Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Remédios para Parar de Beber

Os medicamentos para deixar de beber, como o dissulfiram, acamprosato e naltrexona, devem ser controlados e usados de acordo com a indicação médica, pois atuam de formas diferentes ,e o seu uso indevido pode levar a morte.

No tratamento do alcoolismo é importante que o alcoólatra queira efetivamente curar-se e decida fazer o tratamento, pois a utilização irregular dos remédios, juntamente com a ingestão de bebidas alcoólicas, pode agravar ainda mais a situação. Todos os remédios devem ser tomados de acordo com a indicação do médico psiquiatra, que é o melhor especialista para acompanhar os alcoólatras no processo de cura da doença.

Saiba como identificar um alcoolatra.

Remédios para Parar de Beber

1. Dissulfiram

O dissulfiram é um inibidor das enzimas que decompõem o álcool e que transformam o acetaldeído, um produto intermédio do seu metabolismo, em acetato, que é uma molécula que o organismo consegue eliminar. Este processo leva ao acúmulo de acetaldeído no organismo, responsável pelos sintomas da ressaca, fazendo com que a pessoa tenha sintomas como vômitos, dor de cabeça, pressão baixa ou dificuldade para respirar, sempre que ingere bebidas alcoólicas, fazendo com que deixe de beber.

Como usar: Geralmente, a dose recomendada é de 500 mg ao dia, que entretanto pode ser reduzida pelo médico.

Quem não deve usar: Pessoas com hipersensibilidade aos componentes, cirrose hepática com hipertensão portal e mulheres grávidas.

2. Naltrexona

A naltrexona age inibindo os receptores opioides, fazendo com que a sensação de prazer provocada pelo consumo de álcool, seja reduzida. Como consequência, a vontade de consumir bebidas alcoólicas diminui, prevenindo recaídas e aumentando o tempo de abstinência. 

Como usar: Geralmente, a dose recomendada é de 50 mg ao dia, ou conforme indicação do médico.

Quem não deve usar: Pessoas com hipersensibilidade aos componentes, pessoas com doenças hepáticas e mulheres grávidas.

3. Acamprosato

O acamprosato bloqueia o neurotransmissor glutamato, produzido em maior quantidade devido ao uso crônico do álcool, reduzindo os sintomas de abstinência, permitindo à pessoa deixar de beber com mais facilidade.

Como usar: Geralmente, a dose recomendada é de 333 mg, 3 vezes aod dia, ou conforme indicação do médico.

Quem não deve usar: Pessoas com hipersensibilidade aos componentes, grávidas, lactantes e pessoas com problemas graves no rim.

Além disso, vários estudos têm demonstrado que os medicamentos ondansetron e topiramato também são promissores para o tratamento do alcoolismo.

Remédios para Parar de Beber

Remédio natural para parar de beber

Um remédio natural para parar de beber é o Anti-Álcool, um remédio homeopático à base da planta amazônica Spiritus Glandium Quercus, que diminui o desejo de beber, pois provoca efeitos colaterais severos como dores de cabeça, náuseas ou vômitos no indivíduo, quando ingerido juntamente com álcool.

A dose recomendada é de 20 a 30 gotas, que podem ser colocadas na comida, sucos ou até mesmo na bebida alcoólica. Mas um cuidado importante é que ele não deve ser tomado juntamente com café, pois a cafeína anula o seu efeito.

Remédio caseiro para parar de beber

Um remédio caseiro que pode auxiliar o tratamento, é a sopa de sementes pretas de gergelim, amoras e arroz, que fornece nutrientes, principalmente vitaminas do complexo B, que ajudam a reduzir os sintomas de abstinência de álcool.

Ingredientes

  • 3 xícaras de água fervente;
  • 30 gr. de arroz;
  • 30 gr. de amoras;
  • 30 gr. de sementes pretas de gergelim;
  • 1 colher de chá de açúcar.

Modo de preparo

Moer as sementes pretas de gergelim e o arroz até ficar um pó fino, misturar as amoras e adicionar a água. Colocar no fogo e cozinhar por 15 minutos, desligar e acrescentar o açúcar. Esta sopa pode ser tomada duas vezes ao dia, quente ou fria.

Juntamente com este remédio caseiro, podem-se tomar chás que controlam a ansiedade e ajudam a desintoxicar o organismo, como chá verde, chá de camomila, valeriana ou erva-cidreira. A prática regular de exercícios físicos também é uma importante ajuda para diminuir os efeitos do acúmulo de álcool no organismo. Saiba quais os principais efeitos do álcool no organismo.


Bibliografia

  • CENTRO DE INFORMAÇÃO SOBRE SAÚDE E ÁLCOOL. Dependência do álcool: aspectos clínicos e diagnósticos. Link: <www.cisa.org.br>. Acesso em 29 Ago 2019
  • REIS, Gecivaldo Alves et al.. ALCOOLISMO E SEU TRATAMENTO. Revista Científica do ITPAC, Araguaína. 7. 2; 2014
  • SANOFI. ANTIETANOL® (dissulfiram) . 2014. Link: <storagemv.blob.core.windows.net>. Acesso em 29 Ago 2019
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem