Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Sintomas da infecção pulmonar

Os principais sintomas da infecção pulmonar são tosse seca ou com catarro, dificuldade para respirar, respiração rápida e superficial e febre alta e que dura mais que 48 horas, só baixando após o uso de remédios.

A infecção pulmonar ou infecção respiratória acontece quando microrganismos entram no organismo através das vias respiratórias e permanecem no pulmão, dando origem aos sintomas de infecção, como tosse, dor de garganta, dor de cabeça e dificuldade para respirar. Saiba mais sobre a infecção pulmonar.

O diagnóstico é feito pelo clínico geral ou pneumologista com bases nos sintomas e no resultado de exames laboratorias, por exemplo, que indicam o microrganismo causador da infecção para que assim possa ser feito o tratamento.

Sintomas da infecção pulmonar

Principais sintomas

Os sintomas iniciais de infecção pulmonar podem ser confundidos com os sintomas de gripe, resfriado comum e até mesmo otite, já que pode haver dor de garganta e no ouvido. No entanto, caso os sintomas sejam acompanhados por febre persistente, pode ser indicativo de infecção pulmonar, cujos principais sintomas são:

  • Tosse seca ou com secreção;
  • Febre alta e persistente;
  • Perda de apetite
  • Dor de cabeça;
  • Dor no peito;
  • Dor nas costas;
  • Dificuldade para respirar;
  • Respiração rápida e superficial;
  • Coriza.

Na presença desses sintomas, é importante consultar um clínico geral ou um pneumologista para que se possa fazer o diagnóstico e, assim, ter início o tratamento. O diagnóstico é feito através da avaliação dos sintomas, ausculta pulmonar, radiografia de tórax, hemograma e análise do escarro ou da mucosa nasal para identificar qual o microrganismo causador da infecção.

Como tratar

O tratamento para infecção pulmonar é feito de acordo com a orientação médica e normalmente é indicado que a pessoa fique em repouse, se hidrate adequadamente e faça uso de antibióticos ou antifúngicos por 7 a 14 dias de acordo com o microrganismo identificado. Além disso, pode ser indicado o uso de remédios para diminuir a dor e a febre, como o Paracetamol, por exemplo. Saiba mais sobre o tratamento para infecção pulmonar.

A fisioterapia respiratória é indicada principalmente no caso dos idosos, já que tendem a ficar mais acamados, e também no caso de pessoas que adquiriram infecção respiratória durante o internamento no hospital, sendo a fisioterapia útil para ajudar a eliminar as secreções. Entenda o que é e como é feita a fisioterapia respiratória.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...