Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

Peito chiando: 8 principais causas e o que fazer

O chiado no peito geralmente é sinal de algum tipo de doença respiratória, como DPOC ou asma. Isso acontece porque nesse tipo de condição existe um estreitamento ou inflamação das vias aéreas, que acaba dificultando a passagem do ar e causa o surgimento de um som característico, conhecido como chiado.

No entanto, o chiado também pode ser indicativo de algum problema cardíaco, já que o mau funcionamento do coração pode facilitar o acúmulo de líquidos no pulmão, dificultando a passagem do ar nas vias aéreas.

Assim, e uma vez que o chiado está quase sempre relacionado com algum tipo de problema de saúde é recomendado consultar um clínico geral para tentar entender a causa, ser encaminhado para o melhor especialista e iniciar o tratamento mais adequado.

A seguir indicamos algumas das causas mais comuns para o aparecimento de chiado no peito:

1. Asma

Peito chiando: 8 principais causas e o que fazer

A asma é uma doença inflamatória crônica das vias aéreas, que causa dificuldade para respirar, especialmente depois que a pessoa está exposta a algum tipo de alergênio, como pêlos de animais ou poeira, por exemplo. Esta é uma das principais causas de chiado no peito ao respirar e pode surgir associada a outros sintomas como falta de ar, cansaço e aperto no peito.

O que fazer: a asma não tem cura, mas pode ser tratada com o uso de alguns remédios, como corticoides ou broncodilatadores. O tratamento depende da historia de saúde da pessoa e, por isso, deve ser sempre orientado por um pneumologista. Veja mais sobre as opções de tratamento para asma

2. DPOC

Peito chiando: 8 principais causas e o que fazer

A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica, também conhecida como DPOC, é uma doença que engloba a bronquite crônica e o enfisema pulmonar, que são, além da asma, outras das causas mais frequentes de chiado no peito.

Além do chiado, outros sintomas característicos da DPOC são a sensação de falta de ar, a tosse e a dificuldade para respirar. Entenda melhor que é a DPOC e veja como é feito o diagnóstico.

O que fazer: o tratamento da DPOC consiste em adotar um estilo de vida saudável, evitando o uso de cigarro, por exemplo, além de realizar o tratamento orientado pelo pneumologista, que geralmente consiste no uso de remédios corticoides e broncodilatadores.

3. Infecções respiratórias

Peito chiando: 8 principais causas e o que fazer

Infecções respiratórias como bronquite, bronquiolite ou pneumonia também podem ser uma causa de chiado no peito, já que são doenças que dificultam a respiração, causando falta de ar e produção de catarro. Veja como identificar uma infecção respiratória e como tratar.

O que fazer: o tratamento das infecções respiratórias é feito com antibióticos, caso se trate de uma infecção causada por bactérias, sendo necessário, em alguns casos, administrar corticoides e broncodilatadores, para reduzir a inflamação e facilitar a respiração.

O repouso, a hidratação e a realização de uma dieta equilibrada também são medidas que aceleram a cura.

4. Exposição a fumaça de cigarro

Peito chiando: 8 principais causas e o que fazer

A exposição à fumaça de cigarro é um fator de risco para desenvolver doenças respiratórias, como enfisema pulmonar ou bronquite crônica ou para agravar a asma, o que acaba contribuindo para a inflamação das vias aéreas e aparecimento de chiado.

O que fazer: para evitar desenvolver uma doença pulmonar ou agravar uma doença já existente, deve-se parar de fumar. Veja 8 dicas para parar de fumar.

5. Inalação de um objeto

Peito chiando: 8 principais causas e o que fazer

A inalação de um objeto ou corpo estranho, como um brinquedo pequeno, por exemplo, acontece geralmente em crianças e pode ser uma situação bastante perigosa, já que pode causar a obstrução das vias aéreas.

Os primeiros sintomas que podem surgir são dificuldade para respirar, tosse e chiado no peito, que vão depender da região onde o objeto ficou preso.

O que fazer: em caso de suspeita de inalação de um objeto é recomendado ir imediatamente à urgência médica.

