Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Que tipo de nódulo no pulmão pode ser câncer

O diagnóstico de nódulo no pulmão não é o mesmo que câncer, pois, na maioria dos casos, os nódulos são benignos e, por isso, não colocam a vida em risco, especialmente quando apresentam tamanho inferior a 30 mm.

No entanto, em casos mais raros, a presença de um nódulo pode ser um sinal precoce de câncer no pulmão ou em outro local do corpo e, por isso, é importante manter uma avaliação constante com exames de imagem para avaliar o crescimento e mudanças de forma, por exemplo, iniciando o tratamento se for necessário.

Raio X com nódulo no pulmãoRaio X com nódulo no pulmão

Como saber se o nódulo é câncer

Para saber se um nódulo é maligno, geralmente, o pneumologista pede outro exame de imagem, como tomografia computadorizada, e, cerca de 4 meses depois, repete o exame para avaliar se o nódulo cresceu ou se mudou de forma e aparência.

Normalmente, os nódulos benignos mantêm o mesmo tamanho e pouco alteram, enquanto que os nódulos de câncer aumentam de tamanho para quase o dobro e alteram bastante sua forma, mostrando uma massa irregular em vez de uma massa redonda, que é característica do nódulo pulmonar benigno.

Crescimento do nódulo indica malignidadeCrescimento do nódulo indica malignidade

O que pode causar um nódulo

As causas dos nódulos no pulmão variam de acordo com o seu tipo:

  • Nódulo benigno: geralmente é resultado de cicatrizes no pulmão provocadas por infecções anteriores, como pneumonia, ou como consequência de tuberculose, por exemplo;
  • Nódulo maligno: apresenta as mesmas causas do câncer de pulmão e, por isso, é mais frequente em fumantes e em pessoas expostas frequentemente à fumaça do cigarro.

Além disso, o nódulo maligno também pode ser causado por câncer em outro local do corpo, como estômago ou intestino, sendo recomendado fazer outros exames, como colonoscopia ou endoscopia, quando existe suspeita de câncer nesses órgãos.

Sintomas de nódulo maligno

Os nódulos no pulmão raramente provocam qualquer tipo de sintoma, tanto no caso de serem malignos, como no caso de serem benignos e, por isso, é comum que só sejam descobertos durante exames de rotina, como raio X ou tomografia computadorizada.

Porém, alguns sintomas que podem alertar para a presença de alterações nos pulmões, como nódulos, e que devem ser avaliados por um pneumologista, incluem dificuldade para respirar, cansaço fácil, dor no peito e sensação de falta de ar.

Como é feito o tratamento do nódulo

O tratamento varia de acordo com o tipo, sendo que no caso do nódulo benigno, normalmente, não é recomendado qualquer tipo de tratamento, fazendo-se apenas uma avaliação constante com 1 raio X por ano para garantir que o nódulo não altera.

Já no caso de um nódulo maligno, o pneumologista geralmente aconselha a realização de uma cirurgia para retirar o nódulo. Assim, dependendo do tamanho do nódulo a cirurgia pode ser feita por laparoscopia, através de pequenos cortes na barriga, ou com um corte grande, para retirar todo o tecido pulmonar afetado.

Quando o tratamento não é feito de forma adequada o nódulo maligno pode virar câncer, conheça o tratamento específico nesses casos.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...