Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Tratamento para infecção urinária na gravidez

O tratamento para a infecção urinária na gravidez geralmente é feito com antibióticos como a Cefalexina ou Ampicilina, por exemplo, prescritos pelo obstetra, durante cerca de 7 a 14 dias, depois do médico fazer o diagnóstico através do exame de urina.

O uso dos antibióticos para tratar a infecção urinária na gestação só deve ser feito sob orientação médica, pois nem todos os antibióticos podem ser utilizados, pelo risco de poderem prejudicar o bebê.

Desta forma, os remédios mais indicados para o tratamento da infecção urinária na gravidez, além da Cefalexina ou Ampicilina, incluem:

  • Amoxicilina; Ceftriaxone;
  • Ceftazidime; Nitrofurantoína;
  • Macrodantina.

É importante realizar o tratamento para infecção urinária na gravidez, mesmo que ela não gere sintomas, pois quando não tratada, ela pode causar problemas renais, parto prematuro ou aborto espontâneo, por exemplo.

Tratamento para infecção urinária na gravidez

Tratamento caseiro para infecção urinária na gravidez

Para complementar o tratamento prescrito pelo médico, também pode-se tomar o suco de arando, pois tem ação antisséptica e adstringente. Para saber como fazer o suco consulte: Remédio natural para infecção urinária.

Veja como a alimentação pode ajudar a curar mais rápido.

Durante o tratamento para infecção urinária na gravidez, é também importante ter alguns cuidados como:

  • Beber 1,5 a 2 litros de água, água de coco, sucos naturais ou chás por dia. Veja quais os chás que a grávida não pode tomar;
  • Lavar as mãos antes e depois de usar o banheiro;
  • Urinar depois de ter relações sexuais;
  • Limpar a região íntima de frente para trás.

Estes cuidados ajudam a diminuir o tempo da infecção urinária e a evitar o aparecimento de novas infecções urinárias.

Sinais de melhora

Os sinais de melhora da infecção urinária na gravidez incluem a diminuição da dor ou ardor a urinar, assim como, da urgência em urinar.

Sinais de piora

Os sinais de piora da infecção urinária na gravidez surgem quando o tratamento não é feito e incluem aumento da dor e ardor a urinar, aumento da frequência e urgência em urinar, urina turva e aparecimento de sangue na urina.

Se estes sinais surgirem o médico deve ser consultado para adequar o tratamento, prevenindo complicações.

Veja também:

Mais sobre este assunto:
Carregando
...