Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.

6 laxantes naturais para preparar em casa

Os laxantes naturais são alimentos que melhoram o trânsito intestinal, prevenindo a prisão de ventre e promovendo a saúde do intestino, com a vantagem de não prejudicar a flora intestinal e não deixar o organismo viciado, como acontece com os remédios para prisão de ventre vendidos na farmácia.

Alguns dos laxantes naturais mais utilizados, e que podem ser facilmente incluídos na alimentação para combater a prisão de ventre, incluem frutas como ameixa, mamão, laranja, figo ou morango, além de algumas plantas medicinais com propriedades laxantes como o chá de sene ou o chá de ruibarbo, por exemplo, que podem ser utilizados na forma de chás ou infusões. Confira todas as opções de chás laxantes.

Esses laxantes naturais podem ser preparados em casa, misturando as frutas com os chás das plantas, ou com água. No entanto, deve-se ter cuidado com as plantas medicinais pois por terem efeito laxativo potente, podem causar efeitos colaterais como cólicas abdominais e até desidratação, não devendo ser utilizadas por mais de 1 semana.

1. Suco de beterraba com laranja

6 laxantes naturais para preparar em casa

O suco de beterraba com laranja é rico em fibras que auxiliam a movimentação do intestino e a eliminação das fezes.

Ingredientes

  • Meia beterraba fatiada crua ou cozida;
  • ​1 copo de suco natural de laranja.

Modo de preparo

Bater os ingredientes no liquidificador e beber 250 mL do suco 20 minutos antes do almoço e do jantar durante 3 dias seguidos.

2. Suco de mamão e laranja

6 laxantes naturais para preparar em casa

O suco de mamão e laranja é uma excelente fonte de fibras, além de papaína que é uma uma enzima digestiva que ajuda na digestão dos alimentos, sendo uma boa opção de laxante natural.

Ingredientes

  • 1 copo de suco de laranja natural;
  • 1 fatia de mamão sem caroço;
  • 3 ameixas secas sem caroço.

Modo de preparo

Bater todos os ingredientes no liquidificador e beber no café da manhã. Este suco pode ser tomado em qualquer momento do dia, tendo mais efeito quando é consumido no café da manhã.

3. Suco de uva, pêra e linhaça

6 laxantes naturais para preparar em casa

O suco de uva com linhaça ajuda a combater a prisão de ventre, por aumentar o volume do bolo fecal e funcionar como lubrificante, hidratando as fezes e facilitando sua eliminação.

Ingredientes

  • 1 copo de suco natural de uvas com semente;
  • 1 pêra com casca cortada em pedaços;
  • 1 colher de sopa de linhaça.

Modo de preparo

Bater os ingredientes no liquidificador e beber em seguida. Este suco deve ser tomado diariamente ainda em jejum, mas deve-se diminuir a frequência do consumo quando o intestino começar a funcionar, passando a tomar o suco em dias intercalados ou 2 vezes por semana. Outra opção para preparar o suco é usar sementes de chia ou de girassol ao invés da linhaça.

4. Suco de maçã e azeite de oliva

6 laxantes naturais para preparar em casa

O suco de maçã com azeite de oliva é rico em fibras e ajuda a amolecer as fezes, funcionando como um laxante natural.

Ingredientes

  • 1 maçã com casca;
  • Meio copo de água;
  • Azeite de oliva.

Modo de preparo

Lavar as maçãs, cortar cada uma em 4 pedaços e retirar os caroços. Bater as maçãs com a água em um liquidificador. Em um copo, encher até a metade com o suco de maçã e completar a outra metade com azeite de oliva. Misturar e beber todo o conteúdo do copo antes de dormir. Usar no máximo por dois dias.

5. Geleia de frutas com chá de sene

6 laxantes naturais para preparar em casa

A pasta de frutas e chá de sene é fácil de fazer e muito eficaz para combater a prisão de ventre, por ser rico em fibras e substâncias laxativas como senosídeos, mucilagens e flavonóides que aumentam os movimento intestinais, sendo uma ótima opção de laxante natural.

Ingredientes

  • 450 g de ameixas secas sem caroço;
  • 450 g de uvas passas;
  • 450 g de figos;
  • 0,5 a 2g de folhas secas de sene;
  • 1 xícara de açúcar mascavo;
  • 1 xícara de suco de limão;
  • 250 mL de água fervente.

Modo de preparo

Adicionar as folhas de sene na água fervente e deixar repousar por 5 minutos. Retirar as folhas do sene e colocar o chá em uma panela grande. Adicionar as ameixas, as uvas e os figos e ferver a mistura por 5 minutos. Retirar do fogo e acrescentar o açúcar mascavo e o suco de limão. Misturar e deixar esfriar. Bater tudo em um liquidificador ou usar um mixer para transformar a mistura em uma pasta lisa. Colocar a pasta em um recipiente de plástico e armazenar na geladeira. Pode-se consumir de 1 a 2 colheres de sopa da pasta por dia, direto da colher ou usar a pasta em torradas ou adicionar em água quente e fazer uma bebida. Se a pasta de frutas causar fezes muito soltas, deve-se reduzir a quantidade recomendada ou consumir em dias alternados.

