Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Dermaroller para Estrias: Como usar e Dúvidas comuns

Um excelente tratamento para eliminar estrias vermelhas ou brancas é o microagulhamento, que é conhecido popularmente como dermaroller.

Esse tratamento consiste em deslizar o dermaroller exatamente em cima das estrias para que suas agulhas ao penetrarem na pele, abram caminho para que os cremes ou ácidos que são aplicados a seguir, tenham uma absorção muito maior, com cerca de 400%.

O dermaroller é um pequeno equipamento que contém micro agulhas que deslizam na pele. Existem diferentes tamanhos de agulhas, sendo que as mais indicadas para remover as estrias são as agulhas com, pelo menos, 2 mm de profundidade. Como as agulhas com mais de 2 mm, que só podem ser usadas por profissionais como o fisioterapeuta especialista ou pelo dermatologista.

Dermaroller para Estrias: Como usar e Dúvidas comuns

Como usar o roller para estrias

Para iniciar o tratamento de microneedling para estrias é preciso:

  • Desinfetar a pele para diminuir o risco de infecções;
  • Anestesiar o local aplicando uma pomada anestésica;
  • Deslizar o roller exatamente em cima das estrias, nos sentidos vertical, horizontal e na diagonal para que as agulhas penetrem numa grande área da estria;
  • Se necessário o terapeuta vai removendo o sangue que vai surgindo;
  • Pode-se resfriar a pele com produtos frios para diminuir o inchaço, vermelhidão e desconforto;
  • A seguir geralmente é aplicado uma loção cicatrizante, creme para estrias ou o ácido que o profissional achar mais adequado;
  • Se for aplicado ácido em alta concentração, este deve ser retirado depois de alguns segundos ou minutos, mas quando são aplicados ácidos em forma de sérum não é preciso retirar;
  • Para finalizar a pele é devidamente limpa, mas ainda é preciso hidratar a pele e usar filtro solar.

Cada sessão pode ser realizada a cada 4 ou 5 semanas e os resultados podem ser notados desde a 1ª sessão.

O tratamento com dermaroller funciona?

O microagulhamento é um excelente tratamento para tirar estrias, até mesmo as brancas, mesmo que sejam muito grandes, largas ou estejam em grande quantidade. O tratamento com as agulhas melhora 90% das estrias, sendo muito eficaz reduzindo seu comprimento e largura com poucas sessões.

O tratamento com dermaroller dói?

Sim, por isso é necessário anestesiar a pele antes de iniciar o tratamento. Depois da sessão o local pode permanecer dolorido, vermelho e um pouco inchado, mas ao resfriar a pele com spray gelado, esses efeitos podem ser facilmente controlados. 

O tratamento com dermaroller pode ser feito em casa?

Não. Para que o tratamento com dermaroller alcance as camadas certas da pele para eliminar as estrias, as agulhas devem ter um comprimento de no mínimo 2 mm. Como as agulhas indicadas para tratamento caseiro tem até 0,5mm estas não são indicadas para estrias, e o tratamento deve ser feito numa clínica por profissionais qualificados, como dermatologista ou o fisioterapeuta. 

Quem não pode fazer

O dermaroller não deve ser usado em pessoas que tem quelóides, que são cicatrizes volumosas no corpo, se tiver alguma ferida no local a ser tratado, caso esteja tomando remédios que afinam o sangue porque isso aumenta o risco de sangramentos, e também em pessoas em tratamento com quimio ou radioterapia.

Como o dermaroller funciona

Este microagulhamento não cria uma ferida profunda na pele, mas as células do corpo são enganadas ao acreditar que a lesão ocorreu, e como resultado existe uma melhor irrigação sanguínea, há formação de novas células com fator de crescimento, e o colágeno que dá sustentação à pele é produzido em grande quantidade e se mantém por até 7 anos depois do tratamento.

Dessa forma, a pele fica mais bonita e esticada, as estrias se tornam menores e mais finas, e com a continuidade do tratamento podem ser completamente eliminadas. No entanto, em alguns casos pode ser preciso usar outros tratamentos estéticos para complementar o microagulhamento, como a radiofrequência e o laser, ou luz intensa pulsada, por exemplo.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...