Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Copaíba: para que serve e como usar

A copaíba é uma planta medicinal, também conhecida como Copaína-verdadeira, Copaiva ou Bálsamo-de-copaíba, muito utilizada para aliviar inflamações, problemas de pele, feridas e machucados abertos, pois possui propriedades anti-inflamatórias, cicatrizantes e antissépticas.

O seu nome científico é Copaifera langsdorffii e pode ser encontrada em farmácias ou lojas de produtos naturais sob forma de cremes, loções, xampus, pomadas e sabonetes. No entanto, a copaíba é mais utilizada em forma de óleo.

Copaíba: para que serve e como usar

Para que serve

A copaíba possui propriedade anti-inflamatória, cicatrizante, antisséptica, antimicrobiana, diurética, laxante e hipotensora, podendo ser utilizada para diversas situações, sendo as principais:

  • Problemas de pele, como erupções cutânea, dermatite, pano branco e eczema, por exemplo;
  • Úlceras no estômago;
  • Caspa;
  • Problemas respiratórios, como tosse, excesso de secreção e bronquite;
  • Gripes e resfriados;
  • Infecções urinárias;
  • Hemorroida;
  • Doenças inflamatórias articulares, como artrite;
  • Prisão de ventre;
  • Micoses.

Além disso, a copaíba pode ser utilizada para combater infecções que podem ser transmitidas por via sexual, como por exemplo a sífilis e a gonorreia - saiba como usar a copaíba para combater a gonorreia.

Como usar o óleo de copaíba

A forma mais comum de se utilizar a copaíba é por meio do seu óleo, que pode ser encontrado em farmácias ou em lojas de produto natural.

Para tratar problemas de pele, uma pequena quantidade de óleo de copaíba deve ser aplicada sobre a região a ser tratada e massageada suavemente até que haja a absorção completa do óleo. É recomendado que esse procedimento seja feita pelo menos 3 vezes ao dia para garantir os melhores resultados.

Outra opção de utilização do óleo de copaíba para problemas de pele e articulares é por meio do aquecimento de uma pequena quantidade de óleo, que, quando morno, deve ser passado sobre a área a ser tratada até 2 vezes por dia.

No caso de doenças respiratórias ou urinárias, por exemplo, pode ser recomendada o consumo de cápsulas de copaíba, sendo a dose diária máxima recomendada de 250 gramas por dia.

Saiba mais sobre o óleo de copaíba.

Efeitos Colaterais e contraindicações

É importante que a copaíba seja utilizada conforme orientação do fitoterapeuta ou do médico, pois possui alguns efeitos colaterais quando utilizada da forma correta, como por exemplo diarreia, vômito e erupções na pele. Além disso, o uso dessa planta medicinal é contraindicado em caso de gravidez ou lactação e em caso de problemas gástricos.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar