Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Baço aumentado: causas, sintomas e tratamento

O baço aumentado, também conhecido por esplenomegalia, caracteriza-se pelo aumento do tamanho do baço, que pode ser causado por infecções, doenças inflamatórias, ingestão de certas substâncias, ou presença de determinadas doenças.

O baço é um órgão localizado à esquerda e atrás do estômago, que tem como função o armazenamento e produção de glóbulos brancos, a vigilância imunológica e a eliminação de glóbulos vermelhos danificados.

Quando o baço está aumentado, podem surgir complicações como maior suscetibilidade a infecções ou anemia, por exemplo, sendo importante ir ao médico, para fazer o tratamento o mais brevemente possível, que consiste em tratar a causa que está na sua origem e, em casos mais severos, cirurgia.

Baço aumentado: causas, sintomas e tratamento

Possíveis causas

Algumas das causas que podem levar ao aumento do baço, são:

  • Infecções, como mononucleose infeciosa, malária, entre outras;
  • Doenças autoimunes, como artrite reumatoide ou lúpus, que levam à inflamação do sistema linfático, incluindo o baço;
  • Câncer no baço ou outros tipos de câncer, como leucemia ou doença de Hodgkin;
  • Distúrbios do coração;
  • Doenças do fígado, como cirrose ou hepatite;
  • Fibrose cística;
  • Lesões no baço.

Saiba também quais as causas e sintomas de dor no baço.

Quais os sintomas

Quando o baço está aumentado, a pessoa pode não apresentar sintomas, sendo que, nestes casos, este problema só é detectado em consulta ou exames de rotina.

Porém, em alguns casos, podem surgir sintomas, como dor e desconforto do lado esquerdo superior do abdome, que é onde se localiza o baço, sensação de enfartamento depois das refeições, devido à pressão que o baço aumentado faz sobre o estômago.

Em casos mais graves, o baço pode começar a fazer pressão sobe outros órgãos, podendo afetar a circulação de sangue para o baço, e pode ainda levar a complicações como o surgimento de anemia ou aumento de infecções.

Como é feito o tratamento

O tratamento do baço aumentado consiste em tratar, em primeiro lugar, a causa que está na sua origem, que pode consistir na administração de antibióticos, suspensão de certos medicamentos ou substâncias tóxicas e outros tratamentos mais complexos, como o de câncer ou doenças auto-imunes.

Em casos mais graves, em que o tratamento da causa não resolva o problema, pode ser necessário recorrer a uma cirurgia de remoção do baço, chamada de esplenectomia, que geralmente é feita por laparoscopia, sendo de rápida recuperação. É possível ter uma vida normal e saudável sem baço, se forem seguidos os devidos cuidados.

Saiba como é feita a cirurgia de remoção do baço e veja que cuidados deve ter manter uma vida saudável.

Bibliografia >

  • PETROIANU, Andy. ESPLENOMEGALIA INDUZIDA POR DROGAS. Acta Med Port.. Vol.24. 4.ed; 977-982, 2011
  • STATPEARLS PUBLISHIN. Splenomegaly. 2020. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK430907/>. Acesso em 17 Abr 2020
  • MISIAKOS, Evangelos P. et al. Laparoscopic splenectomy: Current concepts. World J Gastrointest Endosc. Vol 9. 9 ed; 428-437, 2017
  • MORIS, Demetrius; DIMITRIOU, Nikoletta; GRINIATSOS. John. Laparoscopic Splenectomy for Benign Hematological Disorders in Adults: A Systematic Review. In Vivo. Vol 31. 3 ed; 291-302, 2017
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem