Remédio caseiro para corrimento esverdeado

A principal causa de corrimento esverdeado com cheiro forte nas mulheres é a tricomoníase, que é uma infecção sexualmente transmissível causada pelo parasita Trichomonas vaginalis. Além do corrimento de cheiro forte, é comum existirem outros sinais e sintomas associados a essa infecção, como coceira e vermelhidão na vagina e dor e ardor ao urinar, o que é bastante desconfortável.

Embora a infecção precise ser tratada com antibióticos e outros remédios receitado pelo ginecologista, é possível aliviar os sintomas através de remédios caseiros. No entanto, é importante salientar que o uso de remédios caseiros não substitui o tratamento indicado pelo médico, já que os medicamentos recomendados têm como objetivo promover a eliminação do agente infeccioso. Conheça também outras causas de corrimento esverdeado e o que fazer.

1. Chá de goiabeira

Um bom remédio caseiro para corrimento esverdeado é o chá de folha de goiabeira. Ela é uma planta medicinal que tem propriedades antibacterianas que atuam contra os protozoários que provocam a tricomoníase.

Ingredientes

  • 1 litro de água;
  • 3 ou 4 folhas de goiabeira secas.

Modo de preparo

Coloque a água numa panela e deixar ferver. Depois de desligar o fogo, acrescente as folhas de goiabeira secas, tampe e reserve por 15 minutos. Por fim, coe a mistura e beba 3 xícaras por dia ou quando sentir maior desconforto.

2. Óleo essencial de melaleuca

A melaleuca, também conhecida como tea tree, é uma planta medicinal que possui excelentes propriedades antimicrobianas e antibióticas, capazes de eliminar algumas das bactérias responsáveis por infecções na região íntima. Dessa forma, pode ser usada em banhos de assento para aliviar os sintomas de infecções vaginais, como coceira ou cheiro fétido, por exemplo.

Ingredientes

  • Óleo essencial de melaleuca;
  • Óleo de amêndoas doces.

Modo de preparo

Misture cerca de 10 a 15 gotas de cada tipo de óleo e depois passe na região da vagina. É possível que na primeira aplicação se sinta uma ligeira queimação, porém se demorar para desaparecer ou se for muito intensa, deve-se lavar imediatamente a região com água e um sabão de pH neutro.

3. Banho de assento de bergamota

A bergamota é uma fruta com propriedade antibacteriana que é muito utilizada para ajudar a tratar e aliviar mais rapidamente os sintomas causados por infecções vaginais como a tricomoníase, ajudando a eliminar as bactérias da região íntima. 

Ingredientes

  • 30 gotas de óleo essencial de bergamota;
  • 1 litro de água.

Modo de preparo

Coloque 1 a 2 litros de água morna em uma bacia e depois misture as gotas do óleo essencial de bergamota. Por fim, faça um banho de assento e passe a água pela região íntima de forma a eliminar o excesso de bactérias da região. Este banho de assento pode ser feito até 2 vezes por dia.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Equipe Editorial do Tua Saúde, em janeiro de 2022.

Bibliografia

  • NAVARRA, Michele et al. Citrus bergamia essential oil: from basic research to clinical application. Frontiers in Pharmacology. 6. 36; 1-7, 2015
  • KOKOSKA L et al. Plant-Derived Products as Antibacterial and Antifungal Agents in Human Health Care. Curr Med Chem. 26. 29; 5501-5541, 2019
Mostrar bibliografia completa
  • NICOLAS, Jean. Manual de plantas medicinales del altiplano de Guatemala para el uso familiar. Primera Edición. Guatemala: Médicos descalzos, 2013. 155-158.
Equipe editorial constituída por médicos e profissionais de saúde de diversas áreas como enfermagem, nutrição, fisioterapia, análises clínicas e farmácia.