Adenite mesentérica: o que é, sintomas e tratamento

maio 2022

A adenite mesentérica, ou linfadenite mesentérica, é uma inflamação dos nódulos linfáticos do mesentério, ligados ao intestino, que resulta de uma infecção geralmente causada por bactéria ou vírus, levando ao surgimento de dor abdominal intensa, semelhante à de uma apendicite aguda.

Geralmente, a adenite mesentérica não é grave, sendo mais frequente em crianças menores de 5 anos e jovens com menos de 25 anos, devido a infecções bacterianas ou virais nos intestinos que desaparecem sem qualquer tipo de tratamento.

Os sintomas da adenite mesentérica podem durar dias ou semanas, no entanto, podem ser facilmente controlados com o tratamento recomendado pelo médico, que é feito de acordo com a causa da adenite.

Quais os sintomas

Os sintomas da adenite mesentérica podem durar dias ou semanas, sendo os principais:

  • Dor abdominal intensa no lado inferior direito da barriga;
  • Febre acima de 38º C;
  • Sensação de mal estar;
  • Perda de peso;
  • Vômitos e diarreia.

Em casos mais raros, a adenite mesentérica pode não provocar sintomas, sendo apenas diagnosticada durante exames de rotina, como ultrassonografia abdominal, por exemplo. Nestes casos, mesmo não provocando sintomas, é necessário identificar a causa do problema para fazer o tratamento adequado.

Possíveis causas

A adenite mesentérica é causada principalmente por infecções virais ou bacterianas, principalmente por Yersinia enterocolitica, que entram no organismo e promovem a inflamação dos gânglios do mesentério, causando febre e dor abdominal. 

Além disso, a adenite mesentérica também pode resultar de doenças como linfoma ou doença inflamatória intestinal.

Saiba como identificar e tratar a adenite bacteriana.

Como é feito o tratamento

O tratamento para adenite mesentérica deve ser orientado por um gastroenterologista ou clínico geral, no caso do adulto, ou por um pediatra, no caso da criança e, normalmente, depende da causa do problema.

Assim, se a causa da adenite mesentérica for uma infecção viral, o médico irá recomendar remédios analgésicos e anti-inflamatórios, como paracetamol ou ibuprofeno, para controlar os sintomas, até que o organismo elimine o vírus.

No entanto, caso seja uma bactéria que está na origem do problema, pode ser necessário usar antibióticos, que podem ser associados a outros medicamentos, para controlar os sintomas. Entenda mais sobre o tratamento para infecção intestinal.

Em que consiste o diagnóstico

O diagnóstico da adenite mesentérica é feito pelo gastroenterologista ou clínico geral, a partir da avaliação dos sintomas apresentados pela pessoa e dos resultados dos exames de imagem, como tomografia computadorizada e ultrassonografia.

Em alguns casos, o médico também pode solicitar a realização de coprocultura, que corresponde à análise microbiológica das fezes, com a intenção de detectar o microrganismo causador da adenite e, assim, poder recomendar o melhor tratamento.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Manuel Reis - Enfermeiro, em maio de 2022. Revisão médica por Dr.ª Clarisse Bezerra - Médica de Saúde Familiar, em fevereiro de 2020.

Bibliografia

  • Federle, Michael P.. Diagnóstico por imagem: gastrointestinal. 1 ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2018. pp. 356-357.
  • NHS - TAMESIDE AND GLOSSOP INTEGRATED CARE. Mesenteric Adenitis. 2017. Disponível em: <https://www.tamesidehospital.nhs.uk/documents/MesentericAdenitis.pdf>. Acesso em 17 fev 2020
Mostrar bibliografia completa
  • GIOVANI, Maconi et. al.. Ultrasound of the Gastrointestinal Tract. Springer, 2007. 11 - 18.
Revisão médica:
Dr.ª Clarisse Bezerra
Médica de Saúde Familiar
Formada em Medicina pelo Centro Universitário Christus e especialista em Saúde da Família pela Universidade Estácio de Sá. Registro CRM-CE nº 16976.