Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

10 remédios caseiros para má digestão

Os melhores remédios caseiros para má digestão são os chás de hortelã, boldo e verônica, mas os sucos de limão e maçã também podem ser muito úteis porque tornam a digestão mais fácil e aliviam o desconforto.

Além disso, tomar carvão vegetal pode ajudar o organismo a se livrar dos gases e das toxinas acumuladas, podendo ser uma boa solução para quem sofre também de arrotos constantes e barriga estufada.

Assim, alguns chás ótimos para combater a má digestão são:

1. Chá de hortelã

10 remédios caseiros para má digestão

O chá de hortelã atua como um estimulante gástrico natural, que ajuda a reduzir a sensação de estômago cheio e alivia os sintomas da má digestão.

Ingredientes

  • 1 colher de chá de folhas secas ou frescas de hortelã;
  • 1 xícara de água fervente.

Modo de preparo

Adicionar a hortelã em uma xícara de água fervente e deixar repousar por 5 minutos, coar e beber a seguir.

2. Chá de boldo

10 remédios caseiros para má digestão

O chá de de boldo estimula o sistema digestivo e tem propriedades que ajudam a desintoxicar o organismo, proporcionando alívio para a má digestão e problemas intestinais. 

Ingredientes

  • 1 colher de sopa de folhas de boldo;
  • 1 litro de água.

Modo de preparo

Colocar as folhas de boldo em uma panela com 1 litro de água, e deixar ferver por alguns minutos, após esfriar, coar e beber. 

Caso a má digestão seja frequente, é indicado que o chá seja consumido antes e depois das refeições. 

3. Chá de verônica

10 remédios caseiros para má digestão

O chá de verônica possui propriedades digestivas que ajudam a digestão, além de diminuir o desconforto provocado pelos alimentos no estômago.

Ingredientes

  • 500 ml de água;
  • 15 gramas de folhas de verônica.

Modo de preparo

Colocar os ingredientes para ferver durante 10 minutos em uma panela. Tampar e deixar esfriar, coando de seguida. Deve-se beber uma xícara antes das principais refeições e até 3 a 4 xícaras por dia.

4. Chá de erva-doce

10 remédios caseiros para má digestão

As propriedade do chá de erva-doce ajudam combater a má digestão, porque reduzem a produção de gases estomacais que causam a sensação de desconforto. 

Ingredientes

  • 1 colher de chá de sementes de erva-doce;
  • 1 xícara de água fervente.

Modo de preparo

Adicionar as sementes na xícara de água fervente e espere alguns minutos. Quando amornar, coar e beber a seguir.

5. Suco de maçã 

10 remédios caseiros para má digestão

Outro bom remédio caseiro para digestão lenta e gases é tomar o suco de maçã preparado com água com gás, pois a maçã possui uma substância chamada pectina, que em contato com a água forma uma espécie de gel em volta do estômago, aliviando assim o desconforto da má digestão.

Ingredientes

  • 2 maçãs;
  • 50 ml de água com gás.

Modo de preparo

Bater no liquidificador 2 maçãs, sem adicionar água, em seguida coar e misturar os 50 ml de água com gás.

Este suco é muito eficiente para ajudar a digestão, especialmente de alimentos com muita gordura ou condimentados. No entanto, se os sintomas de má digestão forem frequentes é recomendado consultar um gastroenterologista para verificar a saúde do sistema digestivo.

6. Chá de cálamo

10 remédios caseiros para má digestão

O cálamo é uma planta medicinal muito indicada para casos de má digestão, arrotos, flatulência, perda de apetite e sensação de estufamento no estômago, por possuir ação calmante e digestiva. 

Ingredientes

  • 2 colheres de sopa de chá de cálamo;
  • 1 litro de água.

Modo de preparo

Colocar as 2 colheres de sopa de cálamo em uma panela com 1 litro de água, e deixar no fogo até a água ferva, após esse tempo, retirar do fogo e deixar repousar tapado por 10 minutos. Coar e está pronto para ser consumido.

7. Suco de abacaxi com mamão

10 remédios caseiros para má digestão

O suco de abacaxi com mamão é um bom remédio caseiro para a má digestão porque essas frutas têm propriedades que facilitam a digestão. O abacaxi por ser rico em bromelina, uma enzima que melhora o funcionamento do aparelho digestivo, e o mamão, por possuir uma substância chamada papaína, que estimula os movimentos intestinais, facilitando a expulsão das fezes.

Ingredientes

  • 3 fatias de abacaxi;
  • 2 fatias de mamão;
  • 1 copo de água;
  • 1 colher de levedo de cerveja.