O chá de sene não deve ser usado por mulheres grávidas ou em amamentação, crianças com menos de 12 anos e em casos de prisão de ventre crônica, problemas intestinais como obstrução e estreitamento do intestino, ausência de movimentos intestinais, doenças inflamatórias intestinais, dor abdominal, hemorróida, apendicite, no período menstrual, infecção urinária ou insuficiência hepática, renal ou cardíaca. Nestes casos, pode-se preparar a pasta de frutas sem adicionar o chá de sene.

6. Geleia de chá de ruibarbo com frutas

6 laxantes naturais para preparar em casa

A pasta de chá de ruibarbo com frutas é outra boa opção de laxante natural, pois o ruibarbo é rico em substâncias laxantes como senosídeos e reína, e as frutas possuem alto teor de fibras ajudando a combater a prisão de ventre.

Ingredientes

  • 2 colheres de sopa de caule de ruibarbo;
  • 200 g de morangos em pedaços;
  • 200 g de maçã descascada em pedaços;
  • 400 g de açúcar;
  • 1 pau de canela;
  • Suco de meio limão;
  • 250 mL de água.

Modo de preparo

Adicionar o caule de ruibarbo e a água em um recipiente, ferver por 10 minutos e retirar o caule do ruibarbo em seguida. Em uma panela, colocar os morangos, a maçã, o açúcar, a canela e o suco de limão e ferver. Adicionar o chá de ruibarbo e cozinhar lentamente, mexendo de vez em quando, até atingir o ponto de pasta. Retirar o pau de canela e triturar a pasta com um mixer ou bater no liquidificador. Colocar em frasquinhos de vidro esterilizados e guardar na geladeira. Comer 1 colher por dia ou passar a pasta na torrada.

O ruibarbo não deve ser usado por mulheres grávidas, crianças com menos de 10 anos de idade ou nos casos de dor abdominal ou obstrução intestinal. Além disso, o consumo desta planta medicinal deve ser evitado por pessoas que usam medicamentos como digoxina, diuréticos, corticóides ou anticoagulantes.

Assista o vídeo com a nutricionista Tatiana Zanin com dicas de laxantes naturais para combater a prisão de ventre:

Opções de laxantes naturais para bebês

A forma mais natural de tratar a prisão de ventre no bebê, em qualquer idade, é oferecer água várias vezes ao longo do dia, para manter o organismo bem hidratado e amolecer as fezes. No entanto, após os 6 meses, os alimentos laxantes também podem ser incluídos na dieta do bebê. Alguns dos exemplos mais comuns incluem pêra, ameixa ou pêssego, por exemplo.

Já os chás laxantes, como cáscara sagrada ou sene devem ser evitados, pois provocam irritação do intestino podendo causar cólicas fortes e mal estar para o bebê. Assim, os chás só devem ser usados com indicação do pediatra.

Além dos alimentos, pode-se ainda fazer massagens na barriga do bebê, não só para eliminar as cólicas, mas também para estimular o funcionamento do intestino e a passagem das fezes. Veja mais dicas para aliviar a prisão de ventre no bebê.

Esta informação foi útil?

Sua opinião é importante! Escreva aqui como podemos melhorar o nosso texto:

Ficou alguma dúvida? Clique aqui para ser respondido.
Verifique o email de confirmação que lhe enviamos.

Bibliografia

  • HWAN Sun. Diets for Constipation. Pediatric Gastroenterology, Hepatology and Nutrition. Vol 17. 4 ed; 203-208, 2014
  • CIRILLO, Carla; CAPASSO, Raffaele. Constipation and Botanical Medicines: An Overview. Phytother Res. 29. 10; 1488-1493, 2015
  • LUENGO, María Tránsito López. Plantas de acción laxante en el tratamiento del estreñimiento primario. Fitoterapia. 19. 3; 118-123, 2000
  • COH PAIN & PALLIATIVE CARE RESOURCE CENTER. Palliative Care Patient Education. 2019. Disponível em: <https://prc.coh.org/Pall%20Care%20Pt%20Ed%2010-4-17.pd>. Acesso em 27 Jan 2021
  • WORLD GASTROENTEROLOGY ORGANISATION PRACTICE GUIDELINES. Constipação: uma perspectiva mundial. 2010. Disponível em: <https://www.worldgastroenterology.org/UserFiles/file/guidelines/constipation-portuguese-2010.pdf>. Acesso em 27 Jan 2021
Mais sobre este assunto:

Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem