Somos REDE D'OR
icon de informação icon de telefone 3003-3230
Número disponível apenas em território brasileiro, com custo de chamada local.

Remédios para ansiedade: naturais e de farmácia

Revisão médica: Dr. Gonzalo Ramirez
Psicólogo e Clínico Geral
janeiro 2023
  1. Remédios de farmácia
  2. Remédios naturais

Os remédios para ansiedade, como os benzodiazepínicos ou os antidepressivos, podem ser indicados pelo psiquiatra para ajudar a aliviar os sintomas de alterações no sono, dificuldade para dormir, relaxar ou concentrar, cansaço fácil ou preocupação constante, pois agem diretamente no cérebro, regulando substâncias químicas, responsáveis por causar ansiedade, transtorno de ansiedade generalizada ou crises de pânico, por exemplo.

No entanto, esses remédios geralmente, são prescritos pelo médico quando outras opções de tratamento, como psicoterapia, não foram eficazes para ajudar a controlar a ansiedade ou quando ocorre de forma excessiva acaba criando um estado de alerta e medo constantes que afetam a tranquilidade e causam sensações corporais desagradáveis, como batimentos cardíacos acelerados, falta de ar, transpiração excessiva, dores no corpo e desconforto abdominal. Saiba identificar a ansiedade e suas consequências para o organismo.

Além disso, existem opções de remédios naturais para ansiedade que podem ser usados nos casos mais leves, como fitoterápicos à base de passiflora, valeriana, camomila ou hipericão, desde que orientado pelo médico ou fitoterapeuta, além de de uma alimentação rica em ômega-3 ou magnésio, e a prática de atividades físicas, por exemplo.

Imagem ilustrativa número 1

Remédios de farmácia

Na presença de sinais e sintomas que indiquem ansiedade, é importante procurar acompanhamento de um psicólogo ou psiquiatra, para que sejam identificadas as suas causas e indicados as melhores formas de tratamento, que normalmente começam pela realização de psicoterapia e só depois incluem o uso medicamentos. No entanto, em casos mais graves, o psiquiatra pode indicar o uso de remédios antes da psicoterapia.

Existe uma variedade de medicamentos que podem ser usados para tratar a ansiedade, vendidos mediante apresentação de receita médica, o que vai depender do tipo de transtorno de ansiedade que a pessoa tem ou da presença ou não de outros transtornos mentais ou físicos.

Alguns exemplos de remédios de farmácia para ansiedade são:

1. Antidepressivos

Os antidepressivos são os remédios mais indicados para o tratamento a longo prazo da ansiedade, pois agem regulando os níveis de neurotransmissores no cérebro, como serotonina, noradrenalina e dopamina, aliviando os sintomas da ansiedade.

Esses remédios, geralmente demoram cerca de 15 dias pare ater seu efeito máximo no tratamento da ansiedade, e por isso, é importante levar em consideração que o início da ação ansiolítica é gradual.

Alguns exemplos de antidepressivos que podem ser indicados pelo psiquiatra para o tratamento da ansiedade são a imipramina, sertralina, paroxetina ou venlafaxina, por exemplo.

2. Benzodiazepínicos

Os benzodiazepínicos são remédios ansiolíticos indicados para o tratamento da ansiedade por um curto período de tempo, pois agem diminuindo as funções do cérebro, causando um efeito tranquilizante e até sonolência, ajudando a pessoa a relaxar e reduzir a tensão.

Normalmente, os ansiolíticos são indicados no início do tratamento da ansiedade, junto com os antidepressivos, mas não são recomendados para um uso prolongado, devido a sua capacidade de causar dependência e por reduzirem o estado de alerta e afetarem a coordenação.

Exemplos de benzodiazepinas usadas no tratamento da ansiedade são o lorazepam, alprazolam, bromazepam, diazepam ou clonazepam, por exemplo.

3. Não-benzodiazepínicos

Os remédios não-benzodiazepínicos, como a buspirona, são remédios ansiolíticos da classe azapironas, que não acarreta riscos de abuso, dependência ou abstinência, nem interage com outros remédios hipnóticos ou álcool. Além disso, esta substância também não apresenta sedação ou alterações a nível psicomotor.

