Ative as notificações para não perder as publicações de saúde e bem estar mais interessantes.
O que você precisa saber?

10 motivos que fazem o cabelo cair

A queda de cabelo é um processo natural que faz parte do ciclo de crescimento dos fios e, por isso, é normal o indivíduo nem notar que perde entre 60 a 100 fios de cabelo por dia.

A queda de cabelo pode ser preocupante quando é excessiva, ou seja, quando se perde mais do que 100 fios de cabelo por dia, pois ela pode ser causada por alterações hormonais, estresse, carência de vitaminas ou anemia, por exemplo.

Principais causas da queda de cabelo

A queda de cabelo excessiva pode ser causada por:

  1. Alimentação pobre em nutrientes e vitaminas: as proteínas, o zinco, o ferro, a vitamina A e a vitamina C ajudam no crescimento e fortalecimento capilar, por isso, uma dieta pobre nestes nutrientes favorece a queda dos cabelos;
  2. Estresse e ansiedade: o estresse e a ansiedade aumentam os níveis de cortisona e adrenalina que inibem o crescimento dos fios, causando queda excessiva;
  3. Fatores genéticos: a queda de cabelo excessiva pode ser herdada dos pais;
  4. Processo de envelhecimento: a menopausa nas mulheres e a andropausa nos homens pode aumentar a queda de cabelo devido à diminuição de hormônios;
  5. Anemia: a anemia por carência de ferro pode causar queda excessiva do cabelo, pois o ferro ajuda a oxigenar os tecidos, entre eles o couro cabeludo;
  6. Uso de produtos químicos no cabelo ou penteados muito presos ao couro cabeludo: podem agredir os fios de cabelo, favorecendo a sua queda;
  7. Uso de medicamentos: medicamentos como varfarina, heparina, propiltiouracila, carbimazol, vitamina A, isotretinoína, acitretina, lítio, betabloqueadores, colchicina, anfetaminas e medicamentos contra o câncer podem favorecer a queda de cabelo;
  8. Infecção por fungos: a infecção do couro cabeludo por fungos, chamada de tinha ou micose, pode favorecer a queda excessiva dos fios de cabelo;
  9. Pós-parto: a diminuição no nível dos hormônios após o parto pode resultar em queda de cabelo;
  10. Algumas doenças como por exemplo lúpus, hipotireoisdimo, hipertireoidismo ou alopécia areata. Saiba mais em: Alopécia areata.

Nestes casos, é recomendado marcar uma consulta no dermatologista para identificar a causa e orientar o tratamento que pode ser feito com alimentação adequada, remédios, suplementos nutricionais, shampoos, técnicas estéticas como carboxiterapia ou laser, ou técnicas cirúrgicas como implante ou transplante capilar.

Para saber mais sobre o tratamento para queda de cabelo consulte: Queda de cabelo, o que fazer?

Mais sobre este assunto:


Carregando
...