Presbiopia: o que é, sintomas, causas e tratamento

A presbiopia, popularmente conhecida como vista cansada, carateriza-se por uma alteração da visão que está associada ao envelhecimento do olho, resultando na dificuldade progressiva para focar nitidamente os objetos que estão perto. Os sintomas de presbiopia costumam surgir a partir dos 40 anos, podendo atingir a sua intensidade máxima por volta dos 65 anos, manifestando-se sintomas como cansaço ocular, dificuldade para ler letras pequenas ou visão desfocada, por exemplo.

O tratamento para presbiopia deve ser orientado pelo oftalmologista e pode envolver o uso de óculos, lentes de contacto, realização de uma cirurgia a laser ou administração de medicamentos que ajudam a aliviar os sintomas e evitar a progressão da alteração.

Presbiopia: o que é, sintomas, causas e tratamento

Sintomas de presbiopia

Os sintomas de presbiopia surgem, normalmente, a partir dos 40 anos de idade devido à dificuldade do olho em focar objetos mais próximos aos olhos e incluem:

  • Visão desfocada de perto ou à distância normal de leitura;
  • Dificuldade em ler letras pequenas de perto;
  • Tendência para segurar no material de leitura mais longe para conseguir ler;
  • Dores de cabeça;
  • Cansaço nos olhos;
  • Ardor nos olhos ao tentar ler;
  • Sensação de pálpebras pesadas.

Na presença destes sintomas, deve-se consultar um oftalmologista que irá fazer o diagnóstico e orientar o tratamento que pode ser feito com a utilização de óculos ou lentes de contato que ajudam o olho a focar a imagem de perto.

Possíveis causas

A presbiopia acontece principalmente como consequência do envelhecimento, em que há maior enrijecimento do cristalino, que é uma estrutura do olho responsável pelo foco. Assim, quanto menos flexível fica o cristalino, maior é a dificuldade para mudar de forma e focar as imagens corretamente.

Como é feito o tratamento

O tratamento da presbiopia consiste na correção ocular com óculos com lentes que podem ser simples, bifocais, trifocais ou progressivas ou com lentes de contacto, que varia geralmente entre +1 e +3 dioptrias, para melhorar a visão de perto.

Além de óculos e lentes de contacto, a presbiopia pode ser corrigida através de cirurgia por laser com a colocação de lentes intra-oculares monofocais, multifocais ou acomodativas. Além disso, o médico pode indicar o uso de medicamentos, sendo normalmente recomendada a combinação de pilocarpina e diclofenaco.

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • SOARES, Joana M. C. Presbiopia - Abordagem terapêutica. Tese de Mestrado, 2015. Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra.
Mais sobre este assunto: