Teste de alergia: o que é, como é feito e quando é indicado

Revisão médica: Drª. Aleksana Viana
Dermatologista
julho 2022
  1. Quando é indicado
  2. Preparo
  3. Como é feito

O teste de alergia é um tipo de exame indicado para identificar se a pessoa tem algum tipo de alergia de pele, respiratória, alimentar ou medicamentosa, por exemplo, e, assim, indicar o tratamento mais adequado de acordo com a frequência e intensidade dos sintomas.

O teste de alergia é normalmente recomendado pelo dermatologista ou alergologista quando a pessoa apresenta coceira, inchaço ou vermelhidão na pele, podendo ser feito através da aplicação da substância potencialmente alergênica no antebraço ou nas costas, ou por meio da ingestão de um determinado alimento, caso esteja sendo investigada a alergia alimentar.

Esse exame é feito no próprio consultório médico e é indicado evitar o uso de cremes antes do exame e o uso de medicamentos anti-histamínicos, já que pode interferir no resultado do exame.

Quando é indicado

O teste de alergia é indicado pelo médico principalmente quando a pessoa apresenta sinais e sintomas de alergia, como:

  • Coceira;
  • Inchaço;
  • Vermelhidão na pele;
  • Inchaço na boca ou nos olhos;
  • Espirros frequentes;
  • Coriza;
  • Alterações gastrointestinais, como diarreia.

Assim, de acordo com os sintomas apresentados pela pessoa, o médico pode indicar o exame mais adequado para investigar a causa dos sintomas, que pode ser uso de alguns medicamentos, reação a algum produto ou tecido, ácaro ou poeira, látex, picada de mosquito ou pelo de animais, por exemplo. Além disso, outra causa comum de alergia e que deve ser investigada pelos testes de alergia, são os alimentos, principalmente leite e derivados, ovo e amendoim. Saiba mais sobre a alergia alimentar.

Como se preparar para o teste

Para fazer o teste de alergia é indicado que a pessoa suspenda o uso de alguns medicamentos que possam interferir no resultado, principalmente anti-histamínicos, isso porque o uso desse medicamento pode impedir a reação do organismo à substância que está sendo testada, não sendo possível identificar a alergia.

É recomendado também evitar a aplicação de cremes, principalmente quando o teste de alergia cutâneo é indicado, pois pode também resultar em interferência no resultado.

Além destas orientações, o paciente deve cumprir todas as indicações especificas que o médico indicou, para que o teste de alergias informe corretamente a causa da alergia.

Como é feito

O teste de alergia pode variar de acordo com os sinais e sintomas apresentados pela pessoa e tipo de alergia que se deseja investigar, podendo se recomendado pelo médico:

1. Teste de alergia no antebraço

O teste de alergia no antebraço, também chamado de teste de Prick, é feito através da aplicação no antebraço de algumas gotas de substâncias conhecidas por causar alergias. Em alguns casos, além de aplicação da substância na pele, pode ser também feitas algumas picadas com uma agulha.

Após aplicação, deve-se aguardar 20 minutos para verificar se houve reação. A reação é dita positiva quando é verificada a presença de uma bola vermelha no local, que pode causar inchaço e coceira intensa no local. Entenda como é feito o teste de alergia no antebraço.

2. Teste de alergia nas costas

O teste de alergia nas costas, também conhecida por teste de alergia de contato, consiste em colar uma fita adesiva nas costas do paciente com uma pequena quantidade da substância que se julga causar alergia. Em seguida, deve-se esperar até 48 horas e observar se surge alguma reação na pele.

3. Teste de provocação oral

O teste de provocação oral é feito com o objetivo de identificar alergia alimentar e consiste na ingestão de uma pequena quantidade do alimento possivelmente causador da alergia e em seguida é observado o desenvolvimento de alguma reação.

4. Exame de sangue

Em alguns casos, o médico pode também indicar a realização de exame de sangue para identificar a presença de substâncias no sangue que possam ser indicativas de alergia.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Equipe Editorial do Tua Saúde, em julho de 2022. Revisão médica por Drª. Aleksana Viana - Dermatologista, em julho de 2016.

Bibliografia

  • DAHER, Silvia; GALVÃO, Clovis; ABE, Augusto; COCCO, Renata. Diagnóstico em Doenças Alérgicas Mediadas por IgE. Rev. bras. alerg. imunopatol. Vol 32. 1 ed;
  • Sociedade Brasileira de Alergia e Imunopatologia. Testes cutâneos de alérgicos. 2018. Disponível em: <http://www.ans.gov.br/images/stories/Particitacao_da_sociedade/2017_gt_cosaude/gt_cosaude_reuniao_4_apresentacoes.pdf>.
Revisão médica:
Drª. Aleksana Viana
Dermatologista
Especialista em Dermatologia pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais, em 2007 com registro profissional no CRM/PE – 16907.