Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Pomadas para pêlo encravado

Quando um pêlo encontra-se encravado, havendo sinais de inflamação como dor, vermelhidão e um pequeno inchaço nem sempre é preciso usar medicamentos, sendo suficiente fazer uma esfoliação na pele, mas quando surgem sinais mais graves como aumento do inchaço, ficando do tamanho de uma noz, por exemplo, isso já pode indicar que infeccionou, devido a proliferação de vírus, fungos ou bactérias.

Nesse caso pode ser preciso usar uma pomada antibiótica ou antifúngica, sob indicação médica, como:

  • Sulfato de neomicina + bacitracina, como Nebacetin;
  • Mupirocin, como Bactobran;
  • Nitrofurazona, como Furacin;
  • Betametasona + sulfato de gentamicina, como Diprogenta.

Normalmente é indicado aplicar a pomada 2 vezes por dia após o banho. Se houver acumulo de pus, formando um caroço deve-se ir ao posto de saúde porque pode ser preciso fazer um pequeno corte na pele para remover completamente o pus e manter a ferida devidamente limpa e desinfetada.

Quando não há sinais de infecção, mas o pelo encravado continua incomodando pode ser indicado aplicar uma pomada contendo ácido acetilsalicílico porque ela irá ajudar a remover a pele mais externa, facilitando a remoção do pelo. Pode-se comprar essa pomada numa farmácia de manipulação, por exemplo.

Pomadas para pêlo encravado
Pomadas para pêlo encravado

Sinais de alerta para ir ao médico

Normalmente a foliculite não é uma situação grave, que necessita de atendimento médico, sendo simples de resolver em casa, mas os sinais que podem indicar que é preciso ir ao médico são:

  • Aumento da dor e principalmente do inchaço da região do pelo encravado, o que pode indicar acumulo de pus;
  • Febre acima de 37ºC porque geralmente é sinal de infecção;
  • Ter muitos pelos encravados, e de forma frequente, porque aumenta o risco de infecção, e existem soluções como a depilação a laser, que elimina completamente o pelo. 

Nestes casos deve-se ir ao posto de saúde ou marcar uma consulta com um dermatologista

Como acelerar a cura

Algumas estratégias que podem ajudar a acelerar a cura, desencravando o pelo, de forma caseira e simples é esfoliar a pele com uma mistura de um pouquinho de óleo de amêndoa doce e açúcar, por exemplo.

Os movimentos circulares podem ajudar a romper a camada mais superficial da pele, permitindo a saída do pelo, mas ainda pode ser preciso passar um algodão com álcool para desinfectar e tentar remover o pelo com uma pinça devidamente limpa. Outros cuidados são:

  • Manter a região limpa e sempre seca para evitar a infecção fúngica;
  • Não usar roupas apertadas ou que abafem demais a região afetada;
  • Não fazer a depilação com lâmina, cera ou creme depilatório na região do pêlo encravado até que o pelo cresça o suficiente para desencravar.

Quando o homem possui a tendência de ficar com os pelos da barba encravados com facilidade pode considerar a possibilidade de não tirar completamente a barba, deixando de usar a gilete e usar sempre um aparador de pelos, que os deixa mais curtos, evitado este problema de pele. Quando a foliculite é mais comum na virilha, pode ser útil trocar a cueca slip por uma boxer, que terá mesmo atrito na virilha, evitando a formação dos pelos encravados.

Mais sobre este assunto:


Carregando
...