Modo de preparo

Colocar todos os ingredientes no liquidificador e bater até formar uma mistura homogênea, coar e beber logo em seguida.

8. Suco de limão

10 remédios caseiros para má digestão

O suco de limão pode ser usado como um remédio caseiro para má digestão, porque age como um suave depurador do estômago e intestino, diminuindo o desconforto gástrico. 

Ingredientes

  • Meio limão;
  • 200 ml de água;
  • Meia colher de sopa de mel.

Modo de preparo

Adicionar todos os ingredientes em um liquidificador e bater bem, após esse procedimento o suco está pronto para ser bebido.

Para combater a indigestão também é importante mastigar bem os alimentos, não comer depressa demais nem consumir líquidos exageradamente durante as refeições.

9. Chá de capim-limão

10 remédios caseiros para má digestão

A propriedade antiespasmódica do capim-limão impede as contrações do estômago, que pioram a má digestão, além de contar com a função calmante e analgésica, que podem aliviar o desconforto em poucos minutos. 

Ingredientes

  • 1 colher (chá) de folhas picadas de capim-limão;
  • 1 xícara de água.

Modo de preparo

Colocar os ingredientes numa panela e deixar ferver por alguns minutos. A seguir deve-se filtrar e beber o chá logo após o seu preparo, sem adicionar açúcar.

É recomendado tomar pequenas quantidades deste chá a cada 15 ou 20 minutos, evitando o consumo de qualquer outro alimento até que os sintomas da má digestão tenham desaparecido.

O chá de capim-limão não deve ser tomado durante a gravidez porque ele pode prejudicar o bebê. Um bom remédio caseiro para má digestão na gravidez é comer uma maçã ou uma pêra não não há contraindicações para estas frutas. 

10. Chá de cúrcuma 

10 remédios caseiros para má digestão

A cúrcuma é um estomáquico, que favorece a digestão gástrica e um ótimo estimulante de funções digestivas intestinais e por isso pode ajudar a reduzir sintomas da má digestão.

Ingredientes

  • 1,5g de cúrcuma;
  • 150ml de água.

Modo de preparo

A cúrcuma deve ser levada ao fogo para ferver junto com a água, pois é através desse processo denominado decocção que são extraídas as suas propriedades medicinais. Após ser fervido o chá deve ser coado e consumido de 2 a 3 vezes ao dia.

Bibliografia >

  • MINISTÉRIO DA SAÚDE. Monografia da espécie Mentha x piperita L. (Hortelã pimenta). 2015. Disponível em: <https://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2017/setembro/11/Monografia-Mentha-piperita.pdf>. Acesso em 15 Jan 2020
  • PLATAFORMA PORTUGUESA DE INFORMAÇÃO ALIMENTAR . Composição de Alimentos: Limão. Disponível em: <http://portfir.insa.pt/foodcomp/food?18215>. Acesso em 15 Jul 2020
  • REVISTA BRASILEIRA DE FARMACOGNOSIA. Estudo sobre o uso de plantas medicinais em crianças hospitalizadas da cidade de João Pessoa: riscos e benefícios. 2005. Disponível em: <https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-695X2005000400019&lng=pt>. Acesso em 25 Set 2020
  • REV. BRAS. PL. MED. Estudo das plantas medicinais, utilizadas pelos pacientes atendidos no programa “Estratégia saúde da família” em Maringá/PR/Brasil. 2015. Disponível em: <https://www.scielo.br/pdf/rbpm/v17n4s1/1516-0572-rbpm-17-4-s1-0702.pdf>. Acesso em 25 Set 2020
  • UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA. Plantas Medicinais e fitoterápicos . 2016. Disponível em: <https://www.researchgate.net/profile/Damaris_Silveira/publication/319653640_PLANTAS_MEDICINAIS_E_FITOTERAPICOS_-_GUIA_RAPIDO_PARA_A_UTILIZACAO_DE_ALGUMAS_ESPECIES_VEGETAIS_-_2a_Ed/links/59b84fe8a6fdcc68722cbc29/PLANTAS-MEDICINAIS-E-FITOTERAPICOS-GUIA-RAPIDO-PARA-A-UTILIZACAO-DE-ALGUMAS-ESPECIES-VEGETAIS-2a-Ed.pdf>. Acesso em 08 Jul 2019
  • ANTONIO, Gisele Damian et al.. Contributions of medicinal plants to care and health promotion in primary healthcare. Interface - Comunicação, Saúde, Educação. Vol.17. 615-633, 2013
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Publicidade
Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem