Caldo de ossos: 7 benefícios e como fazer (com receitas)

Atualizado em julho 2023

O caldo de ossos é uma sopa feita com os ossos de boi, frango ou peru, que é rica em colágeno, uma proteína que mantém a saúde das articulações e promove a firmeza e a elasticidade da pele, prevenindo o surgimento de rugas e a flacidez.

Além disso, o caldo de ossos, ou sopa de ossos, tem baixo índice glicêmico, podendo ser usado em dietas para emagrecer, como o jejum intermitente, uma dieta que estimula a queima de gordura, promovendo o emagrecimento. Veja como fazer o jejum intermitente.

Confira mais sobre os benefícios do caldo de ossos no vídeo a seguir:

youtube image - A melhor RECEITA para quebrar o JEJUM INTERMITENTE

7 benefícios do caldo de ossos

Os principais benefícios do caldo de ossos para a saúde são:

1. Manter a saúde do intestino

O caldo de ossos mantém a saúde do intestino por conter glicina e glutamina, aminoácidos que promovem a saúde da flora intestinal, prevenindo problemas como diarreia, prisão de ventre e doenças inflamatórias intestinais.

2. Manter a saúde das articulações

Por conter glicosamina e condroitina, compostos que formam a cartilagem, o caldo de ossos ajuda a manter a saúde das articulações, evitando o surgimento de dores e inflamações.

3. Fortalecer o sistema imunológico

O caldo de ossos fortalece o sistema imunológico, porque tem boas quantidades de glutamina, um aminoácido importante para manter a saúde da flora intestinal e fortalecer as células de defesa.

4. Ajudar a emagrecer

Por ter baixo índice glicêmico e poucas calorias, o caldo de ossos ajuda a prolongar a saciedade e diminuir a fome entre as refeições, ajudando no emagrecimento. Por isso, o caldo de ossos pode ser indicado para dietas como jejum intermitente e low carb, por exemplo.

No entanto, para emagrecer, é fundamental também fazer uma dieta saudável e praticar atividades físicas regularmente. Saiba como fazer uma dieta para emagrecer.

5. Melhorar o humor

O colágeno presente no caldo de ossos contém glicina, um aminoácido com propriedades calmantes que diminui o estresse, melhorando o humor, o sono e o bem-estar geral.

6. Prevenir o envelhecimento precoce

O caldo de ossos ajuda a prevenir o envelhecimento precoce, pois é rico em colágeno, é uma proteína que é responsável por da firmeza e elasticidade à pele, evitando a formação de rugas e a flacidez. Confira outros alimentos ricos em colágeno.

7. Fortalecer os ossos

O caldo de ossos tem boas quantidades de colágeno, uma proteína importante para fortalecer e aumentar a densidade dos ossos, diminuindo o risco do desenvolvimento de osteopenia ou osteoporose.

Como fazer o caldo de ossos

Para fazer o caldo de ossos é importante usar ossos de boi, de frango ou de peru, além de outros ingredientes como vinagre, água e vegetais.

Ingredientes:

  • 4 kg de ossos com tutano;
  • 2 colheres de sopa de vinagre de maçã;
  • 1 cebola;
  • 1 cenoura;
  • 1 talo de alho poró;
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto;
  • Água.

Modo de preparo:

Lavar bem a cenoura e o alho poró, cortá-los em pedaços médios e colocar em uma panela grande. Descascar e cortar a cebola em cubos médios, transferindo para a panela. Adicionar os ossos, cobrir os ingredientes com a água e adicionar o vinagre, levando a mistura ao fogo baixo por 4 a 8 horas. Desligar o fogo, deixar amornar e coar o caldo, retirando as partes sólidas que restaram. Beber 2 conchas do caldo de ossos morno ou esperar esfriar.

Como armazenar o caldo

O caldo de ossos deve ser armazenado em recipientes de vidro ou de plástico com tampa e em pequenas porções, com cerca de 2 conchas cada. O caldo ossos pode ficar na geladeira por cerca de 5 dias ou no congelador, por até 3 meses.