6. Problemas cardíacos

Peito chiando: 8 principais causas e o que fazer

A existência de algum problema cardíaco, como insuficiência cardíaca, também é uma das causas mais comuns para o aparecimento de chiado no peito, especialmente em pacientes mais idosos. Isso acontece porque, uma vez que o coração não está bombeando o sangue corretamente, pode acontecer um acúmulo de líquidos no pulmão, o que faz com que os tecidos fiquem mais inchados e o ar tenha maior dificuldade para passar, causando o chiado.

Outros sintomas comuns em pessoas que apresentam algum tipo de problema cardíaco são cansaço excessivo durante o dia, inchaço das pernas, dificuldade para respirar e tosse seca persistente, por exemplo. Confira 11 sinais que podem ser sinal de problemas no coração.

O que fazer: sempre que existir suspeita de algum tipo de problema cardíaco é muito importante consultar um cardiologista, para identificar a causa e iniciar o tratamento mais adequado.

7. Apneia do sono

Peito chiando: 8 principais causas e o que fazer

A apneia do sono é a principal causa para o aparecimento de chiado ao dormir, que pode também evoluir para roncos. Esta condição causa uma parada momentânea da respiração ou dificuldades respiratórias durante o sono, devido a uma alteração nos músculos da laringe que faz com que as vias respiratórias fiquem obstruídas.

Além dos sons produzidos durante o sono, a apneia do sono também pode fazer com que a pessoa acorde cansada, como se tivesse estado fazendo exercício durante o sono.

O que fazer: o tratamento da apneia do sono pode ser feito através do uso de um aparelho próprio, chamado de CPAP, ou cirurgia, quando a utilização do aparelho não é suficiente. Saiba mais sobre o tratamento da apneia do sono.

8. Refluxo gastroesofágico

Peito chiando: 8 principais causas e o que fazer

O refluxo gastroesofágico consiste no retorno do conteúdo do estômago para o esôfago e boca, podendo lesar as vias aéreas superiores devido à acidez do suco gástrico. Embora os sintomas mais comuns sejam azia, má digestão e sensação de queimação no esófago e na boca, o constante contato do ácido com as vias respiratórias pode também causar rouquidão, tosse e chiado.

O que fazer: o tratamento do refluxo gastroesofágico é feito através de mudanças nos hábitos alimentares e com remédios que protegem e reduzem a acidez do estômago. Veja quais os remédios mais usados no tratamento do refluxo.

Bibliografia >

  • JUNIOR, Luiz João A. Doença do refluxo gastroesofágico. JBM. Vol 102. 6 ed; 31-36, 2014
  • AMERICAN THORACIC SOCIETY. What Is Obstructive Sleep Apnea In Adults?. 2017. Disponível em: <https://www.thoracic.org/patients/patient-resources/resources/obstructive-sleep-apnea-in-adults.pdf>. Acesso em 28 Jul 2020
  • WEBMD. Sleep Apnea. Disponível em: <https://www.webmd.com/sleep-disorders/sleep-apnea/sleep-apnea>. Acesso em 28 Jul 2020
  • SILVA, Luiz Carlos et al.. Pneumologia: Princípios e Prática. 1.ed. Porto Alegre: Artmed Editora, 2012. 447-479.
  • BROADDUS, V. Courtney. et al. Murray & Nadel tratado de medicina respiratória. 6.ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2017. p. 750-765.
  • SMOKING AND TOBACCO CONTROL MONOGRAPH NO. 9. Disease Consequences of Cigar Smoking. Disponível em: <https://pdfs.semanticscholar.org/09b4/e65b363fbe72176f65c536b18854dcea173d.pdf>. Acesso em 28 Jul 2020
  • SOCIEDADE PORTUGUESA DE GASTROENTEROLOGIA. Doença de refluxo gastro-esofágico: normas de orientação clínica. 2012. Disponível em: <https://www.spg.pt/wp-content/uploads/2015/11/NOC_drge.pdf>. Acesso em 02 Out 2019
Esta informação foi útil?   
Sim  /  Não

Ficou alguma dúvida. Deixe aqui a sua questão para que possamos melhorar o nosso texto:

Atenção! Só poderemos responder diretamente se deixar o seu email.
Irá receber um email com um link que deverá aceder para confirmar que o email lhe pertence.
Mais sobre este assunto:

Carregando
...
Fechar Simbolo de finalizado

Pode perguntar

Fechar
É hora de acabar com todas as suas dúvidas!
Erro
Erro
Erro
Marque a caixa de verificação acima.
Enviar Mensagem