Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Sonrisal: Para que serve e Como tomar

O Sonrisal é um medicamento antiácido e analgésico, produzido pelo laboratório GlaxoSmithKline e pode ser encontrado com sabores natural ou limão. Esse medicamento contém bicarbonato de sódio, ácido acetilsalicílico, carbonato de sódio e ácido cítrico, que neutralizam a acidez estomacal e aliviam a dor.

Cada embalagem de Sonrisal pode conter de 5 à 30 envelopes de 2 comprimidos efervescentes. O Sonrisal não é exatamente o mesmo que o Sal de Fruta Eno, porque este último não contém ácido acetilsalicílico em sua composição. Confira a bula do Sal de Fruta Eno aqui. 

Sonrisal: Para que serve e Como tomar

Para que serve

O Sonrisal está indicado para o tratamento da azia, má digestão, acidez no estômago e esofagite de refluxo, que podem também causar dor de cabeça. Esse medicamento atua sobre os ácidos do estômago neutralizando-os, o que alivia o desconforto causado pela acidez excessiva, e o ácido acetilsalicílico atua como analgésico, aliviando também a dor de cabeça. 

Como tomar

O modo de uso do Sonrisal consiste na toma de 1 a 2 comprimidos efervescentes dissolvidos num copo de 200 mL de água.

Deve-se esperar que o comprimido se dissolva completamente antes de tomar e não exceder a dose máxima diária recomendada, que é de 2 comprimidos.

Possíveis efeitos colaterais

Este medicamento pode causar algumas reações indesejáveis, tais como má digestão, arroto, gases, distensão abdominal, náuseas e vômitos.

Deve-se interromper o uso deste medicamento e consultar o médico imediatamente caso ocorram reações alérgicas como coceira e vermelhidão na pele, chiado no peito, tosse e dificuldade para respirar, sangramento de origem estomacal, que inclui sintomas como sangue nas fezes ou no vômitos, aumento de sangramentos nasais ou hematomas, zumbido ou perda temporária da audição ou qualquer inchaço ou retenção de líquido.

Quem não deve usar

Este medicamento não deve ser usado em pessoas com história de alergia ao ácido acetilsalicílico e salicilatos, a quaisquer outros anti-inflamatórios não-esteroidais ou componentes da fórmula.

Também não deve ser usado em menores de 16 anos, grávidas ou lactantes sem recomendação médica.

Além disso, também não deve ser usado em pessoas com problemas no fígado, coração ou rins, que estejam em uma dieta restrita em sódio, com suspeita de dengue, historia de asma ou dificuldade de respirar após o uso de ácido acetilsalicílico, histórico de úlcera estomacal, perfuração ou sangramento no estômago, histórico de gota ou de um problema de coagulação sanguínea ou com hemofilia.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...