Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Depilação a laser: Como funciona, quando fazer, quem não pode e cuidados antes e depois

A depilação a laser é o melhor método para acabar com os pêlos indesejáveis, de várias regiões do corpo, como por exemplo axilas, pernas, virilha, zona íntima e barba, de modo definitivo.

A depilação a laser elimina mais de 90% dos pêlos, sendo necessário cerca de 8 a 10 sessões para eliminar totalmente os pêlos da região tratada, e apenas 1 ou 2 sessões anuais, como forma de manutenção. Essas sessões de manutenção são necessárias porque  as células podem se regenerar oferecendo as condições necessárias para o crescimento do pêlo novamente.  Recomenda-se que a 1ª sessão de manutenção seja feita depois que surgirem pêlos novamente, o que varia de uma pessoa para outra. 

Depilação a laser: Como funciona, quando fazer, quem não pode e cuidados antes e depois

O preço de cada sessão de depilação a laser varia entre 150 e 250 reais, mas é possível encontrar packs promocionais nos próprios centros de depilação ou pela internet, em sites de compras coletivas, por exemplo.

Como funciona a depilação a laser

Neste tipo de depilação, a terapeuta irá utilizar um aparelho de laser ou de luz pulsada, que emite um comprimento de onda que atinge o local onde o pêlo cresce, danificando-o.

O resultado é que o pêlo daquela região terá muita dificuldade em reaparecer, mas como o organismo pode regenera-se é preciso mais de uma sessão para garantir que o bulbo capilar seja realmente eliminado.

Depilação a laser dói?

Durante o tratamento é normal sentir um pouco de dor, como se fossem algumas picadinhas no local, mas é possível diminuir este desconforto usando uma pomada anestésica antes do procedimento. As áreas onde se sente mais dor são as que possuem mais pêlo e mais grosso, mas essas áreas são onde os resultados são melhores e mais rápido, necessitando de menos sessões. 

Quem pode fazer a depilação a laser

Todas os indivíduos saudáveis, que não tenham nenhuma doença crônica, e que seja maior de 18 anos pode fazer a depilação a laser. Atualmente até mesmo indivíduos com cor morena, mulata e negra podem fazer a depilação a laser, devendo usar o equipamento indicado, que neste caso é o laser de alexandrite.

Antes de realizar a depilação a laser deve-se ter alguns cuidados como:

  • Ter a pele devidamente hidratada porque assim o laser atua melhor;
  • Não realizar depilação que arranque o pêlo pela raiz dias antes da depilação a laser, porque o laser deve atuar exatamente sobre a raiz do pêlo;
  • Não ter feridas abertas no local onde será feita a depilação;
  • Áreas naturalmente mais escuras como axilas, podem ser clareadas com cremes e pomadas antes do procedimento para um melhor resultado. 

Em pessoas que clareiam os pêlos do corpo pode fazer a depilação a laser, porque o laser atua diretamente sobre a raiz do pelo, que nunca muda de cor. 

Depois de uma sessão de tratamento é preciso alguns cuidados com a pele para evitar que a pele fique manchada e escura, como usar pomadas e loções próprias para retirar a vermelhidão que fica no local onde o laser foi aplicado, e evitar se expor ao sol, além de usar sempre protetor solar nas áreas que podem estar naturalmente expostas ao sol como rosto, colo, braços e mãos. 

Depilação a laser: Como funciona, quando fazer, quem não pode e cuidados antes e depois
Depilação a laser: Como funciona, quando fazer, quem não pode e cuidados antes e depois

Quantas sessões fazer?

O número de sessões varia de acordo com a cor da pele, cor do pêlo, espessura do pêlo e tamanho da área que será depilada. 

Em geral, indivíduos com peles claras e que pêlos grossos e escuros necessitam de menos sessões que as pessoas com peles morenas e pêlos finos, por exemplo. O ideal é comprar um pack de aproximadamente 5 sessões e se for necessário comprar mais sessões. 

As sessões devem ser realizadas 1 vez por mês e quando os pêlos voltarem a crescer, aconselha-se a depilação com gilete, se não for possível esperar até o dia do tratamento a laser.

Contraindicações da depilação a laser

As contraindicações da depilação a laser incluem:

  • Diabetes não controlada, que leva à alterações de sensibilidade na pele;
  • Hipertensão descontrolada porque pode haver um pico de pressão;
  • Epilepsia, porque pode dar origem a uma crise epilética;
  • Gravidez, sobre a área da barriga ou virilha;
  • Vitiligo, porque podem surgir novas áreas de vitigo, onde o laser por utilizado;
  • Doenças de pele, como a psoríase, que a área que for tratada estiver com psoríase ativa;
  • Feridas abertas no local da exposição ao laser;
  • Em caso de câncer, durante o tratamento.

A depilação a laser pode ser realizada em quase todas as áreas do corpo com exceção da parte interior das orelhas, parte inferior das sobrancelhas e diretamente sobre os órgão genitais.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...