5 dicas para acabar com o torcicolo mais rápido

Atualizado em agosto 2023
Evidência científica

Algumas formas para acabar com o torcicolo em casa incluem utilizar a terapia frio-calor, fazer uma massagem ou alongar os músculos do pescoço. Estas são técnicas que ajudam a reduzir a inflamação causada pelo espasmo muscular no pescoço, aliviando de forma mais rápida a dor e o desconforto do torcicolo.

O torcicolo acontece devido a um espasmo muscular, normalmente provocado por má postura, que pode acontecer ao dormir ou até mesmo pelo uso do computador no dia a dia, causando sintomas de dor, rigidez no pescoço ou dificuldade para movimentar a cabeça. Veja outros sintomas do torcicolo.

Geralmente, o torcicolo melhora em cerca de 1 semana, no entanto, se surgirem sintomas como febre, calafrios, dor de cabeça, formigamento ou fraqueza no braço ou na mão, deve-se consultar o médico, pois nesse caso pode ser sinal de uma causa mais grave, necessitando de tratamento adequado.

Imagem ilustrativa número 1

Dicas para aliviar o torcicolo

As dicas mais importantes para acabar com o torcicolo rápido são:

1. Realizar terapia frio-calor

A terapia frio-calor é feita com a utilização de compressas de gelo e compressas quentes, para ajudar a diminuir a inflamação e relaxar a musculatura do pescoço. Este tipo de terapia utiliza compressas de gelo durante as primeiras 48 a 72 horas e compressas quentes nos dias seguintes. 

Para fazer as compressas de gelo, deve-se colocar gelo dentro de uma bolsa térmica ou colocar um saco de gel no congelador para resfriar. Depois envolve-se a bolsa (ou o saco de gel) em uma toalha limpa e aplica-se na região do pescoço, deixando agir por 15 a 20 minutos, 2 a 3 vezes por dia. 

Já a compressa quente pode ser preparada adicionando água quente em uma bolsa térmica, que deve ser envolvida em uma toalha limpa e aplicada na região afetada por 20 a 30 minutos, de 2 a 3 vezes por dia.

2. Inclinar o corpo para frente

Inclinar o corpo para a frente, deixando a cabeça pendurada, faz com que o peso da cabeça atue como um pêndulo, o que irá aumentar o espaço entre as vértebras cervicais e diminuir o espasmo dos músculos do pescoço, ajudando a aliviar a dor do torcicolo.

É indicado ficar nessa posição por cerca de 2 min, mantendo os braços e cabeça bem soltos. É possível movimentar a cabeça com pequenos movimentos para um lado e para o outro, somente para se certificar de que os músculos dos ombros e do pescoço encontram-se relaxados.

3. Pressionar os músculos

Ao pressionar levemente o músculo afetado do pescoço, é possível estimular o seu relaxamento, ajudando a aliviar os sintomas. Para isso, deve-se pressionar com o polegar a parte do meio do músculo que está dolorido durante 30 segundos. Por fim, deve-se pressionar a parte onde o músculo começa, na nuca, durante mais 30 segundos. 

Para pressionar os músculos do pescoço é importante estar em uma posição confortável, que pode ser em pé ou, de preferência, sentado e com a cabeça virada para frente. Esta técnica pode ser feita várias vezes longo do dia.

4. Massagear o pescoço

Massagear o pescoço usando óleo de amêndoa doce ou algum creme hidratante também é uma boa forma de diminuir a dor e o desconforto. A massagem deve ser realizada nos ombros, pescoço, nuca e cabeça, mas só deve ser realizada na parte final do tratamento, depois de ter realizado os exercícios e técnicas anteriormente indicadas.

A massagem não deve ser realizada de maneira muito forte, mas pode-se pressionar um pouco a palma da mão nos músculos do pescoço, desde os ombros até às orelhas.

Para finalizar a massagem pode-se colocar uma compressa morna na região do pescoço, deixando atuar durante cerca de 20 minutos.

5. Fazer alongamentos

Os alongamentos para o torcicolo promovem o relaxamento dos músculos do pescoço, ajudando a aliviar a dor e o desconforto. No entanto, no caso de sentir dor ou desconforto durante algum alongamento, é recomendado parar esse alongamento e não repetir o exercício.

Para fazer os alongamentos, pode-se estar em pé ou sentado, sempre com as costas retas, e colocar uma mão no topo da cabeça, puxando-a suavemente para o lado em direção ao ombro, durante 30 segundos. Voltar a cabeça para a posição inicial e repetir o movimento para o outro lado. Esse alongamento pode ser feito 3 vezes para cada lado.

Outro alongamento recomendado para o torcicolo é inclinar a cabeça para frente, como se fosse apoiar o queixo no peito durante 30 segundos. Voltar à posição inicial e inclinar a cabeça para trás. Pode-se fazer esse alongamento 3 vezes em cada direção.

Assista o vídeo com a fisioterapeuta Marcelle Pinheiro com outras dicas de como aliviar o torcicolo:

youtube image - 3 passos para acabar com o TORCICOLO

Quando ir ao médico

É importante consultar o médico caso os sintomas do torcicolo durem mais de uma semana ou se forem muito intensos.

Além disso, deve-se procurar ajuda médica ou o pronto socorro mais próximo, no caso do torcicolo ser acompanhada de sintomas como:

  • Febre repentina;
  • Calafrio;
  • Dor de cabeça;
  • Hematomas na pele;
  • Dormência, formigamento ou fraqueza no braço ou na mão;
  • Dor no pescoço causada por uma queda ou trauma;
  • Piora da dor ao deitar;
  • Perda do controle da urina;
  • Dificuldade para andar ou se equilibrar.

Esses sintomas podem indicar situações mais graves, como meningite, hérnia de disco ou lesão na coluna cervical, por exemplo, necessitando de tratamento imediato.