Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Topografia de córnea (Ceratoscopia): o que é e como é feita

Atualizado em Outubro 2019

A ceratoscopia, também chamada de topografia de córnea ou topografia corneana, é um exame oftalmológico muito utilizado no diagnóstico do ceratocone, que é uma doença degenerativa caracterizada pela deformação da córnea, que acaba por adquirir um formato de cone, havendo dificuldade para enxergar e maior sensibilidade à luz.

Esse exame é simples, realizado no consultório oftalmológico e consiste na realização do mapeamento da córnea, que é o tecido transparente que fica na frente do olho, identificando qualquer alteração nessa estrutura. O resultado da topografia corneana pode ser indicado pelo médico logo após a realização do exame.

Apesar de ser mais utilizado no diagnóstico do ceratocone, a ceratoscopia também é bastante realizada no pré e pós operatório de cirurgias oftalmológicas, indicando se a pessoa está apta para realizar o procedimento e se o procedimento teve o resultado esperado.

Topografia de córnea (Ceratoscopia): o que é e como é feita

Para que serve

A topografia de córnea é feita para identificar alterações na superfície da córnea, sendo realizada principalmente para:

  • Medir a espessura e curvatura da córnea;
  • Diagnóstico do ceratocone;
  • Identificação do astigmatismo e miopia;
  • Avaliar a adaptação do olho à lente de contato;
  • Verificar a degeneração da córnea.

Além disso, a ceratoscopia é um procedimento muito realizado no pré-operatório de cirurgias refrativas, que são cirurgias que têm como objetivo corrigir a a alteração da passagem de luz, no entanto nem todas as pessoas que possuem alteração na córnea são aptas para realizar o procedimento, como é o caso das pessoas com ceratocone, pois devido ao formato da córnea, não são aptas para realizar esse tipo de cirurgia.

Por isso, no caso de ceratocone, o oftalmologista pode recomendar o uso de óculos de grau e lentes de contato específicas e, dependendo do grau de alteração da córnea, pode indicar a realização de outros procedimentos cirúrgicos. Entenda como é feito o tratamento para o ceratocone.

A topografia corneana também pode ser feita no pós-operatório, sendo importante para verificar se a alteração foi corrigida e a causa da visão ruim após a cirurgia refrativa.

Como é feita

A ceratoscopia é um procedimento simples, realizado no consultório oftalmológico e que dura entre 5 e 15 minutos. Para realizar esse exame não é necessário que haja dilatação da pupila, até porque não será avaliada, e pode ser recomendado que a pessoa não use lentes de contato 2 a 7 dias antes do exame, mas essa recomendação depende da orientação do médico e do tipo de lente utilizado.

Para realizar o exame, a pessoa é posicionada num aparelho que reflete vários anéis de luz concêntricos, conhecidos como anéis de Plácido. A córnea é a estrutura do olho responsável pela entrada da luz e, por isso, de acordo com a quantidade de luz refletida é possível verificar a curvatura da córnea e identificar alterações.

A distância entre os anéis de luz refletidos é medida e analisada por um software em um computador que está associado ao equipamento. Todas as informações obtidas a partir da emissão dos anéis de luz são capturadas pelo programa e transformadas em um mapa de cores, que deve ser interpretado pelo médico. A partir das cores presentes, o médico pode verificar alterações:

  • Vermelho e laranja são indicativos de maiores curvaturas;
  • Azul, violeta e verde indicam curvaturas mais planas.

Dessa forma, quanto mais vermelho e laranja for o mapa, maior é a alteração da córnea, indicando que é necessária a realização de outros exames para concluir o diagnóstico e iniciar o tratamento adequado.


Bibliografia

  • ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE CATARATA E CIRURGIA REFRATIVA. Ceratometria ou Topografia Computadorizada de Córnea ou Ceratoscopia Computadorizada da Córnea. Link: <brascrs.com.br>. Acesso em 11 Out 2019
  • INSTITUTO PANAMERICANO DA VISÃO. Ceratoscopia Computadorizada. Link: <www.ipvisao.com.br>. Acesso em 11 Out 2019
  • BOWLING, Brad. Oftalmologia Clínica: uma abordagem sistemática. 8 ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2016. 173; 213.
  • YANOFF, Myron; DUKER, Jay S. Oftalmologia. 3 ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2011. 210-213.
  • MARTIN, Raul. Cornea and anterior eye assessment with placido-disc keratoscopy, slit scanning evaluation topography and scheimpflug imaging tomography. Indian Journal of Ophtalmology. Vol 66. 3 ed; 360-366, 2018
  • PARAOPTOMETRIC RESOURCE CENTER. Understanding Corneal Topography. Link: <www.aoa.org>. Acesso em 11 Out 2019
  • INSTITUTO DE OFTALMOLOGIA DE CURITIBA. Topografia de Córnea. Link: <ioc.med.br>. Acesso em 11 Out 2019
  • INSTITUTO DE OFTALMOLOGIA DO RIO DE JANEIRO. O que é Córnea. Link: <www.iorj.med.br>. Acesso em 11 Out 2019
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem