Somos REDE D'OR
icon de informação icon de telefone 3003-3230
Número disponível apenas em território brasileiro, com custo de chamada local.

12 melhores exercícios para a terceira idade

Revisão clínica: Carlos Bruce
Personal Trainer
janeiro 2023

A prática de exercício pelos idosos é muito importante e traz diversos benefícios para a saúde, como ajudar a manter ou aumentar a massa muscular, manter a densidade óssea, melhorar o equilíbrio, coordenação e mobilidade, reduzir o risco de queda, e ajudar a manter a independência na realização das atividades do dia a dia.

Porém, é sempre importante consultar um médico para que seja realizada uma avaliação geral, de forma a adaptar cada exercício ao histórico clínico, como presença de doenças cardiovasculares ou pulmonares. Além disso, antes e depois dos exercícios é importante alongar para aquecer todos o corpo e prevenir o aparecimento de lesões.

Assista ao vídeo a seguir e conheça outros benefícios dos exercícios na terceira idade:

Os melhores exercícios para a terceira idade incluem:

1. Caminhada

As caminhadas, além de promoverem o convívio social, fortalecem os músculos e as articulações e melhoram o ritmo cardíaco. Durante a caminhada, é importante manter as costas e os ombros eretos e usar uns tênis confortáveis, com amortecimento, e manter sempre o mesmo ritmo, que deve ser um pouco acelerado, diferente do ritmo que caminha normalmente.

É recomendado começar por trajetos curtos e ir aumentando a distância até fazer caminhadas de 30 a 60 minutos, cerca de três vezes por semana. Antes e depois das caminhadas, é muito importante alongar para evitar lesões.

Além disso, para evitar alterações na circulação do sangue, que normalmente nas caminhadas quando o braço permanece muito tempo para baixo, pode-se optar por manter os braços flexionados durante a caminhada, como se fosse realizar uma corrida, por exemplo, ou caminhar apertando uma bolinha, pois assim favorece a circulação do sangue.

2. Hidroginástica

Na hidroginástica, todos os músculos do corpo são exercitados e a água favorece o relaxamento das articulações, aliviando as dores e desenvolvendo a força e resistência do corpo. Além disso, a hidroginástica melhora o ritmo cardíaco e a saúde dos pulmões. Conheça os principais benefícios da hidroginástica para a saúde.

3. Natação

A natação é um dos melhores exercícios para a terceira idade porque ajuda a alongar e fortalecer os músculos e articulações do corpo, sem que ocorram lesões ou sem que se provoque um grande impacto nas articulações, o que é prejudicial nesta idade.

Além disso, a natação ajuda a aliviar as dores causadas pela artrite, evitar a perda óssea e diminuir o risco de doenças como diabetes ou hipertensão, por exemplo.

4. Agachamento

Com os pés ligeiramente à largura dos ombros, deve-se estender os braços para a frente e dobrar lentamente os joelhos, jogando o quadril para baixo e empurrando o bumbum para trás, como se estivesse sentando em uma cadeira imaginária, mantendo as costas sempre retas. Voltar à posição inicial e repetir 10 vezes.

Neste exercício, é muito importante que os joelhos nunca fiquem à frente dos pés e, por isso, deve-se empurrar o bumbum para trás o máximo possível. Caso não se consiga descer muito, deve-se descer até ao máximo possível e, aos poucos, ir descendo mais um pouco.

5. Bíceps com halter

Sentado em uma bola ou cadeira sem braços, segurar um halter em cada mão, com os dedos virados para a frente, e levantar os pesos lentamente em direção aos ombros, mantendo os braços e cotovelos perto do corpo, voltando lentamente à posição inicial. Repetir 10 vezes.

Os exercícios de musculação são interessantes para fortalecer e aumentar a resistência dos músculos, além de melhorar a postura e aumentar a densidade óssea, tornando os ossos mais fortes e evitando o seu desgaste e as chances de fratura.

6. Prensa de ombros

Sentado em uma bola ou cadeira sem braços, segurar um haltere em cada mão e levantar os pesos até ficarem ao nível dos ombros. A seguir, empurrar lentamente os halteres para cima da cabeça até os braços ficarem esticados, mas ligeiramente dobrados, e voltar lentamente à posição inicial. Repetir 10 vezes.

7. Andar de bicicleta

Andar de bicicleta também é uma boa opção de exercício para idosos porque ajuda a fortalecer as articulações, especialmente as dos joelhos, tornozelos e quadril, além de ajudar a fortalecer os músculos das pernas e abdômen.

Além disso, andar de bicicleta ajuda também a baixar a pressão arterial e a aliviar as dores provocadas pela artrite.

8. Pilates

O pilates ajuda a estimular a circulação sanguínea e aumenta a flexibilidade e a força, favorecendo a coordenação dos movimentos. Além disso, também ajuda a melhorar a postura e a aliviar o estresse.

9. Alongamentos

Os alongamentos, além de melhorarem a flexibilidade e a circulação sanguínea, melhoram também a amplitude dos movimentos, favorecendo a realização das atividades de vida diária como arrumar a casa ou cozinhar, por exemplo.

Além disso, os exercícios de alongamento ajudam a diminuir a rigidez das articulações e dos músculos e a evitar o aparecimento de lesões. Confira alguns exercícios de alongamento para idosos.

10. Joelho no peito

Deitado no chão, em um pequeno colchão de fitness, dobrar uma das pernas até perto do peito, segurar o joelho com as mãos e manter por 5 a 10 segundos. Depois, trocar de perna e repetir esses movimentos 10 vezes.

11. Degraus no step

Colocar um dos pés num step ou num degrau de escada e levantar a outra perna lentamente para cima do step ou do degrau. A seguir, abaixar lentamente a perna de volta para o chão. Repetir 10 vezes para cada perna.

12. Yoga

O yoga varia exercícios de força com exercícios de equilíbrio, ajudando a melhorar a postura, a estabilidade e flexibilidade do corpo, além de ajudar a alongar e tonificar os músculos e relaxar as articulações.

A prática do yoga também promove o relaxamento, aumentando a sensação de bem estar e a disposição para realizar as atividades diárias.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Marcela Lemos - Biomédica, em janeiro de 2023. Revisão clínica por Carlos Bruce - Personal Trainer, em maio de 2016.
Revisão clínica:
Carlos Bruce
Personal Trainer
Formado pela Universidade Federal do Rio De Janeiro em 2012, com registro profissional no CREF 038849-G/RJ.

Tuasaude no Youtube

  • O segredo para ENVELHECER com SAÚDE

    10:39 | 7143 visualizações
  • Incontinência Fecal: causas, sintomas e tratamento | @Mirca Fisioterapia e Bem-estar

    07:18 | 48615 visualizações