Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Tratamento para reumatismo nos ossos

O tratamento para reumatismo nos ossos deve ser orientado pelo ortopedista ou reumatologista, e pode incluir a toma de remédios, uso de pomadas, infiltração de corticoide, e sessões de fisioterapia, que são indispensáveis para o sucesso do tratamento. Outras medidas que podem ajudar incluem a alimentação anti-inflamatória e cicatrizante, e como forma alternativa, a acupuntura e a homeopatia são boas opções para complementar o tratamento clínico.

O reumatismo nos ossos é um conjunto de doenças reumáticas, diagnosticadas pelo médico, que afetam os ossos, músculos e tendões. Alguns exemplos de doenças reumáticas são artrite, artrose, fibromialgia, gota e bursite, normalmente as pessoas afetadas tem mais de 50 anos, e geralmente essas doenças não tem cura, embora o tratamento possa trazer alívio de sintomas e melhora da movimentação.

O tratamento para o reumatismo nos ossos pode ser feito com:

Remédios 

Tratamento para reumatismo nos ossos

Nos períodos de crise reumática, quando os sintomas se tornam mais evidentes, o médico pode receitar a toma de remédios anti-inflamatórios e analgésicos, como Paracetamol Ibuprofeno, Naproxeno e injeções de corticoides ou ácido hialurônico aplicadas diretamente na articulação dolorida.

Os remédios não devem ser usados por mais de 7 dias e pessoas com o estômago sensível devem preferir tomar remédios durante as refeições, para evitar a gastrite. Os remédios contendo sulfato de glucosamina e sulfato de condroitina, também podem ser indicados para fortalecer as articulações e impedem a progressão da artrose. 

Em caso de depressão, crise de ansiedade e alterações do sono, que pode afetar pessoas com fibromialgia, por exemplo, o médico pode recomendar ansiolíticos ou antidepressivos, e remédios para dormir melhor, como zolpidem ou melatonina. 

Tratamento caseiro 

Um bom remédio caseiro é fazer uma alimentação saudável, beber bastante água, tomar o chá de manjerona diariamente e fazer um cataplasma de argila ou de batata-inglesa, sempre que a dor aparecer. Um excelente chá para combater a artrite e artrose pode ser feito com as sementes de sucupira. Veja aqui seus benefícios e como fazer

Fisioterapia  

A fisioterapia pode ser feita com aparelhos como tens, ultrassom, laser, além de bolsas de água morna ou fria, e exercícios que visam manter ou recuperar a mobilidade das juntas e articulações, sendo seu principal foco combater a dor e recuperar os movimentos. 

Fazer exercícios na água, como hidrocinesioterapia também é uma excelente forma de melhorar a dor no quadril ou nos joelhos, que diminui o peso sobre as articulações e facilita a movimentação e sustentação do peso. Este tipo de tratamento deve ser realizado de 3 a 4 vezes por semana até que o paciente consiga realizar suas atividade de vida diária sozinho com alguma facilidade. 

Confira alguns exercícios para artrose no joelho nesse vídeo:

O uso de aparelhos para facilitar a movimentação, como muletas, uso de joelheiras elásticas e calçado almofadado também são estratégias que contribuem para alívio da dor, e realização das tarefas diárias. 

Alimentação

Ter uma dieta equilibrada, estar dentro do peso ideal e preferir os alimentos que combatem naturalmente a inflamação, também é importante para acelerar a recuperação. Por isso deve-se apostar nos alimentos com mais ômega 3 como, sardinha, atum, salmão ou óleo de semente de perila, por exemplo. 

Fortalecer os ossos comendo mais cálcio e vitamina D também é indicado, e por isso deve-se apostar nos lácteos, seus derivados e brócolis, por exemplo. Confira mais alimentos nesse vídeo:

Cirurgia 

A cirurgia só é indicada nos casos mais graves, quando não há melhora dos sintomas e da movimentação mesmo após mais de 6 meses de fisioterapia intensiva. Ela pode ser feita para realizar uma raspagem nos ossos ou para substituir completamente uma parte óssea ou toda articulação. 

Acupuntura

A acupuntura também pode ser uma boa ajuda para complementar o tratamento do reumatismo nos ossos, porque promove uma reorganização da energia corporal, combate a inflamação e relaxa os músculos tensos. Com esta técnica é possível diminuir a ingestão de medicamentos, e diminuir a frequência da fisioterapia, mas a acupuntura não deve ser usada de forma exclusiva, porque é limitada. 

Homeopatia

O médico homeopata pode recomendar a toma de remédio homeopáticos, como Ledum 4DH ou Actea Racemosa, que produzem um estímulo energético que ajuda a equilibrar o organismo e a reduzir os processos inflamatórios, sem provocar efeitos secundários, como acontece com os remédios anti-inflamatórios tradicionais. 

O que causa reumatismo 

O reumatismo é uma doença causada por diversos fatores que envolvem idade, pré disposição genética, hábitos de vida e tipo de atividade exercida. Pessoas com mais de 40 anos são mais afetadas por doenças articulares, como artrite, artrose e bursite, mas as doenças reumáticas também afetam jovens, como pode acontecer em caso de fibromialgia ou febre reumática.

Dependendo da doença, o tratamento pode ser muito demorado e a melhora igualmente lenta, mas se o paciente não realizar estes tratamentos a doença poderá evoluir e tornar o seu dia a dia mais difícil.

Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:
Carregando
...
Fechar