Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é a Tríade de Beck

Atualizado em Setembro 2019

A Tríade de Beck caracteriza-se por um conjunto de três sinais que estão associados ao tamponamento cardíaco, como sons cardíacos abafados, diminuição da pressão arterial e dilatação das veias do pescoço, dificultando a capacidade do coração para bombear o sangue.

O tamponamento cardíaco consiste no acúmulo de líquido entre as duas membranas do pericárdio, que são responsáveis pelo revestimento do coração, gerando os sinais descritos anteriormente e sintomas como aumento da frequência cardíaca e respiratória, dor no tórax, pés e mãos frios e roxos, falta de apetite, dificuldade para engolir e tosse.

Saiba quais as causas mais comuns que podem estar na origem do tamponamento cardíaco.

O que é a Tríade de Beck

A tríade de Beck pode ser explicada da seguinte forma:

1. Sons cardíacos abafados

Quando ocorre uma lesão no coração, por exemplo, pode-se gerar o aumento da pressão intrapericárdica devido ao acúmulo de líquido no espaço pericárdico, que é o espaço entre o coração e o pericárdio, uma espécie de saco aderido ao coração, que o envolve. Esta acúmulo de líquido em torno do coração, vai abafar o som dos batimentos cardíacos, que é o primeiro componente da triade de Beck.

2. Diminuição da pressão arterial

Esta alteração da pressão intracardíaca compromete o enchimento cardiaco, porque o coração não vai conseguir trabalhar corretamente, diminuindo assim o débito cardíaco, o que se reflete numa diminuição da pressão arterial, segundo sinal da triade de Beck.

3. Dilatação das veias do pescoço 

Como consequência do débito cardíaco diminuído, o coração tb vai ter dificuldade para receber todo o sangue venoso, que vem do resto do corpo para o coração, o que vai fazer com que o sangue se acumule, levando ao terceiro sinal da tríade de beck, a dilatação das veis do pescoço, também conhecido por turgência jugular.

Como é feito o tratamento

O tratamento do tamponamento cardíaco deve ser feito com urgência e geralmente consiste na realização de uma pericardiocentese, que é um tipo de procedimento cirúrgico que tem como objetivo retirar o excesso de líquido do coração, que é um procedimento provisório, que apenas alivia os sintomas e pode salvar a vida do paciente.

Depois disso, o médico pode realizar uma cirurgia mais invasiva para remover uma parte do pericardio, drenar sangue ou remover coágulos sanguíneos, por exemplo.

Além disso, também pode ser feita a reposição do volume de sangue com líquidos e a administração de remédios, para normalizar a pressão arterial, e administração de oxigênio com o objetivo de reduzir a carga sobre o coração.

Bibliografia >

  • DOMINGUES, Vital da SIlva. Tamponamento Cardíaco da Etiologia ao Tratamento. Cuidados Intermédios em Perspectiva. 1. 29-35, 2012
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Mais sobre este assunto:


Publicidade

LIVE | Saúde da Prostata

A Tatiana e o Manuel vão estar te esperando num encontro informal para falar tudo sobre problemas na próstata.

A sua presença vai fazer o evento ser mais especial.

Se inscreva e receba uma notificação quando começar, para não perder nenhum minuto.

Inscreva-se
* Não perca a oportunidade de fazer perguntas e participar deste momento em homenagem ao Novembro Azul.

Estamos ao vivo agora! Vem falar com a gente!

A Tati e o Manuel falam sobre problemas na próstata, o preconceito dos homens a respeito do exame de toque retal, e até sobre impotência sexual, que pode ser um complicação da detecção tardia desse tipo câncer.

Participe agora
* Vamos responder todas as perguntas que chegarem, sem tabus. Estamos te esperando!
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem