Beber água na refeição realmente engorda?

A água não tem calorias e, por isso, beber água não contribui diretamente para o ganho de peso. No entanto, beber água durante a refeição pode ser um hábito que facilita o ganho de peso, já que a água acaba causando uma dilatação do estômago, que interfere com a sensação de saciedade e que pode levar a pessoa a comer mais comida.

Além disso, o consumo de água e de outros líquidos durante a refeição altera o paladar e pode interferir na absorção de alguns nutrientes, de forma que a refeição acaba parecendo pouco nutritiva, quando não foi.

Para não correr o risco de comer mais calorias e acabar engordando, o mais recomendado é beber água pelo menos 30 minutos antes ou após a refeição, para não interferir com a ingestão de alimentos.

Beber água na refeição realmente engorda?

Beber água durante a refeição engorda?

Beber água enquanto se come pode engordar e isso não acontece devido às calorias da bebida, que são inexistentes, mas sim devido à dilatação do estômago que acontece com a ingestão da bebida. Isso faz com que o estômago fique maior, havendo maior necessidade de ingestão de comida para chegar na sensação de saciedade. Quando se come mais comida, há um aumento significativo nas calorias ingeridas e isso favorece o ganho de peso.

Assim, mesmo pessoas que apenas bebem água durante a refeição, podem ter um aumento do peso que está indiretamente relacionado com a sua ingestão, pois a água causa a dilatação do estômago.

Além disso, numa fase inicial, a água pode até dar maior sensação de saciedade, já que ocupa o espaço que seria de outro alimento. No entanto, mesmo que isso aconteça, é normal que a pessoa sinta ainda mais fome na refeição seguinte, já que, na refeição anterior, não ingeriu a quantidade de alimentos necessária, e, aí, fica muito mais difícil de controlar o que se come na vez seguinte.

Outros líquidos como suco, refrigerante ou bebida alcoólica influenciam diretamente o processo de engordar, pois contêm calorias extra à refeição.

Quando beber água

Apesar de não existir uma medida exata, até 30 minutos antes e 30 minutos depois da refeição é possível ingerir líquidos sem que atrapalhem a digestão. Isso significa que a hora da refeição não deve ser o momento para "matar a sede".

Além do momento em que se bebe água, é importante também ter atenção à quantidade de líquidos consumidos. Isso porque quantidades superiores a 200 mL podem interferir no processo de digestão dos nutrientes presentes na refeição. Assim, a refeição acaba por não ser tão nutritiva uma vez que parte das vitaminas e minerais não conseguem ser absorvidos.

Esclareça mais dúvidas assistindo ao vídeo a seguir:

Esta informação foi útil?
Atualizado por Manuel Reis, Enfermeiro - em Outubro de 2021. Revisão clínica por Tatiana Zanin, Nutricionista - em Outubro de 2021.
Mais sobre este assunto: