Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Para que serve o Baclofeno

O Baclofeno é um relaxante muscular que, embora não seja anti-inflamatório, permite aliviar a dor nos músculos e melhorar o movimento, facilitando a realização das tarefas diárias em casos de esclerose múltipla, mielite, paraplegia ou pós-AVC, por exemplo. Além disso, por ajudar a aliviar a dor é muito utilizado antes das sessões de fisioterapia para reduzir o desconforto.

Este remédio funciona por imitar a função de um neurotransmissor conhecido como GABA, que tem a ação de bloquear os nervos que controlam a contração dos músculos. Assim, ao tomar o Baclofeno, esses nervos ficam menos ativos e os músculos acabam relaxando ao invés de contrair.

Para que serve o Baclofeno

Preço e onde comprar

O preço do Baclofeno pode variar entre os 5 e os 30 reais para caixas com comprimidos de 10 mg, dependendo do laboratório que o produz e do local de compra.

Este medicamento pode ser comprado nas farmácias convencionais com apresentação de receita médica, sob a forma de genérico ou com os nomes comerciais de Baclofen, Baclon ou Lioseral, por exemplo.

Como tomar

O uso do Baclofeno deve começar com doses baixas, que vão sendo aumentadas ao longo do tratamento até atingir o ponto em que surge efeito reduzindo os espamos e a contração muscular, mas sem causar efeitos colaterais. Dessa forma, cada caso deve ser constantemente avaliado por um médico.

No entanto, o esquema de medicação normalmente é iniciado com uma dose de 15 mg por dia, dividida em 3 ou 4 vezes, que pode ser aumentada a cada 3 dias em mais 15 mg diárias, até um máximo de 100 a 120 mg.

Se após 6 ou 8 semanas de tratamento, não surgirem melhoras dos sintomas é muito importante parar o tratamento e consultar novamente o médico.

Possíveis efeitos colaterais

Os efeitos colaterais geralmente surgem quando a dose não está adequada e podem incluir:

  • Sensação de felicidade extrema;
  • Tristeza;
  • Tremores;
  • Sonolência;
  • Sensação de falta de ar;
  • Diminuição da pressão arterial;
  • Cansaço excessivo;
  • Dor de cabeça e tonturas;
  • Boca seca;
  • Diarreia ou prisão de ventre;
  • Excesso de urina.

Normalmente estes efeitos são leves e desaparecem alguns dias após o início do tratamento.

Quem não deve tomar

O Baclofeno apenas está contraindicado para pessoas com alergia a algum dos componentes da fórmula. No entanto, deve ser usado com cuidado e apenas com orientação do médico em grávidas, mulheres a amamentar e pacientes com Parkinson, epilepsia, úlcera no estômago, problemas renais, doenças no fígado ou diabetes.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...