Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Claustrofobia: o que é, sintomas e tratamento

A claustrofobia é um transtorno psicológico caracterizado pela incapacidade da pessoa em ficar muito tempo em ambientes fechados ou com pouca circulação de ar, como em elevadores, trens lotados ou salas fechadas, o que pode levar ao surgimento de outros transtornos psicológicos, como a agorafobia, por exemplo. Saiba mais sobre a agorafobia.

Essa fobia pode levar a sintomas como falta de ar, boca seca, aumento da frequência cardíaca e sentimento de medo, podendo acontecer em crianças, jovens, adultos ou idosos, sem distinção de classe social e deve ser tratada com mediação e sessões de psicoterapia.

Claustrofobia: o que é, sintomas e tratamento

Sintomas de claustrofobia

A claustrofobia é caracterizada principalmente pelo sentimento de medo, angústia e ansiedade quando a pessoa se encontra em ambientes fechados ou desconfortáveis ou até mesmo quando se imaginam em tal situação. Os principais da claustrofobia são:

  • Sudorese;
  • Taquicardia;
  • Boca seca;
  • Medo e angústia.

A pessoa acredita que as paredes estão se movendo, o teto abaixando e o espaço diminuindo, por exemplo, o que estimula o surgimento dos sintomas. Os sintomas da claustrofobia também podem levar a uma preocupação excessiva e constante relacionadas ao medo, podendo essa fobia evoluir para o transtorno de ansiedade generalizada. Veja tudo sobre o Transtorno da Ansiedade Generalizada.

Tratamento para claustrofobia

O tratamento para claustrofobia pode ser feito através de sessões de psicoterapia que por vezes pode estar associada ao uso de medicamentos ansiolíticos e antidepressivos que podem ajudar a diminuir os sintomas da fobia e o risco de desenvolvimento de uma depressão, já que é hábito destes indivíduos isolarem-se do mundo em locais que eles acham ser seguros como o próprio quarto.

O tratamento é demorado, mas alcança bons resultados, e por isso a claustrofobia tem controle, que só será alcançado quando o tratamento for seguido corretamente. As sessões de psicoterapia são fundamentais, pois têm como objetivo expor direta ou indiretamente a pessoa às situações em que se sentem com medo, ansiosas e angustiadas, fazendo com que encarem o medo e passem a se sentir melhor diante dessas situações.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...