Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

O que é síndrome metabólica, sintomas, diagnóstico e tratamento

A síndrome metabólica corresponde a um conjunto de doenças que juntas podem aumentar o risco da pessoa desenvolver alterações cardiovasculares. Dentre os fatores que podem estar presentes na síndrome metabólica são acúmulo de gordura na região abdominal, alterações nos níveis de colesterol e triglicerídeos, aumento da pressão arterial e dos níveis circulantes de glicose.

É importante que os fatores relacionados à síndrome metabólica sejam identificados e tratados de acordo com a orientação do endocrinologista, cardiologista ou clínico geral, para que possam ser evitadas complicações. O tratamento consiste, na maioria dos casos, no uso de remédios que ajudem a regular os níveis de glicose, colesterol e pressão, além de ser indicada a prática de atividades físicas de forma regular e alimentação saudável e equilibrada.

O que é síndrome metabólica, sintomas, diagnóstico e tratamento

Principais sintomas

Os sinais e sintomas da síndrome metabólica estão relacionadas com as doenças que a pessoa possui, podendo ser verificado:

  • Acantose nigricans: são manchas escuras ao redor do pescoço e nas dobras da pele;
  • Obesidade: acumulo de gordura abdominal, cansaço, dificuldade para respirar e dormir, dor nos joelhos e tornozelos devido ao excesso de peso;
  • Diabetes: boca seca, tontura, cansaço, urina em excesso;
  • Pressão alta: dor de cabeça, tontura, zumbido nos ouvidos;
  • Colesterol e triglicerídeos altos: aparecimento de bolinhas de gordura na pele, chamadas de xantelasma e inchaço abdominal.

Após a avaliação dos sinais e sintomas apresentados pela pessoa, o médico pode indicar a realização de uma série de exames para identificar se a pessoa possui algum dos fatores relacionados com a síndrome metabólica e, assim, ser indicado o tratamento mais adequado.

Como é feito o diagnóstico

Para que seja feito o diagnóstico da síndrome metabólica é preciso que sejam feitos alguns exames que permitam identificar os fatores que possam estar relacionados com esse conjunto de doenças e risco aumentado de doenças cardiovasculares. Assim, para confirmar o diagnóstico, é preciso que a pessoa possua pelo menos 3 dos seguintes fatores:

  • Glicemia em jejum entre 100 e 125 e após refeições entre 140 e 200;
  • Circunferência abdominal entre 94 e 102 cm, nos homens e nas mulheres, entre 80 e 88 cm;
  • Triglicerídeos altos, acima de 150 mg/dl ou superior;
  • Pressão alta, acima de 135/85 mmHg;
  • Colesterol LDL alto;
  • Colesterol HDL baixo.

Além desses fatores, o médico leva também em consideração o histórico familiar e estilo de vida, como frequência de prática de atividade física e alimentação, por exemplo. Em alguns casos, pode ser também indicada a realização de outros exames como dosagem de creatinina, ácido úrico, microalbuminúria, proteína C reativa (PCR) e teste de tolerância à glicose, também conhecido como TOTG. 

O que é síndrome metabólica, sintomas, diagnóstico e tratamento

Tratamento para a síndrome metabólica

O tratamento para a síndrome metabólica deve ser indicado pelo clínico geral, endocrinologista ou cardiologista de acordo com os sinais e sintomas apresentados pela pessoa e com as doenças que possui. Dessa forma, o médico pode indicar o uso de remédios adequados para cada caso, além de recomendar alterações no estilo e hábitos de vida.

Tratamento natural

O tratamento para síndrome metabólica deve, inicialmente, incluir mudanças dos hábitos de vida, com atenção especial à mudanças nutricionais e prática de atividades físicas. As principais orientações incluem:

  • Perder peso até que o IMC fique abaixo de 25 Kg/m2, e também para reduzir a gordura abdominal, pois o risco de doenças do coração é superior neste tipo de pacientes;
  • Fazer uma alimentação equilibrada e saudável, evitando utilizar sal nas refeições e não comer alimentos muito açucarados ou gordurosos, como frituras, refrigerantes e comidas pré-preparadas, por exemplo. Veja como deve ser uma alimentação adequada em: Dieta para síndrome metabólica;
  • Fazer 30 minutos de atividade física por dia, como caminhar, correr ou andar de bicicleta. Em alguns casos, o médico pode recomendar um plano de exercícios ou encaminhar o paciente para um fisioterapeuta.

No caso dessas atitudes não serem suficientes para controlar a síndrome metabólica, o médico pode indicar o uso de remédios.

Tratamento com remédios

Os remédios para a síndrome metabólica geralmente são prescritos pelo médico quando o paciente não consegue perder peso, baixar os níveis de açúcar e colesterol no sangue e reduzir a pressão arterial apenas com as mudanças na alimentação e exercício físico. Nestes casos, o médico pode orientar o uso medicamentos para:

  • Baixar a pressão arterial, como losartana, candesartana, enalapril ou lisinopril;
  • Diminuir a resistência à insulina e reduzir o açúcar no sangue, como metformina ou glitazonas;
  • Reduzir o colesterol e os triglicerídeos, como a rosuvastatina, atorvastatina, sinvastatina, ezetimiba ou fenofibrato;
  • Perder peso, como a fentermina e a sibutramina, que inibem o apetite ou o orlistat, que inibe a absorção de gordura.

É importante que o tratamento seja feito de acordo com a orientação do médico para que sejam evitadas complicações.

Confira mais dicas no vídeo a seguir que ajudam no tratamento da síndrome metabólica:

Bibliografia >

  • COSTA, Mônica B.; PAULA, Rogério B. Aspectos fisiopatológicos da Síndrome Metabólica. Rev Med Minas Gerais. Vol 15. 4 ed; 234-241, 2006
  • MINISTÉRIO DA SAÚDE. Síndrome metabólica. Disponível em: <http://bvsms.saude.gov.br/dicas-em-saude/2610-sindrome-metabolica>. Acesso em 30 Jul 2020
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem