Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.

Como fazer a depilação íntima corretamente

Para fazer depilação íntima corretamente primeiro é importante escolher o método que se deseja, que pode ser com cera, lâmina ou creme depilatório, para depois adotar todos os cuidados necessários para evitar infecções. A depilação íntima total pode ser prejudicial e, por isso, é desaconselhada. Isto porque, os pelos dessa região funcionam como protetores, evitando infecções.

O método que normalmente é mais indicado para a fazer a depilação nesta região é o uso da cera quente, pois o calor dilata os poros, facilitando a saída dos pelos. Por outro lado, a depilação com lâmina é o método menos indicado porque pode provocar alergia, coceira ou cortes na pele.

A depilação da região íntima com creme depilatório também é uma opção, porém é preciso ter certeza de que ele pode ser usado nesta região, o que geralmente vem indicado na embalagem.

1. Cera quente

Como fazer a depilação íntima corretamente

Para fazer a depilação íntima com cera quente é necessário ter alguns cuidados como fazer uma esfoliação nas virilhas, cerca de 3 dias antes, para evitar os pelos encravados e preparar a região para a depilação.

Os passos a seguir devem ser:

  1. Começar a depilação na região íntima de fora para dentro e de cima para baixo;
  2. Colocar a cera no sentido do crescimento dos pelos;
  3. Retirar a cera no sentido contrário ao crescimento dos pelos;
  4. Jogar fora a cera e não reutilizá-la, para evitar infecção;
  5. Passar um creme calmante pós-depilação na região;
  6. Evitar a exposição ao sol 24 h após a depilação da região íntima.

Estas medidas servem para evitar infecções, irritação, manchas na pele, queimaduras e pelos encravados.

Além disso, para reduzir a dor durante a depilação, existem algumas ceras quentes que têm em sua composição substâncias analgésicas que ajudam a reduzir a dor durante o processo. Saiba mais sobre as ceras que reduzem a dor da depilação.

2. Lâmina

Como fazer a depilação íntima corretamente

Para fazer a depilação íntima com lâmina também existem certos cuidados importantes. Para realizar o procedimento corretamente, devem-se seguir os passos:

  1. Aparar os pelos da região íntima com uma tesoura, com o cuidado de não cortar a pele;
  2. Limpar bem a região íntima. Saiba quais as regras para fazer a higiene íntima e evitar doenças;
  3. No banho, deixar a água quente escorrer na região durante 2 minutos para dilatar os poros;
  4. Evitar usar sabonete, hidratante e condicionador, pois podem provocar alergia;
  5. Aplicar creme de barbear ou outro produto próprio, na região, e esperar mais 2 minutos para amolecer os pelos;
  6. Passar a lâmina no sentido do crescimento dos pelos;
  7. ​Lavar a lâmina após cada vez que se passar na pele.

Depois de fazer a depilação íntima é recomendado evitar o uso da lâmina para outras regiões corporais.

3. Creme depilatório

Como fazer a depilação íntima corretamente

A depilação com creme depilatório é prática e não tem os mesmos inconvenientes que as lâminas, como cortes ou pelos encravados. Os passos para este tipo de depilação são:

  1. Limpar a região com água e sabão, para eliminar o suor, a oleosidade e as células mortas;
  2. Aparar os pelos para que fiquem curtos, com uma tesoura ou um barbeador elétrico, já que se estiverem comprimidos podem ser mais difíceis de remover;
  3. Aplicar o creme na região desejada, formando uma fina película em uma quantidade suficiente para cobrir a raiz, evitando o contato com áreas sensíveis, como os pequenos lábios ou a mucosa vaginal;
  4. Esperar o produto agir por cerca de 5 minutos, ou conforme a indicação do fabricante na embalagem do creme; 
  5. Enxaguar bem, removendo todo o produto;
  6. Usar um hidratante para evitar que a pele fique inflamada ou irritada após o contato com o produto.

Antes de usar o produto, é recomendado fazer um teste em uma pequena região, pois pode haver o risco de desenvolver alergias. Para isso deve-se aplicar uma pequena porção do creme na pele, esperar alguns minutos, retirar e depois observar se surgem alterações nas 24 horas seguintes.

Esta informação foi útil?

Sua opinião é importante! Escreva aqui como podemos melhorar o nosso texto:

Ficou alguma dúvida? Clique aqui para ser respondido.
Verifique o email de confirmação que lhe enviamos.
Mais sobre este assunto:

Carregando
...
Enviar Mensagem