Geralmente, este remédio é indicado para pessoas que apresentam histórico de abuso de medicamentos ou outras substâncias tóxicas.

4. Beta-bloqueadores

Embora tenham menor eficácia em relação aos medicamentos descritos anteriormente, os beta-bloqueadores podem ser úteis em pessoas com sintomas somáticos intensos. Estes medicamento têm ação periférica, reduzindo a influência da percepção dos sintomas somáticos periféricos, como tremores e batimentos cardíacos acelerados, nos sintomas cognitivos da ansiedade.

Uma vantagem dos β-bloqueadores em relação aos benzodiazepínicos é a menor incidência de prejuízos cognitivos. Exemplos de beta-bloqueadores usados na ansiedade são o propranolol, oxprenolol e nadolol.

5. Anti-histamínicos

Embora sejam principalmente utilizados no tratamento de alergias, alguns anti-histamínicos têm demonstrado efeito no tratamento de casos de ansiedade. Entre eles, o mais usado é a hidroxizina, um antagonista H1. Porém, são necessários mais estudos sobre o efeito destes medicamentos sobre a ansiedade e, por esse motivo, os anti-histamínicos normalmente não são indicados no início do tratamento.

Opções de remédios naturais para ansiedade

Algumas das principais formas naturais para controlar a ansiedade, nos casos mais leves, incluem:

  • Aumentar o consumo de alimentos ricos em nutrientes como magnésio, ômega-3, fibras e triptofano, como a banana e o chocolate, por exemplo. Veja mais alimentos;
  • Praticar exercícios físicos de baixa intensidade como caminhada, pilates ou yoga. Veja outras formas de acalmar a mente com exercícios;
  • Utilizar remédios caseiros, como suco de maracujá, vitamina de banana, chá de passiflora, chá de brócolis, chá de erva cidreira ou melissa, chá de ervas de são joão ou hipericão, por exemplo, pois são ricos em princípios ativos calmantes e ansiolíticos. Saiba como preprarar os chás para ansiedade.

Além disso, também é recomendado investir em métodos de relaxamento, como meditação ou técnicas de respiração, por exemplo, que ajudam muito no controle dos sintomas. Confira, também, outras dicas para ajudar a controlar a ansiedade.

Assista o vídeo seguinte e veja alguns exemplos de calmantes naturais para reduzir a ansiedade:

Esta informação foi útil?

Atualizado por Flávia Costa - Farmacêutica, em janeiro de 2023. Revisão médica por Dr. Gonzalo Ramirez - Psicólogo e Clínico Geral, em janeiro de 2023.

Bibliografia

  • WEHRY, A. M.; et al. Assessment and treatment of anxiety disorders in children and adolescents.. Curr Psychiatry Rep. 17. 7; 52, 2015
  • ROY-BYRNE, P. Treatment-refractory anxiety; definition, risk factors, and treatment challenges. Dialogues Clin Neurosci. 17. 2; 191-206, 2015
Mostrar bibliografia completa
  • MURROUGH, J. W.; et al. Emerging drugs for the treatment of anxiety.. Expert Opin Emerg Drugs. 20. 3; 393-406, 2015
Revisão médica:
Dr. Gonzalo Ramirez
Psicólogo e Clínico Geral
Clínico geral pela UPAEP com cédula profissional nº 12420918 e licenciado em Psicologia Clínica pela UDLAP nº 10101998.

Tuasaude no Youtube

  • Os poderosos benefícios do CHÁ DE ALECRIM

    17:41 | 2287620 visualizações
  • INSÔNIA: 10 truques para dormir rápido e melhor

    06:54 | 110551 visualizações
  • Calmantes naturais: Melhores plantas para Ansiedade

    08:07 | 202939 visualizações
  • Alimentos para combater o estresse e a ansiedade

    02:05 | 493665 visualizações
  • O que comer para a INSÔNIA

    05:26 | 238618 visualizações