Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Como tratar o Pé Diabético

O tratamento para pé diabético deve começar logo que a pessoa é diagnosticada com diabetes, para prevenir o surgimento de feridas e evitar complicações graves, como infecções generalizadas ou amputação, por exemplo.

Assim, as pessoas com diabetes, especialmente aquelas que têm maior dificuldade para controlar os níveis de açúcar no sangue, além de fazer o tratamento indicado pelo endocrinologista, também devem ter alguns cuidados diários para manter a saúde dos pés, como:

  • Observar diariamente os pés, incluindo a planta do pé, para identificar alterações na pele. Caso essa tarefa seja complicada, é aconselhado pedir ajuda para outra pessoa;
  • Manter os pés limpos e secos, dando especial atenção para a região entre os dedos depois do banho;
  • Evitar cortar as unhas muito curtas, para não existir risco de ferir a pele;
  • Usar sapatos pouco apertados e fechados, para não lesionar a pele;
  • Passar creme hidratante nos pés, para evitar o ressecamento da pele;
  • Evitar caminhar descalço ou com chinelo, pois pode permitir lesões provocadas por pequenas pedrinhas.

Além disso, sempre que existir uma alteração na pele do pé, como bolhas ou calos, por exemplo, é muito importante fazer o tratamento com um especialista, como um podologista ou um enfermeiro, para impedir que a lesão possa se agravar e provocar uma ferida. Confira todos os cuidados que deve ter com os pés, se for diabético.

Como tratar o Pé Diabético

O grande objetivo do tratamento do pé diabético é prevenir o surgimento de qualquer tipo de ferida, já que, se acontecer, será muito difícil de cicatrizar. O ideal é que cada diabético faça uma avaliação no posto de saúde ou no hospital, com um enfermeiro ou médico, para saber qual o seu risco de desenvolver feridas que não cicatrizam. Isso pode também ser conhecido como um exame para neuropatia diabética periférica.

Como tratar uma ferida no pé diabético

Se já existir uma ferida no pé, é muito importante fazer o tratamento adequado dessa lesão, já que a cicatrização é muito mais complicada e existe um risco aumentado de infecções no local, que podem acabar afetando todo o pé e levando à necessidade de amputação.

A melhor forma de curar a ferida é ir no hospital, para que seja avaliada e tratada por um profissional de saúde. Normalmente, é preciso fazer o curativo diariamente ou a cada 2 dias, devendo ser feito por um enfermeiro, que irá avaliar o local e adequar o tipo de curativo aos tecidos presentes na ferida.

Por vezes, além do curativo, o enfermeiro pode necessitar retirar pedaços de tecido morto com um bisturi para facilitar a cicatrização. Essa técnica é conhecida como desbridamento e, normalmente, não provoca dor, uma vez que os tecidos retirados já não têm sensibilidade.

A avaliação constante de um enfermeiro também permite que se identifiquem sinais de infecção precoces, podendo ser usadas pomadas antibióticas na ferida para evitar que se espalhe. Porém, caso a infecção já seja um pouco mais séria, o enfermeiro pode encaminhar para o médico para iniciar o uso de um antibiótico oral, por exemplo.

Cuidados durante o tratamento da ferida

Os cuidados durante o tratamento da ferida no pé diabético devem ser semelhantes aos que se tem quando não existe ferida, no entanto, o fator mais importante é tentar reduzir a pressão sobre a ferida, já que impede a correta circulação de sangue no local e atrasa a cicatrização.

Assim, além de evitar o uso de sapatos apertados, também se deve-se evitar meias que possam apertar o local ou até ficar muito tempo de pé, por exemplo.


Bibliografia

  • INTERNATIONAL DIABETES FEDERATION. IDF Clinical Practice Recommendations on the Diabetic Foot. 2017. Link: <www.idf.org>. Acesso em 03 Mai 2019
  • MEDSCAPE. Diabetic Ulcers Treatment & Management. Link: <emedicine.medscape.com>. Acesso em 03 Mai 2019
  • APMA. Diabetic Wound Care. Link: <www.apma.org>. Acesso em 03 Mai 2019
Gostou do que leu?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Enviar Carregando elementos na página
Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem