Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Primeiros socorros na Tentativa de Suicídio

Os passos mais importante perante uma tentativa de suicídio são chamar a ajuda médica, ligando imediatamente para o 192, e observar se a vítima está respirando e se o coração está batendo.

Caso a pessoa esteja inconsciente e não pareça estar respirando, é importante fazer massagem cardíaca para melhorar as chances de sobrevivência até à chegada da ajuda médica. Veja como fazer a massagem cardíaca.

Primeiros socorros na Tentativa de Suicídio

No entanto, existem outros cuidados específicos, dependendo do tipo de tentativa de suicídio, como:

  • Pulsos cortados: deve-se fazer pressão nos pulsos com roupa, panos limpos ou outro tipo de tecido para parar a hemorragia até chegar a ambulância;
  • Queda: é aconselhado não mexer na vítima, pois pode ter fraturado a coluna, podendo levar a sequelas, como paralisia. Porém, se existir sangramento, pode-se fazer compressão no local para tentar parar a hemorragia;
  • Ingestão de veneno, remédios ou drogas: deve-se tentar achar o tipo de substância ingerida, sendo que os remédios para dormir, como Rivotril e Xanax, geralmente são os mais utilizados. Depois, pode-se ligar para o centro anti-venenos inscrito na embalagem para receber mais orientações;
  • Enforcamento: se a pessoa ainda apresentar movimentos e respirando, deve-se levantá-la ou colocar uma cadeira, móvel ou objeto alto por baixo dos pés;
  • Afogamento: retirar a pessoa da água, deitá-la de barriga para cima e iniciar massagem cardíaca e respiração boca-a-boca até à chegada da ajuda médica;
  • Arma de fogo: fazer pressão no local do tiro com panos limpos, roupa ou outro tipo de tecido para diminuir a hemorragia até a ambulância chegar.

As tentativas de suicídio, normalmente, estão relacionadas com algum caso de depressão não tratada, e é frequente acontecerem mais do que uma vez, por isso, é importante que a pessoa seja acompanhada por um psicólogo ou psiquiatra, para que recupere a vontade de viver.

Como saber que existe risco de suicídio

Antes de uma tentativa de suicídio a pessoa pode deixar algumas pistas do que pretende fazer e, por isso, é importante dar atenção para o que ele diz ou a mensagens que deixa escritas, especialmente se já tiver um diagnóstico confirmado de depressão. 

Nos casos em que se considera poder existir risco de suicídio é importante nunca deixar a pessoa sozinha e sempre que possível ajudar no tratamento, participando nas sessões de psicoterapia e seguindo as orientações dadas pelo psicólogo. Além disso, se possível, também se deve observar se a pessoa está tomando a medicação correta, de acordo com o plano terapêutico indicado pelo psiquiatra. 

Veja melhor como identificar comportamentos suicida e como lidar.

Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Se ficou com alguma dúvida ou encontrou algum erro escreva aqui para que possamos melhorar o texto. Não lhe iremos responder directamente. Se quiser uma resposta clique em Contato.

Mais sobre este assunto:


Publicidade
Carregando
...
Fechar

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem