Remédios laxantes para bebês

Revisão médica: Dr.ª Sani Santos Ribeiro
Pediatra e Pneumologista infantil
fevereiro 2022

Alguns remédios laxantes, como a lactulose, o supositório de glicerina e o sorbitol, podem ser indicados pelo pediatra para o tratamento da prisão de ventre no bebê, pois ajudam a amolecer as fezes e a aumentar os movimentos intestinais, facilitando a eliminação das fezes e aliviando os sintomas da prisão de ventre como cólicas, fezes duras e ressecadas.

A prisão de ventre é um problema muito frequente em bebês, especialmente no primeiro ano de vida, porque o seu sistema digestivo ainda não está bem desenvolvido, mas também pode estar relacionada à introdução de alimentação complementar após os 6 meses de vida, ou ao desfralde. 

Esses remédios laxantes só devem ser usados com indicação do pediatra após avaliação dos sintomas e diagnóstico da causa da prisão de ventre. Confiras as principais causas de prisão de ventre no bebê

Os principais remédios laxantes considerados seguros e que podem ser indicados pelo pediatra são:

1. Lactulose

A lactulose é um açúcar que não é absorvido pelo intestino, mas é metabolizado neste local, fazendo com que se acumule líquido no intestino, tornando as fezes mais moles e facilitando assim a sua eliminação. 

Esse remédio pode ser encontrado em farmácias ou drogarias, na forma de xarope, com os nomes comerciais Normolax, Pentalac ou Lactuliv, por exemplo, e devem ser usados com indicação do pediatra por lactantes ou crianças de 1 a 5 anos. Saiba como usar a lactulose.

2. Supositórios de glicerina

Os supositórios de glicerina agem aumentando a quantidade de água das fezes, tornando-as mais líquidas, o que estimula o movimento de contração dos intestinos e a evacuação. Além disso, este remédio também lubrifica e amolece as fezes, fazendo com que sejam mais fáceis de eliminar. 

O supositório de glicerina não deve ser usado por crianças com menos de 2 anos, a não ser que seja recomendado pelo pediatra.

O supositório deve ser inserido suavemente no ânus, quando necessário, não se devendo exceder um supositório por dia. Saiba como aplicar o supositório de glicerina

3. Sorbitol e laurilsulfato de sódio

O sorbitol e o laurilsulfato de sódio agem auxiliando na normalização do ritmo intestinal e tornando as fezes mais moles e mais fáceis de serem eliminadas.

Esse remédio pode ser encontrado em farmácias ou drogarias, na forma de enema, com o nome comercial Minilax, sendo que para aplicar, basta cortar a ponta da cânula e aplicar via retal, inserindo-o suavemente e comprimindo a bisnaga para possibilitar a saída do líquido. A dose do sorbitol e laurilsulfato de sódio deve ser recomendada pelo pediatra.

4. Leite de magnésia

O leite de magnésia é um laxante que age aumentando a retenção de água no interior do intestino, amolecendo as fezes, favorecendo o trânsito intestinal e a eliminação das fezes.

Esse remédio pode ser usado por crianças com mais de 2 anos, nas doses e pelo tempo de tratamento recomendado pelo pediatra. No entanto, em alguns casos, o pediatra pode recomendar este laxante para crianças mais novas.

5. Macrogol

O macrogol é um laxante que promove o amolecimento das fezes, por aumentar a retenção de água pelo intestino, deixando as fezes mais hidratadas, facilitando sua eliminação.

Esse remédio pode ser usado por crianças com mais de 2 anos, de acordo com a recomendação do pediatra e não deve ser usado por crianças que apresentam sintomas como náuseas, vômitos, cólica intestinal, ou nos casos de obstrução ou perfuração intestinal.

O óleo mineral pode ser usado por bebês?

O óleo mineral é um tipo de laxante indicado para crianças com mais de 6 anos, que age lubrificando as fezes, facilitando sua eliminação.

Esse remédio somente deve ser usado com indicação do pediatra pois pode causar irritação no intestino e ser aspirado, além de aumentar o risco de desenvolvimento de pneumonia, uma vez que é ingerido por via oral, e por isso, não deve ser usado por bebês ou crianças com menos de 6 anos.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Equipe Editorial do Tua Saúde, em fevereiro de 2022. Revisão médica por Dr.ª Sani Santos Ribeiro - Pediatra e Pneumologista infantil, em fevereiro de 2022.

Bibliografia

  • MADANI, S.; et al. Constipation in Children: A Practical Review . Pediatric Annals. 45. 5; 189-196, 2016
  • MYRALIS INDÚSTRIA FARMACÊUITICA LTDA. PegLax (macrogol). Disponível em: <https://docs.google.com/gview?url=https://uploads.consultaremedios.com.br/drug_leaflet/Bula-Peg-Lax-Paciente-Consulta-Remedios.pdf?1572640613&embedded=true>. Acesso em 13 jan 2022
Mostrar bibliografia completa
  • LABORATÓRIOS PFIZER LTDA. Supositorio de glicerina (glicerol) uso adulto e pediatrico. Disponível em: <https://static-webv8.jet.com.br/drogaosuper/Bulas/7895800457436.pdf>. Acesso em 13 jan 2022
  • EUROFARMA LABORATÓRIOS S.A. Minilax (laurilsulfato de sódio e sorbitol). Disponível em: <https://www.saudedireta.com.br/catinc/drugs/bulas/minilax.pdf>. Acesso em 13 jan 2022
  • GLAXOSMITHKLINE BRASIL LTDA. Leite de Magnésia Phillips. Disponível em: <http://200.199.142.163:8002/FOTOS_TRATADAS_SITE_14-03-2016/bulas/10628.pdf>. Acesso em 13 jan 2022
  • DAIICHI SANKYO BRASIL FARMACÊUTICA LTDA. Lactulona (lactulose) xarope. Disponível em: <https://www.saudedireta.com.br/catinc/drugs/bulas/lactulona.pdf>. Acesso em 13 jan 2022
  • MANTECORP. Nujol (óleo mineral). Disponível em: <https://www.farmadelivery.com.br/media/upload/pdf/BULAS/HYPERMARCAS/nujol.pdf?__cf_chl_f_tk=_Vf.ppGHS_KY1C6JwDZHGGoRUVSbAFy3lhmKvr5AIB0-1642066412-0-gaNycGzNBxE>. Acesso em 13 jan 2022
Revisão médica:
Dr.ª Sani Santos Ribeiro
Pediatra e Pneumologista infantil
Médica formada pela Universidade Federal do Rio Grande com CRM nº 28364 e especialista em Pediatria pela Sociedade Brasileira de Pediatria.

Tuasaude no Youtube

  • Como evitar CÓLICAS NO BEBÊ

    03:09 | 585336 visualizações