Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Saiba os Efeitos do Chip da Beleza no Corpo

O implante hormonal é um pequeno dispositivo que pode ser colocado sob a pele a fim de atuar como anticoncepcional, sendo útil ainda para combater os sintomas da TPM, combater a celulite, aumentar a massa muscular e favorecer o emagrecimento, e por isso também é conhecido popularmente como Chip da Beleza.

No entanto, os chips com hormônios só devem ser usados quando o corpo precisa deles e não somente para fins estéticos porque estes efeitos, aparentemente benéficos, trazem riscos para saúde como aumento do risco de diabetes. Além disso, quando possui testosterona, o aumento desse hormônio no corpo feminino tem como efeitos à longo prazo como a facilidade para engordar e dificuldade para emagrecer.

Geralmente o chip da beleza é feito com 6 hormônios combinados: elcometrina, nomegestrol, gestrinona, estradiol, testosterona e progesterona; sendo 3 que funcionam como anticoncepcional e mais 3 para reposição hormonal.

Implante hormonal - Chip da BelezaImplante hormonal - Chip da Beleza

Efeitos colaterais do chip da beleza

O chip com hormônio só deve ser implantado quando há necessidade de repor algum hormônio, como no caso da mulher que sofre com uma TPM muito intensa, assim como menopausa ou na andropausa porque nestes casos os benefícios do seu uso são maiores que os riscos.

Os efeitos colaterais do implante hormonal incluem sangramento fora do período menstrual, acne, dor nas mamas, de cabeça e no local do implante, diminuição da líbido, tonturas e náuseas e cistos nos ovários em algumas mulheres.

Usar um chip com hormônio somente para fins estéticos, sem seu efeito contraceptivo, pode causar resistência à insulina, tendência para engordar e dificuldade para emagrecer, especialmente depois de 1 ano de uso desse tipo de implante.

Quando é indicado

O chip com hormônio pode ser indicado como método contraceptivo em mulheres com idade fértil, durante a menopausa e pode até mesmo sem usado para homens que sofrem com a queda da testosterona, durante a andropausa. Também pode ser útil para regular os hormônios femininos quando a mulher sofre com TPM, inchaço excessivo, enjôo, enxaqueca e celulite. 

Além disso, quando se pode comprovar a síndrome de predominância estrogênica, que favorece o aumento do peso, seu uso pode ser uma boa opção para manter o peso sob controle. No entanto, o implante hormonal não deve ser usado somente para fins estéticos, quando não se pode comprovar a necessidade de reposição hormonal.

Veja um exemplo de implante anticoncepcional

Como funciona o chip da beleza

O implante hormonal é feito de silicone, mede cerca de 3 cm, e é semelhante a um palito de dente. Ele é inserido por baixo da pele do abdômen ou do glúteo, por exemplo, após uma anestesia local. Este implante possui uma combinação de hormônios especificamente criado para cada mulher e libera a mesma quantidade de hormônios todos os dias no corpo feminino. Com essa estabilidade hormonal a mulher se sente melhor, menos inchada, com menos celulite e com maior facilidade de ganhar massa muscular, desde que faça dieta e pratique exercícios.

O implante deve ser criado especificamente para cada mulher, e por isso o médico deve avaliar sua saúde e observar se fuma, consome bebidas alcoólicas, se usa drogas, mesmo que seja maconha, se tem muita ou pouca celulite e a sua tendência para engordar porque estes fatores vão determinar quais serão os hormônios que serão usados e qual sua quantidade.

Preço

O preço do chip da beleza varia entre 3 e 8 mil reais e pode ser colocado no consultório médico, num procedimento simples, sem necessidade de cirurgia. O implante pode durar de 6 meses à 1 ano, até ser completamente absorvido pelo corpo. Durante este período de durabilidade o médico pode solicitar exames a cada 3 meses para verificar a quantidade de hormônio presente no corpo, para poder ajustar a dose quando for preciso colocar um novo implante. 

Mais sobre este assunto:


Carregando
...