Compulsão alimentar: o que é, sintomas e tratamento

Revisão clínica: Tatiana Zanin
Nutricionista
setembro 2022

A compulsão alimentar é um transtorno alimentar caracterizada pela vontade que a pessoa sente em comer em grandes quantidades, muito rápido, mesmo que não esteja com fome, podendo resultar no ganho de peso e desenvolvimento de outros distúrbios psicológicos, como depressão ou bulimia.

Esse transtorno pode ser desencadeado por crises de ansiedade, problemas hormonais, dietas muito restritivas ou uma grande perda, por exemplo.

A compulsão alimentar tem cura, especialmente quando identificada e tratada logo no início. O tratamento para a compulsão alimentar envolve a realização de sessões de terapia e acompanhamento nutricional, além de poder ser também indicado pelo médico o uso de remédios, em alguns casos.

Sintomas da compulsão alimentar

Os principais sintomas de compulsão alimentar são:

  • Consumir grande quantidade de comida, mesmo que não se tenha fome;
  • Sentimento de culpa após comer;
  • Ter dificuldade em parar de comer;
  • Comer alimentos estranhos como arroz cru, um pote de manteiga, feijão gelado com queijo e etc.;
  • Comer muito rápido;
  • Comer escondido;
  • Prazer imensurável ao comer;
  • Pouca preocupação com o excesso de peso;
  • Sobrepeso ou obesidade, já que são consumidas mais calorias do que o corpo consegue gastar;
  • Descontentamento com a imagem.

É possível que a pessoa com compulsão alimentar tenha também outras alterações psicológicas, como ansiedade, depressão ou bulimia, por exemplo.

Além disso, devido à alimentação descontrolada e pouco saudável, é comum também que existam outros problemas de saúde como problemas respiratórios, deficiências nutricionais, alterações cardiovasculares e diabetes, por exemplo.

Como é o tratamento

O tratamento para a compulsão alimentar deve ser iniciado o quanto antes e é importante que a pessoa saiba que é preciso algum tempo para que ele comece a fazer efeito. É recomendado que o tratamento para compulsão alimentar seja iniciado por meio de consulta com um psicólogo, pois assim é possível identificar o que levou à compulsão alimentar e, dessa forma, trabalhar esse aspecto durante as sessões de terapia.

É através das sessões de terapia que os sintomas de compulsão alimentar podem começar a ser diminuídos, sendo importante o tratamento complementar com remédios, que deve ser feito sob recomendação médica, e orientação nutricional.

Além disso, é importante que a pessoa seja acompanhado por um nutricionista para que se tenha orientação sobre o que deve ser consumido, quantidades e momentos do dia. A prática de atividades físicas também é importante no tratamento da compulsão alimentar, pois dessa forma é possível aliviar a ansiedade, melhorar o humor e desviar a atenção da comida.

Remédios para compulsão alimentar

Os remédios para compulsão alimentar devem ser orientados pelo médico, podendo ser recomendado o uso de controladores de apetite, antidepressivos e/ ou controladores do sistema nervoso, como a sibutramina, fluoxetina e topiramato, por exemplo. Conheça mais sobre os remédios para compulsão alimentar.

A dose e o tipo de remédio pode variar de pessoa para pessoa de acordo com o peso da pessoa, características da compulsão alimentar e idade da pessoa. Além disso, o uso de remédios deve complementado pelas sessões de terapia, acompanhamento nutricional e prática de atividade física.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Marcela Lemos - Biomédica, em setembro de 2022. Revisão clínica por Tatiana Zanin - Nutricionista, em setembro de 2022.

Bibliografia

  • NUNES, RENATO M. Transtorno da compulsão alimentar periódica (TCAP) e a abordagem da terapia cognitiva comportamental (TCC). 2013. Disponível em: <https://www.ufjf.br/renato_nunes/files/2013/01/Artigo-final-Transtornos-Alimentares-0803.pdf>. Acesso em 16 ago 2021
  • GUIMARÃES, Lucas; NAZARETH, Ana Clara P.; MOREIRA, Anna Karyne S. M. V . Transtorno de Compulsão Alimentar: Revisão Sistemática da Literatura. Revista Psicologia e Saúde. Vol 11. 1 ed; 3-17, 0219
Revisão clínica:
Tatiana Zanin
Nutricionista
Formada pela Universidade Católica de Santos em 2001, com registro profissional no CRN-3 nº 15097.

Tuasaude no Youtube

  • 5 passos para controlar a vontade comer doces

    11:22 | 17742 visualizações
  • O que comer antes de dormir para não engordar

    04:15 | 101915 visualizações
  • PARA VENCER A ANOREXIA

    03:18 | 22631 visualizações