. Acesso em 14 Abr 2021
  • WHO - WORLD HEALTH ORGANIZATION. Head circumference for age. Disponível em: <https://www.who.int/tools/child-growth-standards/standards/head-circumference-for-age>. Acesso em 14 Abr 2021
  • WHO - WORLD HEALTH ORGANIZATION. Head circumference for age. Disponível em: <https://cdn.who.int/media/docs/default-source/child-growth/child-growth-standards/indicators/head-circumference-for-age/boys-table--head-circumference-for-age-birth-to-5-years-(z-scores).pdf?sfvrsn=8451c08c_0>. Acesso em 14 Abr 2021
  • WHO - WORLD HEALTH ORGANIZATION. Weight-for-age. Disponível em: <https://www.who.int/tools/child-growth-standards/standards/weight-for-age>. Acesso em 14 Abr 2021
  • GANDY Joan. Dietetic Practice. 5º. The British Dietitian Association: Wiley, 2014.
  • ÁLVAREZ María Luisa et al. Nutrición en pediatría . 2ª. Caracas, Venezuela: Cania, 2009. 389-413.
  • KLEINMAN Ronald; GREER Frank. Pediatric Nutrition. 8º. USA: American Academic of Pediatrics, 2019. 163.
  • WORLD HEALTH ORGANIZATION. Patrones de crecimiento infantil: Longitud/estatura para la edad. Disponível em: <https://www.who.int/childgrowth/standards/height_for_age/es/>. Acesso em 30 Nov 2020
  • WORLD HEALTH ORGANIZATION. Patrones de crecimiento infantil: Perímetro cefálico para la edad. Disponível em: <https://www.who.int/childgrowth/standards/hc_para_edad/es/>. Acesso em 30 Nov 2020
  • WORLD HEALTH ORGANIZATION. Patrones de crecimiento infantil: Peso para la edad. Disponível em: <https://www.who.int/childgrowth/standards/peso_para_edad/es/>. Acesso em 30 Nov 2020
Mais sobre este assunto: