Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como é a recuperação da cirurgia bariátrica

​A recuperação da cirurgia bariátrica pode demorar entre 6 meses a 1 ano e, o paciente pode perder entre 10% a 40% do peso inicial durante esse período, sendo mais rápido nos primeiros meses de recuperação.

Durante o primeiro mês após a cirurgia bariátrica, é normal o paciente ter dor no abdômen, náuseas, vômitos e diarreia com frequência, principalmente após as refeições e, para evitar estes sintomas é essencial alguns cuidados com a alimentação e com o retorno às atividades de vida diária e prática de exercício físico.

Os exercícios respiratórios são indicados para serem realizados nos primeiros dias do pós operatório para prevenir complicações respiratórias. Veja exemplos em: 5 exercícios para respirar melhor depois da cirurgia.

Dieta após cirurgia bariátrica

Após a cirurgia para emagrecer, o paciente será alimentado por soro pela veia e, apenas dois dias depois poderá beber água e chás, que deverá ingerir de 20 em 20 minutos em pequenas quantidades, no máximo um copo de café de cada vez, pois o estômago está muito sensível.

Geralmente, 5 dias após a cirurgia bariátrica, que é quando a pessoa tolera bem os líquidos, o paciente poderá comer alimentos pastosos como pudim ou creme, por exemplo e, apenas 1 mês após a cirurgia poderá iniciar a ingestão de alimentos sólidos, por indicação do médico ou nutricionista.Saiba mais sobre a dieta em: Alimentação após cirurgia bariátrica.

Além destas dicas, o médico pode indicar o uso de um multivitamínico como Centrum, pois, a cirurgia para emagrecer pode levar a perda de vitaminas como ácido fólico e vitaminas do complexo B.

Curativo da cirurgia bariátrica

Depois da cirurgia bariátrica, como colocação de banda gástrica ou bypass, o paciente terá curativos no abdômen que protegem as cicatrizes e, que deverão ser avaliados por um enfermeiro e trocados no posto de saúde uma semana após a cirurgia. Durante essa semana o paciente não deverá molhar o curativo para evitar que a cicatriz infeccione.

Além disso, 15 dias após a cirurgia o individuo terá que voltar ao posto de saúde para remover os agrafos ou pontos e, após removê-los deverá aplicar creme hidratante diariamente sobre a cicatriz para hidratá-la.

Atividade física após cirurgia bariátrica

O exercício físico deve ser iniciado uma semana após a cirurgia e de uma forma lenta e sem fazer muito esforço, pois ajuda a emagrecer ainda mais rápido.

O paciente pode começar por andar ou subir escadas, pois, além de ajudar a perder peso, ajuda a diminuir o risco de desenvolver trombose e contribui para que o intestino funcione de forma correta. No entanto, o paciente deve evitar pegar em pesos e fazer abdominais no primeiro mês após a cirurgia.

Além disso, duas semanas após a cirurgia para emagrecer, o paciente pode voltar ao trabalho e fazer as atividades do dia-a-dia, como cozinhar, passear ou dirigir, por exemplo.

Como aliviar a dor após cirurgia bariátrica

Ter dor após uma cirurgia para emagrecer é normal durante o primeiro mês e a dor vai diminuindo com o passar do tempo. Nesse caso, o médico pode indicar o uso de analgésicos, como Paracetamol ou Tramadol para aliviá-la e ter maior bem-estar.

No caso de cirurgias por laparotomia, onde o abdômen é aberto, o médico pode também recomendar o uso de uma faixa abdominal para apoiar a barriga e diminuir o desconforto.

Quando ir no médico

O paciente deve consultar o cirurgião ou ir ao pronto-socorro quando:

  • Vomitar em todas as refeições, mesmo cumprindo as quantidades e comendo os alimentos indicados pelo nutricionista;
  • Tiver diarreia ou o intestino não funcionar após 2 semanas da cirurgia;
  • Não conseguir ingerir qualquer tipo de alimento devido a náuseas muito fortes;
  • Sentir dor no abdômen muito forte e que não passa com os analgésicos;
  • Tiver febre superior a 38ºC;
  • O curativo estiver sujo com liquido amarelo e com cheiro desagradável.

Nestes casos, o médico avalia os sintomas e orienta o tratamento caso seja necessário.

Veja também: Como funcionam as cirurgias para emagrecer.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...